História Unknown good? - Capítulo 52


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys(bts)
Visualizações 21
Palavras 1.813
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 52 - Person that I love


Fanfic / Fanfiction Unknown good? - Capítulo 52 - Person that I love

Pov's Suga

 

Sinto tontura e dor de cabeça e de repente tudo passa,me acalmo e quando fui me levantar quase caio,mas alguém me segura.

M:tome mais cuidado-diz dando um sorriso,aquele sorriso que eu amo,eu realmente me apaixonei pela Malu,não apenas pela beleza e sim pela sua personalidade forte. Dou um sorriso e ela me puxa para algum lugar. 

M:chegamos,meu lugar preferido-ela diz sorrindo,era uma parte sem árvore alguma,apenas flores azuis no chão,era lindo,havia um espaço no meio do lugar onde não havia nenhuma Flor. A Malu me puxa até lá e se deita no chão,ela bate a mão na grama ao seu lado e eu me deito.

M:sempre que preciso relaxar venho aqui-diz sorrindo e olhando para o céu que estava estrelado.

Sg:é lindo-admiro o lugar e me viro de frente para ela-mas não quanto você-digo isso e ela cora,voltamos a observar o céu,as estrelas estavam tomando conta do céu inteiro. Era lindo essa parte da floresta,e também longe da cidade,longe da poluição,dos prédios e da movimentação. 

M:aquelas estrelas formam um Lobo-ela aponta e da uma risadinha.

Sg:verdade-rio também. Me sento na grama,pego uma Flor e cheiro,dou um beijo e entrego para Malu que sorri tímida e cora.

M:o-obrigada-diz sorrindo com vergonha ainda.

Sg:você já viu o nascer do sol ao lado de alguém que te ama?-pergunto virando a cabeça em sua direção e ela nega abaixando a cabeça. Me aproximo Dela e pego em seu queixo,levanto seu rosto a fazendo olhar para mim. Chego perto de seu ouvido e sussurro.

Sg:então agora vera-me afasto e vejo ela arrepiada,rio fraco e me sento mais próximo a ela,o sol começa a nascer e eu pego na mão da Malu que sorri um pouco tímida e volta a admirar o alvorecer. Olho para ela e começo a fitar seus lábios,ela me olha e começa a fitar meus lábios também,eu coloco a mão em seu rosto e acaricio sua bochecha.

M:suga-murmuro um "hum"-eu nunca fiz isso-diz e eu sorrio.

Sg:então serei eu quem darei seu primeiro beijo-meus lábios tocam o Dela delicadamente,pouso minha mão em sua cintura e ela entrelaça os braços em meu pescoço,ela cede meu beijo e logo pega o jeito. Nossas línguas se movimentavam em perfeita sincronia,nos separamos por falta de ar e sorrio para ela que sorri também. Inesperadamente ela me rouba um selinho me deixando com um sorriso bobo no rosto.

M:s-suga,t-tenho que t-te contar uma coisa-ela diz abaixando a cabeça.

Sg:pode dizer-digo sorrindo e ela levanta a cabeça.

M:eu te amo-ela diz é eu começo a sorrir bobo.

Sg:o q-que?

M:EU TE AMO

Sg:TAMBÉM TE AMO-lhe abraço enquanto rio desses nossos gritos, no meio do abraço começo a escutar uma gritaria,me separo do abraço e Malu nota que eu percebi algo, me levanto e puxo ela junto até o lugar de onde veio os gritos. Era uma casa abandonada,olho para ela apreensivo e ando até a entrada,a porta estava aberta e parecia ter sido arrombada,entro na casa junto a Malu e vejo alguns homens desmaiados no chão.  Escuto a gritaria do andar de cima,subo as escadas e vejo uma porta de cara para a escada,ela estava totalmente aberta. Dentro do quarto havia pedaços de vidro por todo lado,sangue em cima da cama e fotos queimadas. Escuto um grito de sun.

S:SOLTA ELE-escuto ela gritar e corro pelo corredor junto a Malu que estava desesperada e confusa,encontro uma porta e outra porta,mas os gritos não tinham vindo delas.

