História Vampire Academy ! ( Camren G!P ) 1, 2 And 3 Season ! - Capítulo 32


Escrita por: ~

Postado
Categorias Demi Lovato, Fifth Harmony, One Direction, Selena Gomez, Taylor Swift
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Demi Lovato, Dinah Jane Hansen, Harry Styles, Lauren Jauregui, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Normani Hamilton, Selena Gomez, Zayn Malik
Tags Camren, Fifth Harmony, Larry, Nially, Norminah, Vercy, Ziam
Exibições 823
Palavras 3.632
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Policial, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Acho que esse e o maior capítulo da fic !

Enfim... Boa tarde !

O amor e lindo !

Boa leitura !

E aproveitem porque só falta mais 4 capítulo pra acabar !

Capítulo 32 - 2 Season / Cap. 16 O Renascimento !


Fanfic / Fanfiction Vampire Academy ! ( Camren G!P ) 1, 2 And 3 Season ! - Capítulo 32 - 2 Season / Cap. 16 O Renascimento !

Pov. Lauren

Eu estava em um lugar escuro, havia duas portas e uma delas estava sendo iluminada, segui até a porta e entrei nela dando de cara com um jardim grande, mais eu conhecia aquele jardim, e o jardim do castelo da minha família em Londres, caminhei um pouco sobre o local e logo vi duas garotinhas, ambas de pele pálida, porém uma era loira e a outra morena, olhos claros, logo identifiquei as duas garotinha..

Era Avril e eu !

Em seguida meu pai apareceu com uma câmera na mão, ele estava sorridente, radiante, nem parecia o homem abatido que vi em meus sonhos. Ele tentava tirar fotos nossas enquanto nós brincavamos, eu devia ter uns três anos e ela uns sete, Avril sorria lindamente pra mim e me carregava em suas costas...

- Sorriam pra foto meninas ! - disse papai e Avril parou de correr comigo em suas costas dando lugar a uma linda foto...

De repente tudo ficou escuro e borrado e me deparei com outro cenário, Avril e eu estávamos sentadas na mesa com nossos pais, eles estavam sérios, eu já estava maior e aparentava ter cinco anos já e Avril uns oito...

- Meus amores, o que vocês acham de terem dois irmãosmzinhos ? - minha mãe perguntou e Avril olhou pra mim...

- Dois mama ? - perguntei confusa e ela assentiu...

- Isso é.... Tão legal mamãe ! - Avril gritou animada...

- E você bolinho, o que acha ? - papai perguntou me encarando com receio e eu sorri..

- Vai ser legal ! - disse e ele sorriu animado...

- Vocês querem ajudar a escolher os nomes ? - mama perguntou e nós assentimos animadas...

- Pode ser Cris ? - perguntei animada e ela sorriu assentindo...

- E Taylor mamãe ? - Avril perguntou e ela assentiu outra vez sorrindo para nós...

......................................................................

" Lauren !

Filha !

Você precisa ser forte !

Acorde querida ! "

Eu ouvia vozes gritando na minha cabeça ao mesmo tempo, eu estava de volta ao lugar escuro de antes com as duas portas...

" Lauren !

Seu lugar e conosco !

Vamos acabar com todos ! "

Mais que droga ta acontecendo comigo ?

Que vocês são essas ?

Onde está todos ?

Um clarão se fez presente, olhei para a porta a qual eu ainda não havia entrado e a mesma se abriu revelando uma Camila totalmente abatida..

- Camz ! - gritei e corri em sua direção, mais quanto mais eu corria mais longe dela eu ficava...

- Lolo, não me deixa por favor ! - ela pedia com lágrimas caindo sobre seu rosto, seu corpo tremia, eu queria abraça-la, mais sua imagem foi sumindo aos poucos..

Corri até a outra porta e a abri dando de cara com meu corpo deitado na cama...

Santo Drácula !

Porque eu estou vendo meu corpo ?

Me aproximei da cama e estiquei minha mão pra tocar meu corpo, porém minha mão atravessou meu rosto...

Mais que merda e essa ?

Eu morri ?

......................................................................

Pov. Avril

Eu havia entendido cada palavra daquela profecia, Lauren e Camila terão que carregar um peso muito grande, as duas foram destinadas a um profecia cruel e desumana até para o nosso mundo. Não creio que exista algo mais cruel do que ter que matar a pessoa que ama...

