História Vengeful realms or friends? - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, Got7
Personagens Baekhyun, BamBam, Chanyeol, Chen, D.O, Jackson, JB, Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jisoo, JR, Jungkook, Kai, Lay, Lisa, Lu Han, Mark, Rap Monster, Rosé, Sehun, Suga, V, Xiumin, Youngjae, Yugyeom
Tags Baekhyun!uke, Bambam(uke), Chanbaek, Chanyeol!seme, Chen(seme), Chenmin, Jackson!seme, Jaebum!seme, Jaejae, Jikook, Jimin Uke, Jungkook!seme, Mark!uke, Markson, Xiumin(uke), Youngjae!uke, Yugbam, Yugyeom!seme
Exibições 11
Palavras 1.060
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Científica, Fluffy, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Orange, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oie
Tudo bom contigo

Capítulo 6 - Será??


~POV Yugyeom~
Fiz um lanche e subi para o meu quarto chama lo. Chegando lá me deparei com Bambam encolhido na cama olhando para o teto quando percebeu minha presença me olhou e deu um sorriso sarcástico. Aish nem assim essa criatura para. Caminhei até a beirada da cama e parei sentando do seu lado. Até que que ele se pronunciou.
- eu estava certo!
-aish...s-sim
-ummm... mais porque?
-eu só não aguentava mais ele. Meu pai me crio de maneira gananciosa ele sempre botava a culpa da minha mãe ter morrido em min, não dava atenção pra min. E estava fazendo com que o reino falisse.
-eu sinto muito
-... Agora que você já sabe...
-eu não vou contar a ninguém só queria saber a verdade pra poder lutar ao seu lado nessa guerra
-ummm
-bom você deve estar com fome então vamos descer??
-A sim mais eu tô muito fraco não consigo levantar!!
-hahaha ninguém mandou me provocar
-cala a boca e me leva para baixo que eu estou com fome!!
Peguei ele no colo estilo noiva e o levei para baixo. Botei ele sentado na cadeira e o deixei comer oque havia na mesa, enquanto isso eu reparava nos seus detalhes, ele é lindo. Só percebi que eu estava o olhando quando o mesmo perguntou
-que foi?
-ah?...n-nada
-ummm... eu sei que sou lindo mais por obséquio pare de me olhar!
-sim desculpe
Assim que ele terminou de comer eu lavei a louça e nos fomos para o escritório novamente para pensar em como derrotar nossos inimigos.
-E se a gente fizesse um acordo pra não precisar lutar. Eu sinceramente não quero machucar Meu povo
-eu também ... mas como faremos isso sem eles desconfiarem que fui eu??
- meu deus mais tu muito burro também mata seu próprio pai não dava pra contratar outra pessoa não ou simplesmente não deixar provas que poderia incriminalo, ou também não mata lo
Porra você deixou tudo mais difícil. E agora se a gente lutar?
Matar pessoas inocentes que não tem nada haver com isso me diz você acha isso certo?!?!~ele falou gritando já de pé andando de um lado pro outro na minha frente~garoto bipolar esse eu em!!
-pare de gritar!
-NÃO, você não entendeu a tamanha burrice que você fez!!
Usei minhas habilidades de vampiro e corri rapidamente até ele  prensando na parede ao lado da porta do escritório
-parece que você tem uma tara por prensar pessoas na parede não é~ele falou encarando os meus lábios que estavam entre abertos em procura de palavras para respondelo~
-cale a boca!
-não
-parece que eu vou ter que calar
-duvido
-nao duvide da minha capacidade
-... não ia me calar
Não aguentando mais suas provocações o beijei de maneira intensa selvagem, nossas linguas travaram uma batalha por espaço. Explorei toda sua cavidade bucal só parando quando o ar fez falta. O mesmo mordeu de leve o meu lábio inferior o puxando para si, após recupera o ar voltamos a nos beijar, com uma intensidade maior do que antes. Dessa vez deixei ele comandar o beijo. O mesmo puxou o beijo para o lado mais sexy. Levantei suas cochas até à altura da minha cintura ele entrelaçou suas pernas na mesma. Ele puxava os cabelinhos da minha nuca fazendo com que eu me arrepia se, levei minhas mãos até sua bunda e apertei fazendo ele arfar durante o beijo. O ar faltou novamente e nós paramos o beijo, deci meus beijos pelo seu maxilar pescoço clavícula enquanto ele só dava alguns gemidos baixos quando eu mordia e arfava quando dava Beijos molhados em seu pescoço . Percebi que meu membro estava dando sinal de vida então parei os beijos com um último selinho demorado em sua boca. Não queria ter relações sexuais com ele, pelo menos não agora, acabamos de nos conhecer apesar de ele me conhecer por notícias. E eu também mais pessoalmente nunca havia falado com ele.
Levei ele novamente até a cadeira e o sentei nela, após isso me sentei na frente dele em minha poltrona.
-calei sua boca facilmente não acha!!
-hahaha
-bom a idéia do acordo estava boa não acha
-sim só temos que marcar de nos encontrar com eles
-esta bem
- e você senhor Kim Yugyeom tente não deixar muito na vista que foi você que matou seu próprio pai!!
- aí pare com esse assunto
-olha eu até te entendo do porque matar seu pai, mas deixar várias pistas para trás que poderiam ser evitadas, aí já é muita burrice de sua parte. Só estou o repreendendo por ter feito isso. Pois querendo ou não tudo oque acontece aqui que prejudicar o seu reino também prejudicará o meu.
-ok ok vou pensar em, meus atos antes de fazelos.
-Amém
Ele se levantou e foi em direção a porta
-bom eu tenho que ir.
Usei meus poderes de vampiro novamente Me movendo rapidamente até a porta e abrindo para ele passar.
o levei até a porta da mansão e abri espaço para ele passar quando o mesmo iria passar puxei seu pulso o prendendo em meus braços.
-Não ia se despedir?
-ummm talvez~falou ele botando seus braços ao redor de meu pescoço me puxando para si e parado quando faltava poucos sentimetros de distância. Encarei os seus lábios e ele os meus. Logo a distância entre as duas bocas não existiam mais. Nos havíamos começado um beijo calmo de despedida. No Beijo ambos transmitiam carinho um pelo o outro, parando quando o beijo começava a se tornar mais quente.
~POV Bambam~
Depois de me despedir de Yugyeom voltei para a minha mansão. Adentrei a mesma parando na sala me deparado com uma cena não muito agradável. Jisso no colo de Lisa e ambas se beijando. Detalhe as duas estavam apenas de saia a parte de cima já haviam tirado.
-cof cof
-ahhhhhhh desculpe Alteza
-hahahahahahahaha
-pare de rir lisa. E por obséquio tenham suas relações sexuais no quarto não na minha sala. Agora Parabéns cunhadinha e maninha. Sabia que isso daria em namoro!!
-obrigado vossa alteza
-Não precisa dessa formalidade jisoo.  Me chame apenas de Bambam ou cunhado.
-tá bom
-já estão namorando ou seria só pegação?
-Namorando
- e você maninho
-a ... eu já tenho alguém...que eu estou "pegando"
-Ummmmm~as duas falam juntas~
-aish boa noite e não gemam muito, alto!!


Notas Finais


Bjuhkygdrr
Aí morta


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...