História Unexpected - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Mamamoo, Super Junior
Personagens Heechul, Hwasa, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Moonbyul, Personagens Originais, Rap Monster, Shindong, Solar, Suga, V, Wheein
Tags Bangtan Boys, Bts, Jikook, Namjin, Taegi, Taekook, Vkook, Yaoi, Yoonmin
Exibições 188
Palavras 1.549
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


~brotei

QUASE Q EU NAU TERMINO DE ESCREVER A TEMPO GDEUS DO SEOUL bahavhabaj
Se tiver mts erros POR FAVOR me corrijam, okay?okay
N vou enrolar aki , até as notas finais

Boa leitura♡

Capítulo 12 - O troféu de Pior amigo do mundo


Fanfic / Fanfiction Unexpected - Capítulo 12 - O troféu de Pior amigo do mundo


  Quinta-feira, 11 de setembro

05h25min:

    O som de Bang Bang Bang começou a ecoar no quarto e apesar do horário e de estar com muito sono, me sentei na cama começando a cantar e dançar a música. Uma imagem linda de mim com os olhos enchados, pijama de vaquinha e cabelos bagunçados podia ser vista no prédio que está frente a minha janela.O que podia fazer?  É Big Bang na alma e com sorte ninguém ali estava vendo pelo horário.

    Peguei o meu celular e desliguei o alarme consequentemente parei a música. Me arrastei até o banheiro igual um zumbi com o celular na mão. Apoiei o aparelho celular em cima da tampa abaixada do vaso e coloquei a música Hello Bitches da Diva, Rainha da porra toda, dona do caralho a quatro, vulgo CL.

    Após terminar todas as minha necessidades, como escovar os dentes, liberar o barro- até porque é melhor em casa do que na escola - e tomar um bom banho de seis músicas, me sentei no sofá com um prato com uma fatia de bolo de morango - obviamente comprado já que sou péssimo cozinhando - e uma xícara do One piece em mãos, para assistir o meu desenho do Pororo enquanto esperava a Hwasa.

     Querer ir pra escola com a Hwasa é uma coisa difícil e um caso de vida ou morte. Porque, poxa , eu deixei de ir com o Crush - e com o Namjoon - pra ir com alguém que me bate o tempo todo, mas que eu amo muito, mas ressaltando que me bate muito. Ela já não gostava da ideia de ir comigo por mais que Ela precise passar em frente a minha casa para ir a escola, Acho que ela me odeia.

    Ao ouvir o som das batidas na porta puxei a mochila a pondo nas costas, coloquei o celular no bolso e corri pra cozinha apenas para deixar a xícara já vazia na pia. Fui as presas até a porta a abrindo e dando de cara com a menor com seu pirulito na boca enquanto estava sentada no chão com uma cara de tédio. Ela tinha essa mania de sentar no chão então nem me espantei.

   -Booom Diaaa - falei cantarolando enquanto fechava a porta do meu apartamento e certificava se estava trancada. Eu estava com um ótimo humor hoje.

   -Bom dia é o caralho. - Hwasa se levanta e arruma a mochila nas costas - Vamos de ônibus -ela avisa já andando em direção ao elevador.

  -Mas a escola nem é longe -corro para a acompanhar e entro no elevador junto a ela -Preguiçosa... -murmuro a última parte e ganho um soco em meu braço e resmungo de dor.

   -Não perguntei. -Ela rir de minha cara de dor e aperta os botões para o elevador descer.

     Sabe aqueles elevadores com musiquinha?  Aqueles que todo mundo odeia a música -menos eu-? Não é o caso deste elevador. Esse elavador não tem musiquinha!  Fiquei bem revoltado quando passei a morar aqui por isso. O máximo de música que eu posso ter em um elevador é a música do meu fone.
    Abro o bolso menor da mochila em busca do meu fone e acabo por chegar a conclusão de que ele ficou em casa. Mas tudo bem,  estou com um humor tão bom que a falta do fone não importa.

    O caminho do elevador até o Ponto de ônibus se resumiu em Hwasa me ignorando para ouvir sua música,  e cantarolar a música também estava incluso nisso. Nem tentei  puxar assunto mas confesso que torci muito para que seu celular acabasse descarregando. Que Deus me perdoe, mas eu queria que isso acontecesse.

  Infelizmente eu não tinha a sorte de morar perto da  wheein para ir junto a ela hoje.Mas Yoongi teve essa sorte e achava essa sorte um azar. Irônico, não?  Pra que iríamos marcar de ir juntos hoje era simples,  As provas já estavam chegando e tínhamos que escolher em que casa ficaríamos para estudar no fim de semana. Se queríamos assistir os jogos que também já se aproximavam tínhamos que manter boas notas. O Interessante é que Yoongi ama assistir os jogo mas odeia quase todos os jogadores. Vai entender.

[...]

07h03min:

    -Espera aqui, eu já venho! - corro até a sala dos professores deixando a Hwasa para trás no corredor um pouco depois que entramos na escola, eu sabia que ela não ia me esperar mas tudo bem . Precisava pegar meu trabalho de artes com o professor Heechul. Ele tinha me dito que após lançar a nota do trabalho não faria mal me deixar com minha "obra de arte".

