História Universo Paralelo - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Aventura, Carla, Paralelo, Universo
Exibições 30
Palavras 532
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Suicídio
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Esse capítulo tem uma imagem aleatória pq simplesmente eu não pensei em colocar nenhuma imagem boa.Se tiver alguma idéia,deixe nos comentários!
Boa leitura <3

Capítulo 6 - Areias Fortes


Fanfic / Fanfiction Universo Paralelo - Capítulo 6 - Areias Fortes

P.O.V Carla ON
Eu simplesmente não sabia o que fazer.Eu tava perdida.Eu acabara de perder duas pessoas que eu amava.Mas,eu tinha de seguir em frente,não tem o que fazer.
 Depois que sai daquele mercado,fui caminhando até o "fim" da cidadezinha abandonada.De longe,eu consegui identificar um portal no meio do nada.Por um segundo pensei que era o portal que me levava para o mundo real,mas então me lembrei que o portal certo estava no castelo do Rei Olioth.Era um portal rosa,e ao lado dele,tinha um mapa.Eu peguei e olhei.Nele havia os números de 1 a 4.Foi então que me lembrei daquela sala,onde tinha as quatro portas..Ignorei isso e continuei a olhar o mapa.Basicamente,nele dizia:
1-Cidade dos Esquecidos (Era onde eu estava)
2-Areias Fortes
3-Mares Profundos
4-Castelo do rei Olioth

Eu peguei aquele mapa,coloquei no bolso,e só entrei no portal.Então tudo ficou totalmente preto,eu não sabia onde estava,mas não sentia medo,isso já acontecera comigo uma vez.E então..PUF!Eu estava de pé num lugar cheio de montanhas de areia,um lugar muito,muito quente.Eu conseguia ver construções a frente,mas eu não conseguia andar.Foi então,que tudo ficou preto de novo,e eu desmaiei.
 

30 minutos depois..
Eu acordei em uma cama branquinha e com um ventilador em meu rosto.Eu rapidamente me levantei para olhar onde eu estava.Eu via umas grades..uma privada..eu..tava em uma cela?Aparentemente sim.Logo fui em direção as grades e havia um guarda do lado da minha cela.Eu chamei por ele,e o mesmo veio até mim.
-É..Senhor guarda,por que estou presa nesse..ér..local?
-Você está presa no castelo do Rei Miros.Você está aqui por que foi encontrada em frente ao portal,um local inacessível para os habitantes de Areias Fortes,você é uma estrangeira,não sabemos de onde você veio,pode ser uma pessoa ruim.Enfim..por conta disso você virará escrava,assim como os outros estrangeiros e algumas pessoas da cidade.

   Eu então me lembrei do mapa,que falava sobre as Areias Fortes.Deixei isso de lado e pensei no assunto sobre virar escrava.O que estava acontecendo com a minha vida?Onde eu estava?Por que isso tudo estava acontecendo?Eu não sabia nenhuma das respostas,talvez,quando eu chegar no portal do Rei,eu vá descobrir todas as respostas.
-Olha,Sr.Guarda,eu sou uma pessoa totalmente pacífica,não farei mal nenhum a ninguém,então,por favor me liberte.
-Minha cara,você acha que acreditarei facilmente em prisioneiras?Pff..Sonhe mais..
-Então o guarda vai embora.
-Espera!-Tarde demais Carla,ele já está longe.
Foi então que comecei a ouvir umas vozes.
-Ei!Você da cela do lado!É! Você mesmo.
Aquilo era comigo?
-Se estiver falando comigo,pessoa desconhecida,meu nome é Carla,prazer.
-Então,Carla.Meu nome é Lily e estou na cela do seu lado,para conseguir me ver,só abrir essa janelinha que tem ai na parede.

Eu só tinha percebido aquela janelinha agora.Mas então,eu a abri,e pude ver a Lily.Ela tinha os cabelos curtos e castanhos,com os olhos verdes.Ela parecia ser legal.
-Enfim.Prazer,Lily.Eu gostaria de lhe fazer algumas perguntas e..
Foi então que eu cortei a fala dela.
-Hey,Lily.Você parece ser muito legal,mas é que muita coisa aconteceu comigo hoje,tudo de uma vez.Eu preciso de um tempinho para descansar,e colocar tudo em ordem,ok?Amanhã conversamos,eu prometo.
-Ok então.Qualquer coisa me chame!Bom descanso.
Eu sabia que teria que responder um questionário no dia seguinte.Quando fui me deitar,peguei o colar da Melodie e disse "Boa noite minha pequena" e então eu dormi.
   



 


Notas Finais


Oie


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...