História Verdades Secretas - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Carrossel
Personagens Adriano Ramos, Alícia Gusman, Bibi Smith, Carmen Carrilho, Cirilo Rivera, Clementina Soares, Daniel Zapata, Davi Rabinovich, Jaime Palillo, Jorge Cavalieri, Kokimoto Mishima, Laura Gianolli, Marcelina Guerra, Margarida Garcia, Maria Joaquina Medsen, Mário Ayala, Paulo Guerra, Personagens Originais, Valéria Ferreira
Tags Carmeniel, Ciriquina, Daléria, Jorgerida, Marilina, Paulicia
Exibições 171
Palavras 538
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 6 - Uma Noite Turbulenta


Alicia: e isso por ter zombado de nós

Koki: mas falar a verdade agora é proibido?

Mario: to achando que alguem quer mais bolo na cara

Koki: não precisa já levei o bastante

Mai tarde

Todos vão dormir na casa de Brenda (avó dos Guerra)

Laura: Marce, que marcas roxas são essas na sua perna?

Marce: bom... bem... é que eu cai da escada de manhã ao ir pra tomar café por isso. Disse colocando a blusa do seu pijama

Majo: bom meninas se puderem deixar eu dormir. dito isso ela apaga a luz

Marcelina dorme, dá um tempinho e tem um sonho

Sonho ON

Marce: oi pai. disse depositando um beijo em sua boca

Roberto: oi, que tal se aproveitarmos  a tarde?

Marce: por mim tudo bem. disse e os dois sobem as escadas até o quarto de Roberto que tranca a porta

Roberto: filha posso?

Marce: claro. disse e ele desabotoa seu sutiã já que o vestido estava no chão, então ela geme com o gestos que o pai fazia e ela acariciava o amiguinho dele

Marce: agora quero trocar de posição

Roberto: por mim ok. disse e Marcelina sobe no colo dele e começa a rebolar que não pensa duas vezes e coloca seu amiguinho nas intimidades da garota que geme e robalava rapidament....

SONHO OFF

Marce: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

Bibi: que foi? disse ligando a luz

Val: é o que foi?

Marce: eu tive um pesadelo. disse tremendo

Val: conta assim você se acalma

Marce: bem foi assim eu estava em casa e eu....

Majo: você???

Marce: bem prefiro não contar

Alicia: se prefere então tudo bem. ela repara que a amiga tremia

Marga: e que tal se você fosse beber água ai ajuda esquecer o pesadelo

Marce: está bem

No outro quarto

Mario: Marcelina como você está  gata vamos passear?. disse o amigo já babando no travesseiro, enquanto os meninos terminavam de se trocar para dormir e começam a cochichar risos

Jorge:  ai Marcelina onde você quer ir primeiro na roda gigante ou no balanço? imitava os gestos do colega afzendo os demais colegar rirem e Mario acorda

Mario: hã???

Paulo taca um travesseiro no amigo que cai da beliche 

Paulo: não faça de desentendido você estava falando da minha irmã

Mario: hã??? disse coçando a cabeça fingindo não lembrar

Paulo: eu sei que você quer pegar ela

Mario: mas não posso 

Paulo: porque? de mim? eu não sou irmão ciumento pois não moro mais com ela se quiser tudo bem, mas não na escola pois lá tomo conta dela. disse o final da frase (a parte da escola e principalmente de mora junto) ironico. Mas você terá que se ver com meu pai

Mario: hum... Como vou saber se fala a verdade? quer saber não precisa falar este papo já me deixou com sede

Lá embaixo

Mario: tambem vindo beber água?

Marce: é fiquei com sede igual a você

Mario: Marce o que é esses roxos na sua perna?

Marce: como disse as meninas eu cai da escada de manhã ao ir toma café

Mario: hum. disse se aproximando de Marcelina e toca a mão dela que treme e deixa o copo escorregar da mão e derruba fazendo o espatifar com um grande barulho



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...