História Vamos a Saturno - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Suga
Tags Autismo, Hopega, Hoseok, Kids, Sobi, Sope, Yoongi, Yoonseok
Exibições 139
Palavras 896
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drabble, Fluffy, Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Bissexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá, espero que tenham todos uma boa leitura <3

Capítulo 1 - Nós podemos ser heróis e o que mais quisermos;


Fanfic / Fanfiction Vamos a Saturno - Capítulo 1 - Nós podemos ser heróis e o que mais quisermos;

Quando crescermos, vamos para bem longe daqui, viver em um mundo só nosso onde papai e mamãe não brigam. Onde ninguém aponta o dedo em nosso rosto e diz que não somos anjos, que anjos não existem; vamos viver livres e comer chocolate antes do almoço. Podemos deixar os vegetais para depois e passar o dia inteiro em frente a televisão assistindo desenhos animados antes de levantar e começar a correr pela casa imaginando ser um super-herói. Vamos poder usar a cueca por cima da calça sem que pensem que estamos loucos.

Eles que são velhos demais para acompanhar as brincadeiras de Jung Hoseok e Min Yoongi, o vilão e o mocinho; o policial e o bandido, o cowboy e o xerife. Hoje eu quero ser um piloto de aeronave, então resta a você ser meu copiloto. Podemos ser astronautas e sair a desbravar mundos distantes e que nunca serão realmente habitados, mas que povoamos em nossas mentes com nossas casinhas e homens feitos de doces. Parece um futuro maravilhoso e promissor com nós dois juntos.

Pois eu ainda acho que o melhor lugar para desbravarmos é Saturno.

Podemos chegar como quem não quer nada e aterrissar nossa nave espacial bem no miolo daquele grande planeta que eu tenho pendurado no teto do meu quarto sobre a cama. Ao final da tarde vamos juntos, de mãos dadas, escorregar no enorme tobogã que o cerca e mais velhos podemos redescobrir os nomes daqueles anéis, mas por enquanto será nossa diversão infantil. De noite, quando todos já estiverem dormindo, podemos nos sentar na beiradinha daqueles anéis e esperar ouvir alguma coisa em meio aquele vácuo espacial em que nos enfiamos.

Contar as estrelas diretamente do espaço deve ser a coisa mais bonita que podemos fazer, pois então façamos, sem pensar duas vezes. Vamos aproveitar e abrir os braços, ser levados pela falta de gravidade enquanto damos piruetas pelo infinito; estarei voando, como sempre quis ao comprar aquela minha capa vermelha do super-homem.

Você não acha Saturno uma boa ideia, pois quer a todo custo conhecer Júpiter. Você tem mau gosto, Yoongi, porque para mim aquele planeta grandão é todo oco e não tem diversão alguma lá dentro. Não existe um tobogã gigante, não tem tantas Luas quanto Saturno e é grande demais para duas crianças como nós, que ficamos bem miudinhos em comparação ao grande planeta encorpado que está não tão distante da Terra.

Mas tudo bem, podemos dar um pulinho em todo o Sistema Solar caso você desejar.

Vamos conhecer a enorme tempestade que o Júpiter abriga, mas eu não prometo ficar lá dentro, vou ficar esperando por você aqui de fora, sentadinho em um dos anéis do meu planeta favorito. Podíamos entrar em um acordo rápido e viver, como quem não quer nada, em Marte. Daqui alguns bilhões de anos, já velhinhos e com cabelos brancos além da pele completamente enrugada, vamos ligar para nossos pais e avisamos que viramos cosmonautas.

Podemos relatar para ele as nossas caçadas a homenzinhos verdinhos com grandes olhos negros que trafegam pelo espaço em suas naves estranhas, tão diferentes das nossas. Contamos também sobre como em nosso planetinha particular não existia nada além de amor, poeira cósmica e sonhos daqueles que um dia quiseram ser super-heróis. Seremos para sempre uma dupla dinâmica e não há quem duvide de nossos feitos através da galáxia.

Vamos mergulhar em um buraco de minhoca e esperar sair do outro lado do universo, quem sabe em uma galáxia mais distante onde a programação inteira é infantil. É um sonho!

Mamãe sempre diz que iriamos morrer após dois segundos, sem nem chegar em nossos planetinhas tão queridos, mas eu não acredito nela ou nas histórias que o papai conta sobre viagens que deram errado e astronautas que mentiram sobre estar na Lua. Da mesma forma que eu não me importo sobre o que falam sobre você. O que quase nunca é bom, eu admito. Mas eu não conto para você porque tenho medo de que você se machuque e eu não quero vê-lo chorar de novo, não porque as pessoas são ruins com você ou comigo.

Não me importo com o fato de todos rirem da minha cara e me chamar de louco por falar sozinho. Eu não ligo para os gritos da mamãe pedindo para que eu cale a boca e pare de falar com as paredes, porque você sempre me ouve quando eu quero chorar escondidinho no meu quarto, o primeiro planeta que descobrimos juntos. Papai diz que você não é real e que não passa de uma miragem da minha mente, porque segundo ele eu sou muito especial e tenho uma doença chamada autismo.

Viu só, Yoongi? Eu disse que era um super-herói! Só super-heróis são especiais, e eu sou especial, assim como você é especial para mim.

Eu não ligo se ninguém pode vê-lo ou tocá-lo. Não me importo de ser chamado de louquinho ver ou outra por todos ou apenas alguns, porque no futuro seremos só nós dois sem ninguém apontar o dedo para nós. Você não vai mais precisar chorar por mim e eu não terei mais que rir ao invés de chorar, porque meninos fortes não choram. Nada disso importa.

Tudo que precisamos é do nosso planetinha que nos espera por ai, alguns anos luz daqui, com ou sem um tobogã ao redor. Cheio de homenzinhos verde ou vazio. 


Notas Finais


Eu espero que tenham gostado. Foi bem leve e kid yoonseok, porque eu estou apaixonada por histórias assim.
Se você chegou até aqui deixe seu oi ~oooi.
Amo vocês <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...