Xx:CALA A BOCA VADIA-escuto a voz do pai de jungkook e vinha do andar de baixo o grito,desço as escadas e não encontro nada,não sabia de onde exatamente estava vindo os gritos. Encosto na parede e sinto algo me incomodando na costas,saio da parede e tinha uma maçaneta da cor da parede,giro a maçaneta e encontro sun no chão,pai de jungkook desmaiado,um garoto ensanguentado e inconsciente,uma mulher e dois homens caídos no chão e um homem em pé com um taco na mão e na outra mão uma faca. A roupa dele estava cheia de sangue,ele estava de costas não conseguia ver seu rosto.

Xx:olá suga e Malu.

 

Pov's Sun

 

Ele começa a bater em todos,até que a porta é aberta revelando suga e Malu assustados. Eu não conseguia me mexer ainda. 

Xx:olá suga e Malu.

Sg:chanyeol?

Ch:eu mesmo-diz sorrindo e colocando o taco no ombro.

S:tá,alguém pode me ajudar?-pergunto é todos me olham como se lembrassem de mim agora,Malu vem até mim e tenta me ajudar,mas não conseguia me deixar em pé,chanyeol vem até mim e me pega no colo. 

Sg:mas você não tinha saído?

Ch:sim,saído pra buscar uma pessoa que amo-ele diz é eu fico curiosa.

Sg:ah não chanyeol serio? De novo?

Ch:nao sei ainda na verdade-diz mordendo o labio inferior.

S:a gente pode ir pra casa? estou cansada-digo e todo assentem-espera,eles vão continuar vivos?-eles ficam com cara  de quem esqueceram-deixa eu matar-faço uma carinha de cachorro sem dono.

Ch:mas você está paralisada.

S:verdade tinha esquecido,

então quem mata?

M:eu-ela diz e pega uma faca,chanyeol me tira lá de dentro e fomos na frente do suga e da Malu,no meio do caminho tento puxar assunto.

S:então,quem é a sortuda,ou sortudo?-pergunto curiosa e sorrindo,ele cora um pouco.

Ch:c-como a-assim?-faz cara de desentendido.

S:você sabe,quem é a pessoa que você ama?

Ch:u-uma p-pessoa ué-diz é antes que eu insistisse para ele contar-chegamos-chegamos na casa e ele sobe pro meu quarto e me coloca na cama-vou ver se o jin consegue tirar essa sua paralisia-diz com vergonha e sai do quarto.

 

50 minutos depois~

 

Depois de uns minutos jin aparece no quarto e ele tinha um curativo enorme no abdômen.

S:aí meu deus,jin você está bem?-pergunto tentando me sentar e ele sorri.

J:estou sim,tome isso e passará a paralisia-diz sorrindo e colocando o líquido na minha boca,começo a sentir meu corpo de volta e começo a pular.

S:estou sentindo meu corpo de novo uhhh-saio do quarto correndo e entro no de kyung que brincava com fer,sorrio e entro no quarto.

S:oi filho,oi vaca-me sento na cama ao lado deles.

F:oi kenga-diz sorrindo.

K:oi omma,onde você estava? Fiquei com saudades-diz pulando em meu colo,sorrio e dou vários beijos pelo seu rosto.

S:a omma teve que resolver umas coisas de última hora-começo a brincar com eles.

 

00:00 

 

S:filho acho melhor você ir dormir,já está tarde- ele assente,ele guarda os brinquedos e eu o coloco na cama,dou lhe um beijo na testa e o cubro,saio do quarto de kyung com a fer.

F:onde estava?-pergunta séria e parecia brava.

S:fui sequestrada-ela me abraça e eu começo a rir.

F:fiquei assustada com seu sumiço-ela bate no meu ombro e eu chuto ela,começamos a rir,vou para meu quarto e tomo um banho,coloco o pijama e quando saio do quarto vejo um bilhete na cama escrito:quando eu voltar quero ver você com meu presente 

 

                   Ass:uma pessoa.

 

Que estranho,coloco o bilhete sobre a escrivaninha e me deito na cama,fico olhando o teto e pego no sono.

 

Começo a sentir um vento forte,abro os olhos e a janela estava aberta,me levanto e ando até ela,fecho a mesma e me viro de frente para a cama,me deito e adormeço.