Oh, meu amado conde !

Tu faz cada sacanagem com a gente !

A sala estava em silêncio, direcionei meus olhos para Camila a encontrando pálida, seus olhos estavam arregalados, mais ela não piscava de forma alguma, senti sua respiração ficar falha, seus batimentos cardíacos ficaram fracos. Porém enquanto seus batimentos cardíacos estavam fracos, eu ouvi um ruido, mais que estranho... ( obs: o coração dos morois bate como o de um humano )

Merda !

Ela vai desmaiar !

Corri em sua direção e segurei seu corpo, com cuidado a levei até o sofá e a deitei, corri até a cozinha e peguei uma bolsa de sangue, afinal isso tudo deve ser por causa do choque da descoberta e porque ela não tem se alimentado direito. Voltei a sala com a bolsa de sangue e em seguida furei a mesma, abri os lábios de Camila e deixei o sangue pingar sobre seus lábios, alguns minutos depois ela se remexeu...

- Lolo não me deixa ! - Camila falava ainda de olhos fechados, seu corpo tremia, levei minha mão até seu rosto é o acariciei...

- Acorda maluquinha ! - disse e ela acordou rapidamente levantando seu corpo fazendo sua cabeça se chocar contra a minha...

Droga !

Tava demorando...

- Por vlad ! Me desculpa Avril eu... - ela falou e eu apenas assenti frenéticamente sem deixar ela terminar...

- Ta tudo bem ! - disse calma e ajudei ela a se sentar no sofá, ela parou no tempo alguns segundos e de repente se levantou correndo subindo as escadas e eu já sabia pra onde ela ia...

- Acho melhor nós irmos lá ! - Dinah disse já andando em direção a escada e eu me coloquei a sua frente...

- Não, ela precisa de um momento sozinha com ela ! - disse e ela apenas assentiu voltando ao seu lugar...

Espero que o amor possa vencer a guerra !

......................................................................
Pov. Camila

Lauren precisa de você !

Ajude-a Camila !

Você consegue !

Uma voz ecoava na minha cabeça repetindo sempre as mesmas coisas, parei em frente a porta do quarto em que Lauren estava, respirei fundo varias vezes e a abri, caminhei até a beira de sua cama e segurei sua mão.

- Quando eu te vi a primeira vez na St. Vladimir eu pensei " que garotinha linda, quero ser amiga dela ", não sei se você se lembra desse dia, mais eu estava correndo até o nosso dormitório quando esbarrei em você, eu era e ainda sou tão desastrada, você começou a falar vários palavrões feios e na minha cabeça só se passava uma coisa " vou apanhar e perderei a chance de ser amiga dela ", mais quando eu te dei a mão e você virou seu rosto pra me olhar e foi ai que eu me perdi a primeira vez nessa imensidão verde que você chama de olhos. Naquele momento você parou de me xingar e sorriu, e eu senti uma sensação tão boa, eramos crianças e eu não fazia a menor idéia de que o carinho fora do comum que eu sentia por você de primeira era amor. Até que crescemos e você se tornou uma vadia safada e começou a pegar todas aquelas putas da escola, você era uma cachorra Jauregui ! - disse raivosa e respurei fundo tentando voltar ao foco do que eu queria dizer... - Enfim... Eu ainda me lembro da sensação que senti ao falar com você pela primeira vez, eu ainda sinto as borboletas no estomago causadas pelo primeiro abraço, o primeiro beijo e a explosão de sentimentos na primeira noite de amor. Eu não fazia a menor idéia de qual era o sentido da minha vida até algumas semanas atrás, eu estou tão confusa sobre tudo, mais se você abrir seus lindos olhos agora e me perguntar se eu tenho certeza de algo e se eu achei um sentido pra minha vida, eu vou te responder com todas as letras. O sentindo da minha vida e você e a única certeza que tenho agora e que te amo e não quero te perder ! - disse e senti as lágrimas caindo sobre meu rosto.. - Me desculpa por ser tão fraca e não conseguir te proteger como você sempre fez comigo, me desculpa por não ser o que você esperava, me desculpa por ter sido tão cega e só ter percebido agora que de todos os meus erros, o melhor foi ficar com você ! Eu te amo Lauren Michelle Jauregui Vladimir e não aceito que você me deixe agora, eu não aceito que você vire um maldito strigoi, eu quero você de volta, eu quero você aqui comigo e se você não for capaz de voltar por si mesma, volte por mim, volte pelo nosso amor, porque eu não vou conseguir viver em um mundo em que você não exista ! - concluí deixando as lágrimas tomarem conta de mim, lhe dei um selinho e abracei seu corpo com toda as minhas forças, desabando em seguida..

