História Unidos por um Neko - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Lemon, Yaoi
Exibições 45
Palavras 590
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Ecchi, Famí­lia, Ficção, Josei, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi, Yuri
Avisos: Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Boa Leitura

Capítulo 4 - Capítulo 4 - Pedro


Capitulo 4 - Pedro

Quando seu olhar se encontrou com o dele, ele inclinou seu corpo e ficou na ponta dos pés para conseguir ficar do tamanho do seu Companheiro (Guilherme era um pouco mais alto do que ele) e seus lábios tocaram o dele. Era um beijo suave, o simples toque de Guilherme o fez ficar entregue totalmente ao prazer. Depois de um tempo ele separou o Beijo.
- E-eu tenho q-que ir. - Gaguejou Guilherme.
- Obrigado por tudo John, Boa Noite. - disse Guilherme sorrindo e dando um beijo na bochecha de John, que depois continuou seu caminho.
- Boa Noite.
John ficara o observando ir para sua casa para certificar-se de que ele chegaria em segurança. Quando ele entrou em casa, John deu um suspiro de Alívio e entrou em sua casa, trancou a porta e tentou se apoiar em algo, porque ele estava tonto e ansioso pelo que havia acabado de acontecer. Ele ainda podia sentir os lábios de Guilherme, seu perfume, o toque dele em seu corpo. Sua mente, por sua vez, só podia concentrar-se naquele momento em que os lábios deles se encontraram, John estava no Paraíso. Ele subiu as escadas, e se jogou na cama; Fechou os olhos e adormeceu rapidamente.
**
Havia amanhecido e John ainda dormia, até em seus sonhos ele estava revivendo seu beijo com Guilherme, e até um pouco mais.. Ele fora acordado pelo barulho da Campainha que tocava repetidamente. John correu para o banheiro e fez sua higiene matinal e foi até a porta atender quem estava tocando a campainha de sua casa.
- P-Pedro!?
- Isso são modos de receber um irmão? - disse Pedro com uma sombrancelha erguida.
- Realmente, sei que não é. Me perdoe, é que faz tanto tempo.
- Realmente, faz muito tempo mesmo, você cresceu tanto - Pedro puxou John para um abraço apertado.
John ainda estava surpreso por Pedro estar ali, ele não via seu irmão fazia tempos.
- Peter, posso perguntar uma coisa?
- Claro que pode, seu bobo. - disse Pedro
- O Que faz aqui?
- Eu não tenho nenhum lugar para ir, Jonathan, sei que é díficil para você viver sozinho aqui todos estes anos. E, já faz algum tempo que eu queria voltar a morar com você, a mamãe e o Papai.
- Tudo bem, quem sou eu para te impedir, certo? Aqui também é sua casa.
- Obrigado - disse Pedro apertando ainda mais o abraço.
- D-dá p-pra me so-soltar? To ficando com f-falta d-de ar!
- Claro, me desculpe! - Pedro soltou John que já estava ficando azul.
Os dois entraram e Pedro se jogou no sofá.
- Eu vou fazer seu café da manhã. - disse John indo para a Cozinha
- OK!
O Garoto estava radiante por saber que não viveria mais sozinho naquela grande casa. E também porque seu único irmão voltou para casa depois de muito tempo. Depois de ter terminado de preparar o café da manhã de seu irmão ele o entregou em uma bandeja e deitou no sofá, para descançar um pouco mais. Ele fechou os olhos e adormeceu no sofá;
- Continua o mesmo de sempre - disse Pedro pegando John no colo e o levando para seu quarto, o colocou com a maior delicadeza que pode na cama e retornou a Sala para limpar a bagunça que John havia feito na cozinha. Enquanto o irmão dormia ele ajudava em algumas tarefas domésticas, ou era o mínimo que ele poderia fazer para ajudar o irmão.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...