História Unilateral (Jungkook imagine) - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 32
Palavras 1.153
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Visual Novel
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Bom, finalmente acabaram as minhas aulas e eu passei por média ( Pra minha surpresa ). Significa que vou ter todo o tempo possível pra escrever mais episódios e postar com mais frequência. ^-^
Boa leitura <3

Capítulo 5 - Confusões no vestiário


Fanfic / Fanfiction Unilateral (Jungkook imagine) - Capítulo 5 - Confusões no vestiário

Ela hesitou no começo, mas logo deitou seu rosto no meu ombro e começou a chorar. Eu a abracei e dei leves batidinhas em sua cabeça, o que, naturalmente, faria ela ficar mais calma.

(S/N): Jungkook, eu amo você.

Meu corção acelerou fortemente depois de ouvir isso.

'Eu amo você'.

'Eu amo você'.

'Eu amo você'.

As palavras continuavam a se repetir dentro da minha cabeça.

Devo dizer o que sinto?

O que ela quis dizer com isso?

(Eu): E-E-Eu... amo você ... também. - Falei gaguejando bonito.

Meu coração ainda estava acelerado e eu pude sentir minhas bochechas queimando, eu podia ter a certeza de que elas estavam vermelhas...

Sinto (S/N) acenar com a cabeça, ainda com ela em cima do meu ombro.

Ela dá um sorriso sarcástico e aponta pra minha blusa...

(S/N): Desculpe, Kookie. 

Olho para onde ela estava apontando e vejo minha blusa completamente suja e cheia de lágrimas. Eu podia ver o rímel dela por toda parte....

E, é lógico, eu sou o Jungkook, claro que estava usando uma blusa branca.

O que eu não faço por você, (S/N)? >.>

(Eu): Tudo bem... Eu tenho uma roupa extra no meu armário do vestiário, então não faz mal.

Ela acena com a cabeça.

Ela ia sair, mas, de repente, volta e olha diretamente pra mim. 

(S/N): Obrigada, Kookie, por sempre estar aqui pra mim... - Eu sorrio e ela sai, limpando o rosto por conta da maquiagem borrada.

Saio logo após ela e vou até o vestiário para trocar de blusa.

Assim que eu entro, começo a escutar vozes vindo por trás da parede. Ah é... os vestiários masculino e feminino são interligados por essa parede...

Dou de ombros e coloco a senha do meu armário.

(??): Você é tão idiota!! Você disse que ia fazer nossas lições de casa, mas, ao invés disso, ficou de conversinha com o nosso Jungkook!  Sua inútil!

"Nosso Jungkook"? Eu ouvi direito?

Rapidamente, tiro a blusa suja e ponho minha orelha encostada na parede pra ouvir a conversa... (#JungkookDasFofocas)

(??): Des-Desculpem.... Eu só... - Essa voz parecia familiar...

(??): Sem desculpas! Quem você acha que é, garota? Você é apenas uma perdedora, não posso nem acreditar que o garoto mais popular, amado e disputado da escola falou com uma garota tonta como você! - Outra garota falava.

(??): É, ela está certa. E da próxima vez que nos deixar na mão e falar com um garoto da NOSSA propriedade, você vai se dar mal!

Aqui vemos garotas que se inspiraram no filme 'Meninas Malvadas', mais especificamente, na Regina George... 

Eu quero muito parar essa meninas, mas se eu for pego no vestiário feminino, sou eu quem vai se dar mal.

(??): Olha só, Yuju, hoje nós vamos perdoar você, mas fique esperta pra não cometer outro erro tão grave.

Yuju! Ah não...

Começo a pensar em algo que possa ajudar a Yuju. Até que consigo uma ideia útil.

(Eu): Hmm... O dia está ótimo. - Falo bem alto para que elas sejam capazes de ouvir. - Bom, JUNGKOOK, tenho que admitir, você está muito bem hoje...

Tudo ficou silencioso no vestiário feminino.

(Eu): Me pergunto onde todos foram... Bom, tanto faz, vou só continuar admirando a mim mesmo.

Escuto pequenos gritinhos de fangirls...

Nossa...