Eu não conseguia mais ser forte !

Eu estava me sentindo tão derrotada !

Eu teria que matar o amor da minha vida !

Chorei por longos minutos abraçada ao corpo de Lauren, eu estava tão desgastada fisicamente e emocionalmente, eu iria a perder e a culpa e toda minha. Parei de chorar mais continuei abraçando seu corpo quando senti o corpo de Lauren tremer, me desvencilhei dela rapidamente e busquei seu rosto e senti a áurea negra presente. De repente seus machucados e roxos começaram a se curar, olhei para seu rosto e vi que sua pele estava voltando a tonalidade de sempre, seus lábios estavam rosados de novo e quando pensei em tocar seu rosto, seu corpo começou a levitar e uma bolha negra se formou ao redor de seu corpo. Ouvi passos apressados na escada e de repente todos estavam no quarto...

- Santa padroeira dos queimadores de rosca ! - exclamou Harry e Louis ao mesmo tempo..

- Que merda e essa ? - Vero disse assustada e de repente eu voltei a realidade...

- O que esta acontecendo com ela ? - gritei assustada quando vi raios se formando dentro da bolha...

- Eu não sei, eu nunca vi nada parecido antes ! - Ian disse assustado...

- Temos que fazer alguma coisa ! - disse alterada e todos ficaram em silêncio...

- E perigoso Camila ! Quem pode está ali naquela bolha pode não ser a nossa Lauren ! - Ian disse e eu o ignorei indo em direção a bolha...

Que minha querida rainha Carmilla me ajude !

......................................................................

Pov. Lauren

Eu estava tentando a todo custo tocar meu corpo, mais não conseguia quando Camila entrou no quarto, ela se sentou na beira da cama e começou a conversar comigo, a cada palavra dela eu sentia meu coração se apertar quando uma luz negra se formou me assustando fui em direção a luz e vi...

Eu mesma ?

Que merda e essa ?

- Agora chegou a hora Lauren ! - disse o meu outro eu...

Ela era igualzinha a mim, só que ela tinha uma áurea negra em volta de si, seus olhos estavam totalmente negros também, ela usava uma roupa preta com um capuz estilo comensal da morte do filme Harry Potter...

- Está com medo princesa ? - perguntou e eu balancei a cabeça voltando ao normal...

- Quem e você ? E hora do que ? - perguntei confusa...

- E hora do teste final, você tem que provar pra si mesma se e boa o bastante pra voltar e quem sou eu ? Bom.. Eu sou o seu lado negro ! - disse sorrindo de forma sombria e eu neguei com a cabeça...

- Eu terei que lutar com você ? - perguntei já entendendo sua linha de raciocínio...

- Até que você não é tão burra quanto pensei... E sim ! Você terá que me vencer se quiser voltar e ficar com sua amada ! - disse dando uma risada...

- E se eu não vencer ? - questionei incerta..

- Ai eu voltarei no seu lugar e matarei a todos ! Inclusive Camila. - disse e ao ouvir isso senti cada célula do meu corpo esquentar é meus caninos aparecerem, olhei para aquela versão maldita de mim com ódio...

- Fique longe deles ! - praticamente rosnei e ela riu alto...

- Que o show da sua morte comece ! - disse correndo em minha direção pegando em meu braço e me jogando pra longe...

Cai de costas contra o chão e senti uma dor absurda, ela rapidamente veio em minha direção e repetiu o mesmo ataque de antes me fazendo cuspir sangue e em seguida parou na minha frente e pegou em meu pescoço me levantando do chão....

- Você e muito fraca Lauren ! - disse apertando mais meu pescoço... - Acho que vou ter que voltar e matar todos e comandar a nossa raça para um novo mundo ! - disse apertando ainda mais e eu já estava sentindo cada célula do meu corpo enfraquecer... - Pobre Camila, se apaixonou por um ser tão fraco como você ! Já posso ver a dor nos olhos dela quando eu mata-lá ! - disse me jogando longe e ao cair no chão senti minha vista escurecer...

