História Vanilla - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Vhope
Visualizações 54
Palavras 1.730
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olha eu aqui de novo yeah!
Espero que gostem da história nova e sim, aleluia!
Enfim, boa leitura!

Capítulo 1 - Prologue


Fanfic / Fanfiction Vanilla - Capítulo 1 - Prologue

Aqueles olhos negros e profundos, agora fechados, tentavam se acostumar com a luz do sol que passava pelo vidro de sua janela.

As cortinas poderiam ajudar, mas o garoto adorava dormir com a luz do luar o iluminando enquanto dormia.

O despertador já tocou milhares de vezes, mas em nenhuma delas o menino se deu o trabalho de desligá-lo, o jeito foi ser acordado com batidas na porta.

– Taehyung! Taehyung, está aí?– Uma voz gritava do outro lado da porta de madeira clara da sala de estar.

– Que? Quem é?– A tentativa de falar alto falhou miseravelmente, o que acabou gerando sussurros fracos e inaudíveis para quem estivesse alguns metros distante dele.

– Taehyung, responda, por favor!– A voz erguia-se ainda mais.

O menino levantou os olhos devagar, tentando se acostumar com a forte luz que vinha da janela.

Ele se sentou na cama e ligou a tela do celular, arregalando os olhos ao ver que estava atrasado para a escola.

Era um aluno do ensino médio que morava sozinho em um apartamento pequeno, já estava previsto que isso aconteceria.

Ele se levantou bruscamente e correu até o banheiro para tomar um banho rápido.

Nas circunstâncias atuais ele não estava a fim de ficar ali e aproveitar a água quente caindo sobre si.

Ele desligou o chuveiro em questão de minutos rápidos e se vestiu apressadamente com a primeira roupa que achou.

Foi até a sala de estar e escancarou a porta, dando-se de cara com seu melhor amigo.

– Não precisa falar nada, deixa que eu adivinho! Você acordou agora, de novo, ‘né?– Disse Jimin com uma sobrancelha arqueada.

– Socorro, fui descoberto, e agora? Não chame a polícia, ou melhor, não conte para o diretor!– Brincou Taehyung fingindo surpresa e fechando a porta.

– Você 'tá faltando muito e todos acham que você está doente, quando na verdade está dormindo e deixando todos preocupados com um dorminhoco!– Reclamou Jimin, recebendo uma careta do amigo.

– É bom saber que se preocupam comigo, vou faltar mais vezes!– Disse Taehyung sorrindo e fazendo um ar de vencedor.

– Vai ser bom você repetir por causa de falta também!– Retrucou Jimin olhando para Taehyung com as mesmas expressões que o mesmo.

Eles riram e caminharam até a escola com passos apressados.


07:43 A.M

Eles estrearam no pátio da escola correndo e ofegantes. Pararam um pouco e apoiaram as mãos nos joelhos para que pudessem recuperar o fôlego.

Mas de que adianta recuperar o fôlego e perdê-lo logo depois ao ouvir a voz do diretor?

– Senhores Park e Kim!– Disse o homem com as mãos para trás. Os meninos se assustaram e se curvaram rapidamente para o diretor, que os olhava com um olhar “mortal”. – Eu acho impressionante e admirável a pontualidade e compromisso de vocês!

– Sinto muito, senhor, não vai mais acontecer!– Disse Jimin com olhos baixos.

– Não fale coisas que não possa cumprir, Park!– Retrucou o homem e Jimin concordou com a cabeça. – Vá para a sua sala, preciso conversar com o Kim!

Jimin concordou e murmurou um “obrigado” antes de se afastar.

– Venha comigo!– Disse o diretor autoritário e Taehyung o seguiu hesitante.

Eles caminharam pelo pátio, em silêncio por alguns instantes. Eles observavam o ambiente ao redor de si. O mais velho pigarreou antes de tornar a falar.

– E você? Você vai continuar chegando atrasado?– Perguntou o diretor para o menor.

– Não, vou chegar no horário de agora em diante, prometo!– Disse Taehyung desviando os seus olhos dos olhos do diretor.

– Promessa é dívida, espero que saiba.– Disse e o garoto concordou com a cabeça. – Ótimo, então não vai se importar em cumprir o que acabou de prometer!

