História Unintentionally love you - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Magcon
Personagens Aaron Carpenter, Cameron Dallas, Carter Reynolds, Hayes Grier, Jack Gilinsky, Jack Johnson, Mahogany LOX, Matthew Espinosa, Nash Grier, Nate Maloley, Sammy Wilkinson, Shawn Mendes, Taylor Caniff
Tags Diversão, Drama, Jovens, Magcon, Romance
Exibições 86
Palavras 1.539
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Me perdoem pela demora, estou em semanas de provas e acabei me desorganizando.
Mas já já estou de volta postando frequentemente.
amo vocês
beijos.

Capítulo 17 - Guilt consumes me


—Eu aceito, claro que aceito namorar contigo. —Lauren fala e ele se levanta e eles se abraçam e sala solta um “owwwn”, Jack levanta e saí da sala e eu vou atrás dele.
 
                                                                                                                                                                                                             Point View: Maya Sanchez
 

—Jack, dá para parar de chutar as coisas? —falo enquanto observo Jack chutando tudo que havia em sua frente no

gramado.
 
 
—Eu sou idiota de achar que tinha alguma chance com ela, eu sou um idiota e o Cam é incrível, o que tinha na cabeça de achar que eu ia ter ela para mim? Que ela ia me escolher e não escolher um dos meus melhores amigos. —ele fala sem dar atenção nenhuma para mim.
 
 
—Vai ser assim Jack? Vai desistir dela desse jeito? Nunca vi você assim por uma garota e você faz assim? Desistir da Lauren? Não vai pelo menos tentar? —Taylor que não havia percebido a sua presença fala.
 
 
—Ela escolheu ser feliz com ele e não comigo, que escolho eu tenho? Se ela pode ser feliz com o Cameron eu posso ser com outra pessoa. Vai ser assim, eu não vou ficar me frustrando por aquela garota, foda-se ela também. —ele fala e entra novamente dentro da escola.
 
 
—O que a gente faz com ele? —Taylor pergunta coçando a nuca.
 
—Nada, é melhor deixar ele fazer o que quiser senão vai sobrar para a gente, e vamos voltar para a aula, depois da aula vamos para minha casa ok? Preciso conversar contigo. —falo e voltamos para sala de aula, onde encontramos todos sentados com suas duplas, pedimos licença para o professor que já se encontrava na sala e entramos, eu me juntei com Aaron e estávamos meio envergonhados pelo que havia acontecido mais cedo.
 
 
—Não acredito nisso. —falo olhando para Jack que estava de gracinha com a Caite, que decepção Gillinsky, dando bola para essa vadiazinha.
 
 
—Não acredita no que senhorita Sanchez? Divida com a sala — O professor para de explicar e pergunta me olhando, talvez tivesse falado um pouco alto.
 
—Não estou afim não professor. —falei e soltei um sorrisinho, vi Aaron e outros alunos se segurando para rir.
 
—Divida com a sala ou a senhorita vai sair desta sala e ir direto para a diretoria. —O professor fala sério.
 
—Só vou falar porque não estou afim de ficar esse final de semana de castigo —falo fazendo algumas pessoas darem risada — Eu não acredito que existem pessoas que conseguem ser tão idiotas de que só porque não foi correspondido uma vez, se rebaixa tanto para tentar acabar com a carência ao invés de lutar e se esforçar para conseguir o amor de quem tanto deseja. —falo e olho para Jack que havia recebido a indireta com sucesso, melhor assim. Volto para meu lugar e todos estavam me olhando.
 
—Agora vê se permaneça em silêncio, por favor todos os alunos coloquem o trabalho que eu havia passado encima da minha mesa. —ele fala e vejo um aluno de cada dupla indo colocar o trabalho encima da mesa do professor, Aaron foi e levou o nosso trabalho.
 
O professor começou a olhar alguns trabalhos enquanto as duplas conversam entre si e meu celular apita.
 
“A sua indireta foi recebida com sucesso” –Gillinsky, leio e solto uma risada, idiota.
 
“Vai atrás dela caramba, luta por ela. “ Mando para ele e logo o celular apita novamente.
 
“Para que lutar por uma coisa que eu perdi, olha para ela e me diga que eu não perdi, me diga que ela não está feliz. “ —Gillinsky. Assim que leio olho para Lauren, que estava rindo com Cameron, ela estava tão feliz. Olhei para Jack que me olhava com uma cara de “eu estou certo”, dei um sorriso fraco e fui incomodar Aaron.
 
—Com quem você tanto fala aí menino? —falo encostando a cabeça em seu ombro.
 
—Com ninguém não e você? —ele fala e guarda o celular.
—Com ninguém também, não precisava guardar celular. —falo e ele dá um sorriso fraco.
 
—Eu já ia guardar mesmo e não é melhor você tirar a cabeça do meu ombro? —ele fala e eu tiro a cabeça do ombro dele e olho séria para ele.
 