# Flashback On

Eu estava em um quarto deitada em minha cama, eu devia ter uns quatro anos e Avril estava na cama ao lado, olhei pra ela com lágrimas nos olhos...

- O que foi Laur ? - ela perguntou saindo de sua cama vindo até a minha...

- Eu tô com medo ! - disse chorando e ela me abraçou...

- Você teve aquele pesadelo de novo ? - ela perguntou e eu assenti... - Não se preocupe, eu estou aqui com você e não vou deixar nada de ruim te acontecer ! - ela disse sorrindo e em seguida enxugou minhas lagrimas...

- Promete ? - perguntei e ela sorriu mais ainda me puxando para outro abraço....

- Prometo maninha ! - disse e em seguida começou a cantar uma música pra mim dormir....

......................................................................

Eu estava em uma loja com meus pais, eles estavam sorridentes e felizes, minha mãe olhava roupas de bebês e eu ajudava ela a escolher...

- Mamãe que tal essa ? - perguntava animada...

- Adorei meu bolinho ! - ela disse e eu sorri, mais de repente fiquei triste...

- Que foi querida ? - papai perguntou se aproximando mais de nós duas...

- Queria que Avril tivesse aqui ! - disse com lágrimas nos olhos...

- Bebê, a Avril vai voltar, ela só ta estudando pra ficar inteligente e em breve você também vai para a escola ! - mamãe disse disse beijando minha bochecha em seguida...

- Mais e se ela esquecer de mim ? - perguntei triste...

- Não vai meu bolinho, você e única e ela te ama muito. E nós também ! - papai disse e eu sorri e abracei os dois de uma só vez...

......................................................................

Era o meu aniversário de 16 anos e nós estávamos em uma viagem da escola, estávamos na Califórnia. Todos meus amigos estavam cantando parabéns pra mim e eu sorri maravilhada para todos quando senti uma mão segurar a minha e olhei para o lado dando de cara com olhos castanhos...

- O que você ta fazendo Camz ? - disse confusa e ela sorriu pra mim...

- Segurando o meu mundo ? - disse galanteadora e eu ri quando nossos amigos começaram a cantar e...

Não !

Essa música não !

- Com quem será ? Com quem será ? Que a Jauregay vai casar ? Vai depender, vai depender se a bunduda vai querer ! - todos cantaram em coro e eu tenho certeza que fiquei mais vermelha que um pimentão..

- Eu aceito ! - gritou Camila e eu a encarei...

- A-ce-i-ta ? - perguntei pausadamente e ela assentiu sorrindo...

- Beija, beija, beija, beija ! - todos gritavam e batiam palmas e eu abaixei a cabeça com vergonha...

Por vlad !

Que mico !

Ouvi Camila me chamar e olhei pra ela, ela sorria lindamente pra mim, não aguentei e sorri de volta, ela se aproximou seu rosto do meu e me deu um selinho demorado fazendo meu estômago revirar e cada célula do meu corpo explodirem como fogos de artifícios, quando ela quebrou o contato eu abri os olhos encontrando os seus já abertos e sorri...

- Eu te amo Lolo ! - disse sorrindo com a língua entre os dente...

- Eu te amo mais Camz ! - disse a puxando para um abraço enquanto ouvia os gritos histéricos de nossos amigos...

Flashback Off #

Acordei do meu flashback dando de cara com a minha versão do mal me encarando de longe e rindo, olhei para todo o meu corpo e merda, eu estou toda fodida, mais não vou desistir. Eu vou vencer esse meu lado ruim e vou voltar e como se fosse um sonho a imagem de Camila apareceu em minha frente, ela estendeu sua mão e sorriu pra mim...

- Você consegue Lolo, eu te amo ! - ela disse e eu segurei sua mão pra ter certeza de que ela estava ali e merda, ela estava mesmo...

- Camz, como ? - perguntei confusa...

- O amor pode vencer a guerra ! - ela disse sorrindo e eu sorri a puxando para um beijo calmo e cheio de amor...

- Ótimo, vencerei você e de quebra matarei ela logo ! - disse o ser me fazendo quebrar o contato, olhei pra Camila e a mesma sorria pra mim ignorando totalmente a presença e do meu outro eu ali...