  -Sem correr!  - sou reepredindo por um professor- Ah tinha que ser, Kim Taehyung - Shin Dong Hee  rir baixo e leva a caneca com café até a boca -Aonde vai? -o professor caminha ao meu lado puxando um assunto aleatório. Ele é o professor de geografia.  Infelizmente não é meu professor e felizmente não é meu professor. Eu sei que fui contraditório porém apesar dele ser legal pra caramba, ele passa muito dever e as provas dele são 3 folhas frente e versa. Sei disso porque ele é professor do Yoongi.

   -Estou indo pra sala dos professores,  O professor Heechul está por lá?  -pergunto e o vejo concordar. Enquanto passei a me queixar sobre meus professores ShinDong simplesmente ria e me dizia que reclamar não levava a nada.  Assim que entramos na sala ShinDong logo foi distribuir o seu "bom dia" para a professora de educação física de minha sala,  Ho Hyun Joo , ou Jessi que era seu apelido ne época que morou nos Estados Unidos. Ela sempre tinha uma história da vida dela para contar no início ou no final da aula por isso sei do seu apelido.

   - Oi professora -sorrio.

   -Bom dia Taehyung. - a morena respondeu e logo se sentou a mesa com sua pasta em mãos começando a fazer algo que não tive interesse em saber o que é.

   - Por que tem um aluno na sala dos professores?  - Heechul pronunciou entrando na sala e ao ver que era eu andou até seu armário e tirou de lá Minha obra em argila pintada de amarelo. -Vaza daqui antes que a diretora te veja.

    Peguei minha obra e  rir baixo Não tardando a sair logo daquela sala em direção a biblioteca.

[...]
 
07h23min:

   - Então está decidido. Vai ser na casa do TaeTae - ouço
wheein falar assim que entro na biblioteca.

   - O que vai ser na minha casa? -me sento ao lado do Yoongi. E estendo minha obra em sua direção- É pra você!

    Sua primeira reação foi surpresa. Chegou até a corar um pouco mais ao analisar a arte a vermelhidão em seu rosto ja era irritação.

   -Vai se fuder! Toma no olho do seu cu. Eu sou um amigo ótimo e você me vem com isso? -ele indaga e coloca o troféu meio torto escrito "Pior amigo do mundo" em cima da mesa. Ao ler a frase as meninas passaram a rir. Wheein riu disfarçando e Hwasa na cara dura.

    - Te amo - riu e me afasto dele antes de receber um tapa.

   -Pois bem. Farei jus ao meu troféu - Yoongi sorriu maldoso.

      É... fudeo.

  [...]

    10h49min:

   - Se o Tae deixar... Podemos?  -Jungkook cutuca meu braço e eu o encaro sem entender qual foi o rumo da conversa deles. Desde que me sentei nessa mesa do refeitório só consegui pensar no que Yoongi iria aprontar, na verdade também fiquei pensando nisso durante a aula.

   -Ah... Claro... -Concordei sem nem ao menos perguntar o que era. Não queria fazer parecer que não estava ouvindo mesmo que eu realmente não estivesse ouvindo.

   -Então vai ser esse final de semana. Está decidido.  -Namjoon se levantou e levou Jessica e Jin junto consigo. Logo em seguida Jimin se levantou dizendo ir beber água.  Mas é óbvio que o bebedouro não tem cabelos verdes e nem está dormindo na sala de aula nesse momento. Em outras palavras,  o bebedouro não é o Yoongi mas ele ia no Yoongi e não ir beber água.

   -Mas se eu for meu gato fica sozinho em casa - Hoseok murmurou aponhando seu rosto no seu punho fechado do braço que estava posto na mesa.-Ele vai destruir as cortinas novas.

    -É só levar o gato. O Tae não se importa -Jeon respondeu deitando a cabeça em meu ombro. Ah como eu queria saber do que eles estão falando.  Olhei em volta e meu olhar se cruzou com garota ignorante das perguntas. Ela murmurou alguma coisa que eu não entendi mas pela sua cara de ódio não era coisa boa.  Engoli em seco e desviei o olhar tentando me manter calmo para não sair gritando por ai com medo dessa garota ter uma arma e me matar.

      Se ela não me matar eu Acho que eu morro de infarto porque ter o crush deitado no meu ombro ta me matando. Mas juro que morrer pelo crush parece melhor doque morrer pela maluca ali... parece bem melhor.


Notas Finais


É o seguinte to terminando um capítulo q vai sair logo q tem o passado do Jimin e do Tae♡ um bromamce vmin♡ hehe
Sim o ShinDong entrou ma estória assim como outros idols vão entrar tbm aeew heuwbhw

Ah obgd pelos favoritos♡ e comentários :')

Antes q eu me esqueça

https://spiritfanfics.com/historia/sob-voce-6717748

Fanfic da minha unicórnio♡ dêem uma olhadinha

~sai


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...