—Aaron menos, você me beijou e agora está com medo do Taylor por causa de eu colocar uma cabeça no seu ombro? —eu falo e ele parece ficar envergonhado. —e além do mais ele está muito mais ocupado com a dupla dele. —falo e olho para ele que ria com a sua dupla, Juliette Misoki, ela era linda, loira dos olhos azuis.
 
—Sério isso Maya? Você ficou com ciúmes do Taylor com a Juliette e decidiu me usar? Porra, você não entendeu que eu gosto de você e ser usado machuca? —ele fala e se levanta e saí da sala, todos me olhavam confusos, inclusive o professor.
 
—O que houve com a sua dupla, senhorita Sanchez? —o professor me encara e pergunta.
 
—Estava passando muito mal, posso ir atrás dele? —pergunto esperando que o professor caia na minha história.
 
—Não, fique aí e preste atenção na aula. —ele fala e eu reviro os olhos — Bom, galerinha vamos guardar os aparelhos eletrônicos e parar de conversinha paralela e partiu prestar atenção na aula. Tivemos dois alunos de duplas diferentes que colocaram os mesmos lugares, achei bem interessante e que eles tinham que se conhecer.
 
—E quem foram essas duas pessoas professor? — Taylor perguntou.
 
—Foi exatamente a senhorita Lauren Collins e o aluno Jack Gillinsky, venham para frente aqui. —o professor fala e eu fico boca aberta, é muita coincidência para duas pessoas só. Eu não sei qual cara era a melhor, a da Caite, a do Jack, a da Lauren ou a do Cam, a minha vontade era de soltar uma gargalhada alta. Lauren e Jack se levantaram e foram para a frente.
 
—O que você quer exatamente que façamos aqui professor? —Lauren pergunto, ela parecia estar tranquila ao contrário de Jack, que estava aparentando estar com vergonha.
 
—Leiam os lugares que vocês escolheram e digam porque você escolherem estes lugares. —O professor fala e se senta em sua mesa.
 
—Eu escolhi Portofino, Veneza e Londres. —assim que Lauren fala, Jack olha surpreso para ela e começa a ler os deles.
 
—Os meus foram Portofino, Veneza e Londres. —eles se olham surpresos, e dão um sorriso um para o outro, estou indecisa, devo shippar minha melhor amiga com Cam ou com Jack?
 
—Quais foram os motivos de vocês escolherem Porto fino? —O professor pergunta encarando eles e brincando com a caneta entre os dedos.
 
—Por ser um lugar lindo e bastante romântico. —eles falam juntos e trocam olhares rindo, olho para Cam que não estava com uma cara nada boa, eu também não estaria, quem gostaria de ver a pessoa que você gosta tendo clima com outra pessoa? O sinal bate, avisando o fim das aulas e eu comemorei mentalmente, eu pensei em ir procurar Aaron, mas lembrei que eu e Taylor iriamos para minha casa porque eu tenho que contar para ele sobre o beijo, admito que estou um pouco de medo com a reação de Taylor, será que ele vai entender e vai me desculpar? Terminei de guardar minhas coisas no armário e me encontrei com Taylor na saída da escola, íamos a pé já que Taylor não havia vindo de carro para a escola.
 
—Porque está tão quieta? —Taylor fala depois de passarmos um tempinho do caminho em silencio.
 
—Não estou quieta, é só você puxar um assunto que eu continuo —falo, eu estava quieta, eu estava pensativa, havia errado com ele e eu não quero perder o Taylor, ele se tornou um dos meus ficantes que eu mais me apeguei.
 
—Ok, então lá vai minha pergunta, porque Aaron saiu daquele jeito no meio da aula, porque passando mal ele não estava. —Taylor pergunta, e eu me repreendo por ter deixado ele puxar assunto.
 
—Essa eu te conto depois, agora quem vai te fazer uma pergunta sou eu, você sente algo pela Juliette? —eu falo e logo ele me puxa e me abraça.
 
—Sinto, sinto que ela é uma linda menina, sinto que ela tem um bom humor e sinto que você é melhor que ela e sinto que o que eu sinto por você, não sinto por ela. —ele fala e me abraça e beija minha cabeça, me sentia cada vez mais mal por aquele beijo meu com Aaron ter acontecido.
 
—Me desculpa, eu não te mereço. —falo e largo do abraço, ele me olha sem entender.
 
—Ei, porque está falando assim? —ele pergunta e eu sento na calçada e ele se senta do meu lado.
 
—Eu e o Aaron nos beijamos, não era para ter acontecido, fomos fazer o trabalho na casa dele e ele acabou confundindo as coisas e me beijou, ele está arrependido e eu também, e àquela hora que ele saiu da sala, é porque eu encostei minha cabeça no ombro dele e ele achou que eu estava usando ele para fazer ciúmes em você e que aquilo estava o machucando porque ele gostava de mim, eu nunca quis machucar ele e eu não quero te perder. —eu já estava chorando, a única coisa que Taylor fez foi me abraçar e sussurrar um “vai ficar tudo bem, eu ainda estou aqui. ”


Notas Finais


Espero que gostem.
Não esqueçam te comentar e favoritar, me incetiva muito.
e me desculpem de novo pela demora


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...