- Acaba com essa sua versão ridícula ! - ela disse e me deu um selinho...

- Acabar comigo ? Essa eu quero ver ! - disse o ser e eu me virei para lhe encarar enquanto Camila se afastava de nós...

Sem dizer nada apenas dei um sorriso de lado e corri em sua direção e ela fez o mesmo parei rapidamente esperando o seu ataque e desviei da sua sequência de socos, quanto mais ela tentava mais eu desviava de seus golpes a deixando irritada quando de repente ela me atacou com magia de fogo me jogando para longe...

- Acho que você não esperava por isso não e mesmo ? - disse rindo e indo em direção a Camila que me olhava assustada...

- Fique longe dela ! - gritei e em apenas um segundo essa maldita já estava na minha frente me pegando pelo pescoço..

- Porque ? O que você vai fazer ? - disse em deboche e eu senti uma força estranha tomar conta do meu corpo...

- Lauren, você e melhor que ela ! Você pode vencer, ela é você ! - gritou Camila e foi ai que eu me toquei...

Ela sou eu !

Aaah, agora eu vou acabar com essa falsificação minha !

Fechei os olhos e deixei toda a energia que eu estava sentindo tomar conta de cada célula do meu corpo, senti os lugares machucados do meu corpo formigarem e logo pararem de doer...

Eu estava me curando !

Sorri ao ver a cara de susto da minha falsificação e segurei sua mão que apertava meu pescoço e afastei a mesma...

- Como ? - ela perguntou claramente assustada e confusa...

- Uma vez um grande homem me disse "confie em si mesma, você não faz idéia dos poderes que tem", eu sou mais forte que você e sabe porque ? Porque eu sou a verdadeira Lauren, e você e apenas um lado meu que nunca vai ser libertado. Ta na hora de você voltar pro lugar de onde nunca deveria ter saido ! - disse esticando minha mão em sua direção e começando a absorver toda a sua áurea...

- Maldita ! - rosnou com raiva e em seguida sorriu pra mim, mais dessa vez era um sorriso verdadeiro e orgulhoso, quando absorvi toda a sua áurea negra e ela sumiu como pó, ouvi sua voz ecoando pelo local...

" Eu sabia que você iria conseguir Lauren. Agora volte e leve sua garota com você ! "

Assim que sua voz sumiu eu olhei para Camila e vi a mesma desmaiada, corri em sua direção e a peguei no colo como um bebê e beijei sua testa...

- E hora de voltar meu amor ! - disse pra seu corpo adormecido em meus braços e uma luz se aproximou de nós duas, fechei os olhos e senti tudo girar...

......................................................................

Pov. Avril

Depois que Camila deu a louca e entrou naquela bolha nos tivemos que amarrar a Dinah e a Vero, porque elas simplesmente queriam fazer o mesmo. Horas se passaram e aquela bolha continuava quando de repente ela começou a se mover e de repente explodiu nós fazendo cair no chão e uma luz forte tomar conta do lugar, quase não dava pra enxergar nada, me levantei um pouco tonta e olhei pra frente e dei de cara com uma Lauren vestida como um comensal da morte do filme de Harry Potter e com uma Camila desmaiada em seus braços....

Droga !

- Lauren ? - perguntei incerta se aquela era mesmo a minha irmã ou não, olhei para os lados e vi todos de olhos arregalados, olhei de volta para Lauren e ela me deu encarava, seus olhos estavam negros, sua áurea estava diferente como se as sombras tivessem se chocado com a luz...

Como se ela tivesse juntado o seu lado ruim ao bom os tornando um só !

- Olá maninha ! - ela disse sorrindo e eu senti meus olhos marejarem..

Ela conseguiu !

Santo Drácula !

Olhei para Justin com um olhar confuso e ele sorriu...

- O sacrifício de um amor de gigantes também e arriscar a sua própria vida por quem ama ! - ele disse sorrindo e olhou em direção a Lauren que beijava a testa de Camila deitando a na cama, enquanto todos encaravam aquela cena sem saber o que fazer, todos estavam em estado de choque...

Então foi isso !

Ao entrar naquela bolha mesmo sabendo que poderia morrer.

Camila realizou o sacrifício de um amor de gigantes dando forças pra Lauren voltar !



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...