História Velozes e Furiosos: O Inicio - Capítulo 29


Escrita por: ~

Postado
Categorias Velozes e Furiosos
Personagens Brian O'Conner, Dominic Toretto, Letty Ortiz, Mia Toretto, Personagens Originais, Vince
Tags Ação, Aventura, Brian O'conner, Carros, Corrida, Dominic Toretto, Michelle Rodriguez, Paul Walker, Saga, Vin Diesel
Exibições 140
Palavras 1.024
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Romance e Novela, Saga

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Se você ama carros modificados, corridas e mulheres... Você esta no lugar certo!
Bem vindos ao Velozes e Furiosos.

Capítulo 29 - Velozes e Furiosos: Agora temos que ser Velozes - Parte I


Fanfic / Fanfiction Velozes e Furiosos: O Inicio - Capítulo 29 - Velozes e Furiosos: Agora temos que ser Velozes - Parte I

P.O.V Dominic Toretto

Me acalmei e sentei, logo depois Letty sentou de frente para mim no meu colo, ficou fazendo carinho e tentando me acalmar, mas alguma coisa estava errada.

- Onde está o Leon? – Eu perguntei.

- Achávamos que ele estava contigo, ligamos e o celular dele está desligado – Disse Vince.

Fiquei preocupado, tirei a Letty do meu colo e me levantei.

- Quando a polícia chegou foi cada um pra um lado, espero que ele esteja bem.

O telefone tocou, Jesse pegou e o trouxe até mim.

- Alo, Dominic?

- Quem é?

- É o Jhonny, olha, seu amiguinho está bem aqui, estou bem de frente para o Skyline amarelo dele – Ele sorriu.

- Você não aprende né.

- Não mesmo! Se quiser saber como ele está, venha até a rua 25lt, te espero aqui.

- Desgraçado! O que você quer? – Eu disse furioso.

- Te destruir Toretto – Ele disse com um tom de voz suave.

Jhonny desligou, comecei a lembrar do dia que ele quase matou o Vince no beco, fiquei furioso, minha paciência já esgotou, vou atrás do Leon.

- O que ouve Dom? Quem era? – Disse Letty.

Mia e Brian desceram.

- O que está acontecendo? – Disse Mia.

- É o Jhonny, ele está com o Leon, tenho que ir busca-lo.

- De novo esse babaca querendo aprontar, vou quebrar ele todinho! – Disse Vince com raiva.

- Dom, você não pode ir assim, ta cheio de policiais na rua ainda, é perigoso – Disse Mia.

- Vamos pensar, isso deve ser uma armadilha dele – Disse Letty.

- Eu sei que é, mas não tenho tempo, preciso ir.

Andei em direção a porta, e então Brian disse:

- Eu vou com você.

Me virei e o encarei surpreso.

- Ei, ei, ei, eu também vou! – Disse Vince.

- Você quis dizer “nós vamos né? ” – Disse Letty.

-Então vamos logo, Jesse fica com a Mia, mandem todas essas pessoas irem embora!

- Espera Dom, vocês precisam se comunicar, esses rádios do Leon podem ajudar – Disse Jesse enquanto me entregava os rádios.

- Valeu Jesse, agora vamos!

Fui até a garagem e peguei meu Viper, já estava muito puto, acelerei e sai cantando pneu, saindo de casa virei à esquerda, atrás de mim estavam Brian, Vince e Letty em seus carros. Estávamos em alta velocidade, cortando todos os carros que haviam pela frente, até parecia um racha... É incrível como temos sintonia. Vince não parava de provocar, ele cortou para a direita e acelerou até entrar na frente do Brian, mas Brian ficou na dele, não deu muita atenção, olhei pelo retrovisor e balancei a cabeça negativamente, mas não é hora pra isso, vamos seguir em frente.

- Galera, sabemos que ele está preparando uma armadilha pra gente, então vamos nos separar – Eu disse pelo rádio.

- Certo, vamos nessa! – Disse Letty.

- Eu vou pela Avenida umbro, e tomem cuidado. Agora temos que ser Velozes!!

Brian, Vince e Letty foram por outras ruas, e eu fui pela avenida, a avenida era uma reta enorme, cheia de luzes, e naquele horário não haviam muitos carros nela, nela há duas pistas, a da direita é a que estou, e a da esquerda é contrária. Segui acelerando, olhei para o velocímetro e estava marcando 180km/h, preciso chegar o mais rápido possível, de repente uma luz forte invadiu meu carro, olhei pelo retrovisor e haviam quatro carros colados em mim, um atrás do outro, era o Jhonny e seu pessoal.

- Droga! Fomos enganados, tem quatro carros na minha cola – Gritei no rádio.

Jhonny estava com seu Audi 99', Kevin estava com um Aston Martin 98', logo atrás William com um Lotus Carlton 97', e o primo de Jhonny, Lence, que estava com um Aston Martin 98', todos com os carros pretos. Jhonny e Lence jogaram para a via contraria e me passaram, Lence jogou para a direita e ficou na minha frente, estou cercado, Kevin bateu de leve na minha traseira, meu carro sambou um pouco mas consegui controlar.

Lence ficou freando para me fazer perder velocidade, eu estava colado nele, estávamos próximos de um cruzamento.

- DROGA – Gritei.

Quando estávamos prestes a sair do cruzamento, Brian apareceu com seu Eclipse e bateu na lateral frontal do William, isso acabou fazendo William ser jogado na rua a sua direita, e como Brian estava em alta velocidade, ele acabou indo reto. Percebi que Jhonny e Lence se distraíram com o Brian e abriram uma pequena passagem, acelerei e passei no meio do dois como trovão.

- Estou atrás de você Toretto – Gritou Jhonny sorrindo.

P.O.V Brian O'Conner

Joguei meu carro em cima do William, nós dois caímos em outra pista, mas tem um detalhe, essa pista de três faixas era contramão, acabamos ficando de frente com outros carros normais, William acelerou e eu fui atrás dele, nós dois fomos desviando de todos os carros que vinham em nossa direção, era difícil por ser noite, não tinha muita iluminação, apenas faróis altos e buzinas sendo tocadas, a frente havia uma rua, William entrou nela, e eu entrei logo depois, essa rua era deserta e escura.

P.O.V Dominic Toretto

Jhonny e eu estávamos muito a frente, Kevin e Lence ficaram para trás, a frente há outro cruzamento com um grande movimento de carros, comecei a buzinar e dar farol alto, de repente os carros pararam e a via ficou limpa para minha passagem, assim que jhonny e eu cruzamos, olhei pelo retrovisor e vi Letty entrando na avenida com um Drift espetacular, mas ela não entrou em minha direção, ela foi de frente com Kevin e Lence, os dois estavam em alta velocidade, quando ela entrou eles se assustaram e tentaram desviar, Kevin foi para a direita, perdeu o controle e acabou batendo forte em um muro de loja. Lence desviou para a esquerda e bateu de leve sua traseira em outro carro, perdeu o controle de seu carro e derrapou, mas logo depois o recuperou. Letty deu um cavalo de pau e veio em minha direção na pista, logo depois Vince entrou na avenida e ficou bem atrás dela, os dois estavam perseguindo o Lence.

 


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...