Escuto a porta do vestiário feminino abrir e depois fechar.

Fico aliviado.

(??): O que diabos foi isso??

Olho pra trás de mim, na direção da voz.

Droga.

Vejo Mark colocando uma blusa.

Coço a nuca por causa da situação embaraçosa.

(Eu): O que quer dizer?

(Mark): Tanto faz, apenas saia.

(Eu): Bom, esse aqui é o vestiário e eu, claramente, estou fazendo algo aqui, e você quer que eu saia assim? - Pergunto apontando para a parte de cima do meu corpo, ainda nua.

(Mark): Sim.

Escuto passos vindo de trás do Mark...

(Eu): Quem está aí?

(Mark): Como assim?

(Eu): Quem está aí atrás com você? Eu escutei passos.

(Mark): Do que está falando? Só tem eu e você aqui, idiota.

Balanço a cabeça em desaprovação e vou em direção ao meu armário. Rapidamente, coloco a blusa limpa e finjo que saio, deixando Mark "sozinho".

Fico perto da porta com o ouvido encostado na mesma (#JungkookDasFofocasParteDois) até que escuto a voz de uma menina.

(??): Essa foi perto, Mark!

(Mark): É, eu sei...

Eu queria entrar e descobrir com quem o Mark estava traindo a (S/N), mas logo vi o Jimin acenando pra mim. Ele estava a ponto de gritar alguma coisa pra mim, até que eu corri e tapei a boca dele para que não descobrissem que eu estava espionando o Mark.

Ainda tapando a boca do Jimin, saio de perto do vestiário tentando ser o mais silencioso possível.

Chegamos ao corredor da escola e eu finalmente pude tirar minha mão de cima dos seus lábios.

(Jimin): O que diabos foi isso, Jungkook? Por que você tapou minha boca por todo esse tempo?

(Eu): Explico mais tarde, Jimin. Mas agora não... não aqui.

Ele dá de ombros e vai em direção a sua sala.

Abro meu armário e pego os livros pra próxima aula. Perto de mim, vejo a Yuju colocando vários cadernos no armário dela.

Caminho em direção a ela e fecho a porta do seu armário, para que ela pudesse me ver sem nada atrapalhando.

Ela dá um pequeno pulo de susto pela surpresa.

(Yuju): Ah, nossa, Jungkook, é você.... Que susto...

(Eu): Sou tão feio assim? - Falo com um sorriso sarcástico.

(Yuju): NÃO! - Percebendo o grito que ela deu, Yuju começa a ficar vermelha e coloca seu cabelo negro na frente da cara, tentando esconder o rosto. - Q-Quero dizer... Nem tanto... - Ela completa ajeitando os óculos.

Dou um sorriso de provocação.

(Eu): Você também não é nada mal. - Digo provocando ela, escaneando seu corpo de cima a baixo.

Ela começa a ficar vermelha e, de novo, esconde o rosto com o cabelo. 

Para terminar minha provocação, ponho seu cabelo atrás das orelhas e pisco pra ela.

(Eu): Você quer sair?

Yuju olha para os dois lados com um rosto duvidoso.

(Yuju): Está falando comigo? 

Eu aceno com a cabeça.

(Yuju): Quer mesmo ser vista comigo??

(Eu): Por que não? - Pisco pra ela e a puxo pela mão até a saída.

Fomos até o meu café preferido. Geralmente vou até lá com a (S/N), mas ela tinha ensaio de líder de torcida já que está na equipe...

Bom, Yuju e eu pedimos dois milk shakes e começamos a conversar enquanto pedido chegava.

(Yuju): Você vem muito aqui? - Ela pergunta timidamente.

(Eu): Quase sempre... Geralmente venho com a (S/N).

(Yuju): Oh...

(Eu): Yuju... Era  você quem estava sendo manipulada e mal tratada por aquelas garotas no vestiário?

Ela arregala os olhos em surpresa.

(Yuju): C-Como você sabe??

Antes deu poder responder, recebo uma ligação. Era a (S/N).

(Eu): Alô?

(S/N): Jungkook preciso falar com você, onde você está?

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Obrigada por esperar até agora pra eu postar <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...