 

Sonho on~

 

Estava andando pela floresta,vejo um lago,era lindo,ando até ele é me sento na beirada,começo a balançar o pé na água enquanto sinto a brisa levar meu cabelo,sinto uma mão em meu ombro,rapidamente me viro e não vejo nada. Saio de perto do lago e vejo um vulto passar Entre as árvores,parecia um lobo,Lobo mais à frente vejo outro e parecia um vampiro. Começo a correr até uma parte da floresta como se fosse um penhasco. Sinto duas mãos em meus ombros,me viro e vejo chanyeol e jungkook sorrindo,eles se aproximam e eu me afasto,eles começam a se aproximar mais,e eu a me afastar. Até que eu caio do penhasco. Abro os olhos e eu estava deitada na grama do campo de rodas vermelhas,ao meu lado estava jungkook e kyung.

Jk:vejo que acordou meu amor-diz sorrindo e me enchendo de beijos pelo rosto.

K:omma-diz animado pulando em meu colo. Eu tento falar alguma coisa,mas não conseguia,eles falavam como se me escutassem,até que vejo alguém atras de uma árvore,ando até lá e vejo chanyeol,eu e uma criança,eles estavam sorrindo. Me afasto um pouco e parecia duas vidas diferentes,uma com jungkook e outra com chanyeol. Começo a correr e às vezes olhar para trás até cair em um buraco. Abro os olhos e eu estava em uma casa,ao meu lado tinha uma sala,estava ligada à TV e passando meu filme preferido. Ando até a cozinha e vejo eu tomando água e chanyeol me abraçando por trás. De repente uma criança aparece correndo até eles.

Xx:appa,omma.

S:oi meu amor-ela diz e eu só observo.

Ch:oi filho,ei filho porque você não chama seu irmão bak?-nessa hora eu congelei,o menino sobe correndo as escadas e após alguns minutos ele é um garoto descem.

Ch:bak porque não fica aqui com a gente?-pergunta sorrindo.

Bk:é porque eu estava fazendo lição appa,omma o que a senhora fez de janta?-pergunta pulando.

 

De repente tudo fica escuro e novamente eu abro os olhos,eu estava no quarto e a minha frente estava eu e jungkook nus deitados na cama cobertos pelo lençol,o dia estava lindo.

S:kookie-ele murmura um "hum"-acorda-diz balançando ele.

Jk:ah meu amor,agora não-diz abraçando ela ainda de olhos fechados,ela joga ele da cama que logo o mesmo abre os olhos assustado-agressiva-diz rindo,os dois tomam banho e depois se vestem,logo a porta é aberta e kyung entra.

K:omma,appa,meu amigo pode vim aqui hoje?-pergunta fazendo uma carinha fofa.

Jk:claro filho

S:claro que sim-e então em questão de segundos eu apareço na floresta e olho para o chão que estava coberto de sangue,e tinha corpos,corpos de todos,coloco a mão na boca.

 

Sonho off~

 

Acordo ofegante e assustada,passo a mão no lado onde jungkook dormia e sinto um vazio não só na cama como no meu coração,respiro fundo e levanto da cama,desço escadas e vou até a cozinha. Pego um copo e ligo a torneira,pego a água e tomo.

Ch:acordada às 3:00?-pergunta sorrindo,ele vem até mim,ele vestia apenas a calça,estava sem blusa. 

S:é que eu tive um pesadelo-falo tentando evitar contato visual,pra não olhar pra certos lugares.

Ch:quer que eu durma com você?-pergunta coçando a nuca e corando.

S:n-não p-precisa-coro e sorrio fraco,quando eu ia sair da cozinha ele puxa meu pulso e me puxa para si,fazendo nossos corpos se chocarem. Ele parecia ofegante,a boca estava aberta e o cabelo meio suado,suas mãos estremanente geladas envolveram minha cintura me puxando mais para si. Ele morde o labio inferior e sinto seus lábios tocarem os meus,era um beijo necessitado,envolvo meus braços em seu pescoço,e quando nos separamos pela falta de ar eu imagino jungkook.

S:d-desculpe-digo me afastando.

Ch:pelo o que?-pergunta sorrindo bobo.

S:eu ainda o amo-abaixo a cabeça.

Ch:eu sei-diz com um semblante triste.

S:desculpa

Ch:não tudo bem-sorri forçado-bom acho melhor irmos dormir,boa noite.

S:boa noite-sorrio forçado e subo correndo,entro no quarto e me jogo na cama.

 

                    Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...