História Unknown good? - Capítulo 51


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys(bts)
Visualizações 13
Palavras 954
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 51 - Bak


Fanfic / Fanfiction Unknown good? - Capítulo 51 - Bak

Acordo e o lugar estava todo escuro,iluminado apenas pela luz da lua,eu estava no chão acorrentada a parede,estava um completo silêncio,encosto a cabeça na parede e fecho os olhos,tento escutar algo,mas realmente não havia ninguém pelo menos ninguém acordado ou vivo. Olho para a janela e ela estava aberta,e era lua cheia,como eu aprendi a me controlar eu só irei ficar forte,mas não me descontrolarei. Levanto a cabeça um pouco e tento ver o que tem em cima da mesa,no caso na bandeja. Puxo com força meus pulsos e a corrente arrebenta,massageio meu pulso direito e me levanto. Escolho uma das facas e tento abrir a porta para sair do lugar,mas estava trancada,tento destrancar com a faca,mas eu não consigo sentir meu corpo mais,parece que estou paralisada. Caio no chão e a faca um pouco longe,mas longe o suficiente para eu não conseguir pegar da onde estou. A porta se abre e era aquele velho desgtacado.

Xx:ora,ora,vejamos se a lobinha não acordou-ele diz debochado e se abaixa perto de mim-gostou do poder da minha querida bruxa-ele diz e eu rosno-rosna de novo e eu torço seu pescoço-estava sem condição de me defender,então eu fiquei quieta antes que ele torcesse meu pescoço-boa garota-que vontade de matar esse velho. Ele me puxa até a onde estava a corrente e vê que estavam arrebentada-percebo que não adiantou muito as correntes-ele olha para a janela e percebe que era lua cheia-não é porque você fica mais forte,que sairá viva daqui-diz rindo,os outros homens vem até nós e parecia ter algo nas correntes em suas mãos- lhe apresento a corrente enfeitiçada,nela tem um tipo de magia negra para te deixar fraca-ele diz e me sobe uma raiva,eles me acorrentam e saem do lugar e junto o demônio também. Jogo a cabeça para trás e suspiro,fico olhando para a janela e logo me vem o sono,tento dormir,mas acorrentada desse jeito estava difícil. Tento me arrumar e consigo dormir.

 

Pov's Jin

 

Estava juntando as peças de tudo e tentando achar quem matou jungkook,tiro o óculos e passo a mão no rosto,suspiro e olho para a janela,e estava ensolarado o dia,mas em questão de segundos começou a trovejar. Paro um pouco e entro no banheiro,tomo um banho e me deito na cama para tentar dormir já que passei a noite inteira acordado e agora de manhã irei dormir finalmente,me viro para o lado e depois para o outro diversas vezes,não conseguia dormir,só pensava na morte de jungkook. Me levanto da cama e quando ia abrir a porta do quarto,sinto algo atravessar meu abdômen,olho para baixo e era uma espada,a pessoa puxa a espada e eu caio no chão fraco.

 

Pov's Sun

 

Acordo com dor na costas e com meus pulsos doloridos,estava fraca demais,olho para frente e vejo a porta se abrir revelando um dos homens,ele vem até mim e tinha um olhar de pena e preocupação,não entendo seu olhar que penava sobre mim. Ele trazia uma bandeja nas mãos,ele se senta a minha frente e dá um sorriso tímido,e admito era encantador o seu sorriso.

Xx:olá sou o Lee Myung-Bak,mas pode me chamar apenas de bak-diz sorrindo.

S:o-oi,s-sou a s-sun-tento falar,mas minha garganta estava seca e eu fraca.

Bk:não se esforce tanto-ele diz e pega uma garrafa de água da bandeja,ele abre a garrafa e aproxima a mesma de minha boca,abro a boca e ele vira a garrafa devagar. Tomo a água e ele fecha ela e coloca ao meu lado. Bak pega um prato com sopa e começa a me dar a sopa na boca. Termino de comer e ele limpa a minha boca.

Bk:antes que me julgue,eu não estou aqui por vontade própria,só que ele me obriga a fazer esse serviços sujos dele,se não ele mata meus pais-ele diz abaixando a cabeça.

S:mas você é vampiro ou..-ele interrompe.

Bk:lobisomem-sorrio fraco e ele retribui. De repente a porta se abre brutalmente,e o velho aparece pegando bak pelo braço.

Xx:olha aqui seu incompetente o que eu falei sobre tentar ajudar os outros?-ele diz prensando bak na parede e começando a sufoca-lo.

S:SOLTA ELE-tento me soltar,mas falho.

Xx:CALA A BOCA VADIA-ele diz é joga uma faca perto da minha cabeça e eu me assusto-e você agora vai ser punido-ele diz e pega uma faca,bak estava fraco e caiu no chão,o velho pegou a faca e enfincou em sua perna e logo após em seu braço,eu gritava para ele parar,mas era em vão eu só recebia respostas como "cala a boca" "não se mata ou será pior para você", fecho os olhos e foco apenas nos gritos de dor,lembro de ver jungkook todo ensanguentado e morto na cama,me lembro de quando vi a lápide da loba. Me lembro de quando vi meus amigos chorando. Abro os olhos novamente e puxo com toda a minha força as correntes que não demoram muito e arrebentam. Ando até o velho e o jogo longe,pego uma faca e quando ia matá-lo os homens dele me seguram e como se não fosse o bastante aquela bruxa me paralisa. Bak havia desmaiado por ter perdido muito sangue,o velho se levanta do chão rindo e passando a palma da mão na boca retirando o sangue.

Xx:achou mesmo que me mataria assim tão facil?

S:olha aqui seu desgraçado se não fosse pelos seus cachorrinhos você não seria nada,e eu? Teria te matado-sorrio e ele me fuzila com o olhar,ele começa a se aproximar e os homens me largam,começo a rastejar em busca de ficar longe dele. Ele me pega pelo pescoço e me levanta.

Xx:agora eu vou te mostrar quem é o nada-tento me soltar,mas estava paralisada, quando estava ficando sem ar já vejo ele,atras do velho.

Xx:que tal um momento pai e filho-ele bate na cabeça do velho que desmaia...

 

                    Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...