– Vou cumprir!– Disse o Kim ainda com os olhos desviados.

– Seus colegas me falam que cumpre suas promessas, todas elas. – Disse o diretor sorrindo. – Então eu sei que vai cumprir esta, afinal você leva sua palavra a sério, pelo o que eu ouvi dizer!

– Sim, senhor, vou sim!– Concordou Taehyung sorrindo levemente.

– Ótimo!– Disse o diretor sorrindo. – Então vou pedir-lhe mais uma coisa!

– Pode pedir.– Disse hesitante, c medo do que poderia ser pedido a ele.

– Eu quero que mostre a escola para o nosso novo aluno, Jung Hoseok.– Disse simplista. Taehyung concordou com a cabeça. – Ele está na minha sala, é um atrasado da vida, assim como você, creio que se darão bem. Ele está no terceiro ano, da sua sala!

– Tudo bem, mostro sim!– Disse Taehyung sorrindo com os comentários.

Eles foram até a diretoria, onde um menino de cabelos negros e olhos profundos aguardava sentado em uma das cadeiras.

– Kim Taehyung, esse é Jung Hoseok. Jung Hoseok, esse é Kim Taehyung!– Apresentou o diretor ficando no meio deles.

– Prazer!– Disseram em uníssono.

– Vem comigo, Hoseok, vou te mostrar nossa sala!– Disse Taehyung e o garoto se levantou e o seguiu.

Eles caminharam lado a lado e em silêncio, por uns segundos.

Ao chegarem na porta da sala, Taehyung tornou a falar.

– No recreio eu vou te mostrar o resto da escola, 'okay?– Perguntou Taehyung e o aluno novo apenas concordou com a cabeça. Eles adentraram a sala e prestaram atenção na aula até que todos os sinais batessem indicando que o intervalo havia chegado.


10:00 A.M

O som estridente do sinal ecoou pela escola. Taehyung se levantou e caminhou até a mesa do aluno novo e ficou em pé ao lado da carteira esperando com que ele se levantasse.

– Pronto.– Disse o menor em um sorriso labial.

Taehyung sorriu e caminhou até a porta, sendo seguido por Hoseok.

Taehyung não podia negar que o menino ao seu lado é lindo.

Eles foram caminhando pela escola. Às vezes fugiam do foco e conversavam sobre outra coisa, mas sempre voltavam ao assunto principal.

– Olá, Taehyung!– Disse uma voz por trás do garoto.

– Ah, olá, Yoongi!– Disse Taehyung sorrindo. – Jung Hoseok, esse é Min Yoongi. Min Yoongi, esse é Jung Hoseok.– Disse Taehyung olhando para o novato e ambos sorriram ao lembrar de que o diretor havia feito algo parecido mais cedo.

– Oi, Hoseok!– Disse Yoongi sorrindo docemente.

– Oi, Yoongi!– Disse Hoseok sorrindo com a mesma intensidade.

Era visível o brilho nos olhos do Min ao ver o aluno novo. Ele é lindo, não culpo o garoto.

O pequeno tour havia acabado cedo, e logo o sinal tocou novamente e todos os alunos voltaram para suas salas.


12:20 A.M

O último sinal daquela manhã tocou e todos os alunos soltaram o ar de cansaço que acumularam durante as aulas.

Taehyung e Jimin se levantaram juntos para caminharem até a saída.

– …Ficaria horrível!– Disse Taehyung rindo abertamente, junto ao amigo.

– Não ficaria, não! Eu vou pintar meu cabelo de rosa um dia e você vai ver que não vai ficar horrível!– Disse Jimin com um bico nos lábios.

De repente, uma mão toca o ombro de Taehyung, o que acabou interrompendo toda a conversa.

– Tae?– Chamou a voz atrás de si.

– Oi, Yoonie!– Disse Taehyung sorrindo.

– Esse apelido morreu faz tempo, mas enfim, eu posso conversar com você um pouco?– Perguntou Yoongi baixinho.

– Ah, claro.– Disse o garoto diminuindo seu sorriso e olhando para Jimin, que sorriu uma última vez e seguiu seu caminho sozinho. – Que foi?

