História Unfaithful - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Jay Park, Simon D.
Personagens Simon Dominic
Tags Drama, Khiphop, Romance, Violencia
Exibições 132
Palavras 623
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Eu voltei, por favor sem pedradas
E decidi fazer um capítulo só para o Simon, mostrar como ele se sente.
Notas finais por favor

Capítulo 10 - Cuddle


Fanfic / Fanfiction Unfaithful - Capítulo 10 - Cuddle

                     • Simon P.O.V •

Eu sou um merda, e ninguém precisa jogar na minha cara porque eu sei disso muito bem.
Joy não era obrigada a me aceitar ali, me deixar dormir em sua casa, sua cama, logo depois de chorar em seus ombros como um perdedor por conta de sua irmã. Lisa era a esposa perfeita, linda, cuidava bem de mim e da casa, mais então sempre tinha Joy, que vivia correndo de mim no início, e isso me deixava louco.
Era fodido pensar em minha esposa dormindo com outro, mais eu Fazia o mesmo e ainda por cima com a irmã.

03:00 da manhã e eu ainda não havia conseguido dormir, eram pensamentos e sentimentos demais para lidar. Joy dormia ao meu lado, a respiração calma, os cabelos espalhados sobre o travesseiro, ela é linda. Porque mesmo eu havia casado com a irmã, ao invés dela ?
Decidi tentar aproveitar o resto da noite dormindo; a abracei e naturalmente ela se aconchegou em meu peito.

Escutei meu celular tocar e me virei para pegá-lo en cima o criado mudo, Lisa. Ignorei a ligação e me virei em direção a Joy, estava quase no horário que ela levantava para trabalhar, resolvi levantar e preparar seu café.
Conhecia cada detalhe de sua casa, então achar o que era necessário para o café não foi difícil, depois de tudo pronto fiquei sentado esperando que ela acordasse .

- Simon?
Escutei ela me chamar no quarto, provavelmente achando que eu já havia ido embora.
- Será que ele ja foi ? ... Simon?
- Cozinha.
Respondi , vendo ela aparecer instantes depois na sala, o cabelo num coque mal feito; óculos a qual não vivia sem e ainda de pijama, eu era um puta sortudo.
- Bom dia Joy.
- Dia...
Respondeu ela de cabeça baixa vindo em minha direção. Parecia sem graça, e não era para menos, não costumávamos ter esses momentos.
- Vem cá, senta aqui.
A chamei batendo de leve em minhas pernas para que ela sentasse. Um pouco sem jeito ela veio, ainda sem me olhar muito.
- Quem aqui está passando fome Simon? Para que tudo isso?
Perguntou ela rindo ao ver a quantidade de comida.
- Você, coma bem, trabalha por muitas horas, não quero que passe mal.
- Passarei se comer tudo isso.
- Eu ajudo.
Respondi segurando seu rosto e lhe selando os lábios. Ela pareceu se surpreender.
- O que? Não faça essa cara, se não serei eu a ficar com vergonha .
- Não acha que tem que voltar para casa Simon ?
- Está me expulsando Joy?
- De forma alguma, só acho que deve conversar com a Lisa.
- Não vamos acabar com esse momento Joy, falarei com isso irmã em outro momento, só por favor, me deixe aproveitar esse tempo com a minha garota, que tal ?
- Tudo bem...
- Ótimo.. então quem era o cara que estava aqui outro dia ?
- Ahh... um amigo .
- Claro, ele transou bem pelo menos?
- Simon!
- Não sou burro Joy, seja sincera comigo como sempre fui com você, só me avise se ele for melhor, aí terei que me esforçar para lembrá-la que 2 anos não vencem algumas semanas.
- Tudo para você se resume a sexo ?
Perguntou ela de forma seria.
- Jamais meu amor, mais tenho que ficar de olho em quem minha garota põe dentro de casa.
- Você é bipolar né?
- Admito que agi errado no outro dia, me senti inseguro com outro homem por perto, mas já passou certo.
- Se você diz.
- Coma, te levarei para o trabalho, e não marque nada para noite tudo bem? Te levarei para jantar.


Notas Finais


Perdoa pelo sumiço.
Bom no começo a fanfic e resumiria Joy e Simon, então eu pensei que ficaria melhor com outro cara também, afinal se Simon tem Joy e Lisa, Joy também tem o direito de ter alguém que a ame da mesmo forma que Joy ama o Simon.
Tenho medo de mudar a história de foco, por isso tenho demorado tanto.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...