História Vendida - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Tags Miraculous
Visualizações 205
Palavras 617
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Romance e Novela, Violência
Avisos: Drogas, Estupro, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 3 - Capítulo 2


Adrien on:

Meu dia estava como todos os dias. Liguei para Plagg meu irmão que está em lua de mel, fui para o cabaré e peguei uma das garotas e voltei para casa. A campainha tocou e fui abrir a porta, era meu pai com uma mina com um corpo muito gostoso, não vi seu rosto estava cabisbaixa.

 

- Oi filho. Eu trouxe essa vadia para você! - A garota ainda estava cabisbaixa, agradeci ao meu pai pelo 'presente' e entrei com ela mandei que Alya explicasse as regras para ela e levasse-a para meu quarto depois de uns minutos subi para meu quarto e tomei um banho.

 

Escutei baterem na porta e mandei que entrasse quando escutei a porta fecha, sai do banheiro só de toalha, segurei seu queixo mais não cheguei a levantar seu rosto.

 

- Qual seu nome? - perguntei mais ela não respondi nada perguntei novamente elevando meu tom de voz. - Perguntei qual o seu nome. Não está me ouvindo sua vadia? - Ficou calando encarando meus pés, não aguentei e lhe dei um tapa em seu rosto que foi ao chão, me virei de costas para ela.

- Vou perguntar só mais uma vez. Qual o seu nome?

- M-Mari-nette. - Falou gaguejando.

 

VIrei me para encará la, estava com a  mão em seu rosto, sua boca estava sangrando, me ajoelhei para ver seu rosto, segurei seu queixo e levantei-o encarando seu olhos azuis safiras. Quando a vi senti uma coisa estranha, senti vontade de protege-la, ela parecia uma flor, pequena e delicada. Me olhava com medo, e por algum motivo doeu a maneira como ela me olhava assustada.

 

- Eu sou o Adrien. Me desculpe pelo tapa eu me exaltei. - ela ainda me olhava assustada. - Você quer alguma coisa?

- E-eu q-quero ir p-pra c-casa. 

- Você vai ficar aqui. Você é minha. - exaltei-me e elevei meu tom de voz. - Você e minha. Agora vá tomar um banho para dormir.

 

Me levantei e a ajudei a levantar, peguei uma toalha lhe entreguei, ela entrou no banheiro e eu me vesti desci e pedi a Alya uma roupa para Marinette, ela me entregou uma camisola vermelha com bolinhas pretas, subi e levei para o quarto Marinette estava na sacada olhando a lua. Ela estava tão linda que não aguentei a abracei por trás ela se assustou.

 

- Por favor não faz isso. - Ela pediu se afastando e correu para dentro do quarto.

- Virgem? - ela assenti. - Ótimo assim você vai ser só minha.

- Por favor Adrien.

- Não se preocupe princesa não vou te machucar.

 

A puxei para mim ela estava pedindo para eu parar mais não a ouvia tirei a toalha dela e comecei a chupar seu seio esquerdo ela me estapeava peguei uma algema que havia em uma gaveta e prendi suas mãos e comecei a chupar sua intimidade. Marinette gemia e chorava, sua intimidade era tão doce, ela gemia e apertou suas pernas contra minha cabeça para que eu fosse mais fundo.

 

- Sabe o que e isso princesa?

- O-o que?

- Você vai ter seu primeiro orgasmo.

 

Ela gozou e eu tomei todo seu gozo. Meu membro estava duro, tirei minha bermuda junto a minha cueca ela rapidamente fechou suas pernas.

 

- A-Adrien por favor. 

 

Ela estava implorando para que eu não a penetrasse mais precisava dela. Não a escutei e comecei a penetra-la. Ela gemia auto, gemia meu nome cheguei ao meu limite e gozei dentro dela. Sai de dentro dela e a soutei, a puxei para mais perto de mim para dormirmos ela estava tão cansada que dormiu dei um beijo em sua testa e dormi.


Notas Finais


Desculpem-me pelo Capítulo pequeno. Espero que tenham gostados


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...