– O novato é bonito, né?– Começou Yoongi. Taehyung fez uma expressão como se dissesse “eu já sei onde isso vai parar”.

– Seu gay.– Disse simplista e riu da própria frase, logo recebendo uma careta de Yoongi.

– Falou o hétero.– Brincou o menor.

– Eu sou muito hétero, mas enfim, o que você quer?– Taehyung ainda sorria.

– Um acordo?– Sugeriu Yoongi com aquele mesmo sorriso.

– Fala aí!– O garoto falou revirando os olhos em sinal de tédio.

– Olha, nós dois sabemos que você quer muito entrar para uma faculdade boa, certo? O que eu estou falando? Todo mundo quer… – Antes que Yoongi pudesse continuar, fora interrompido por Taehyung.

– Espera aí, você quer que eu faça o novato se apaixonar por você e em troca eu entro em uma faculdade boa com as mensalidades pagas por você? Por favor, Min Yoongi, olha o que você está me pedindo! Nunca toparia um absurdo desses!– Disse Taehyung e saiu andando a passos pesados.

– Tudo bem, se não é assim que vou conseguir um acordo com você, eu vou conseguir de outra maneira…– Disse Yoongi pensativo enquanto Taehyung bufava com aquilo.

– Não vai me fazer mudar de idéia!– Disse Taehyung com um tom de voz irritado.

– Não? É uma pena, mas vou ter que contar aquele segredo para a escola toda… – Disse Yoongi fingindo uma voz chorosa. Taehyung parou e sua respiração falhou no mesmo instante. Seus olhos agora estavam arregalados.

– Não faça isso, por favor!– Disse Taehyung encarando o menor.

– Tudo bem, não faço, mas você sabe o que eu quero em troca!– Disse Yoongi com um sorriso sádico.

– ‘Tá bem, eu faço isso.– Disse Taehyung com o rosto sério.

– Eu sabia que seria um bom amigo.– Disse Yoongi irônico.

Taehyung virou suas costas para o garoto novamente e seguiu seu caminho novamente.

Aquilo martelava-se em sua cabeça. Ele nunca pensou que Yoongi quisesse algo assim, na verdade, ele nunca pensou que Yoongi se apaixonaria por alguém, até duvidou que fosse realmente amor… Mas ele  resolveu ignorar e fazer conforme o acordo.

Pobre garoto, acabou de entrar na escola e já tem gente querendo-o.

Se Taehyung pensou nisso? Claro que sim, mas como ele tem um bom senso, ele vai deixar o coitado respirar um pouco antes de começar.

Ele caminhou até sua casa e se jogou no sofá assim que adentrou na sala de estar.

Decidiu descansar um pouco a mente e assistir um pouco de animes.

Ele ficou um bom tempo na frente da tela brilhante, depositando toda sua atenção na mesma.

Os minutos passaram-se voando. Ele decidiu que jantaria apenas um pacote de salgadinhos, pois se não gostava de se levantar nem para ir a escola, quem dirá se levantar para cozinhar.

Os minutos se passaram tão rápido que parecia que o relógio fora substituído por uma ampulheta.

Em um piscar de olhos, a lua já estava aparecendo dentre as nuvens alaranjadas.

Taehyung se levantou e foi até o banheiro para repor os minutos que ele não pôde aproveitar a água quente do chuveiro.

Ele ficou lá dentro por um bom tempo, apenas com os olhos fechados e totalmente embaixo das gotas.

Minutos mais tarde, ele saiu e foi colocar uma roupa leve para que pudesse descansar e tentar não se atrasar no dia seguinte.

Ele se jogou na cama e deixou o celular no criado-mudo.

Ele pegou no sono muito cedo, afinal, cumpriria a promessa que havia feito com o diretor, pois aquela, pelo menos, ele tinha certeza que poderia cumprir.


Notas Finais


Kekekeke tadinho do Hobi
Sei o que devem estar pensando
"OMG, finalmente a lerda postou uma vhope"
Eu também estou pensando a mesma coisa :)
A capa ficou bem gay, mas eu só sei fazer capas assim, sorry
Espero que tenham gostado <3
Beijins


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...