História Versos em Vão - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Drama, Músicas, Pensamentos, Poesias, Romance
Exibições 1
Palavras 238
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 13 - Como as cidades que afundaram no mar


Fanfic / Fanfiction Versos em Vão - Capítulo 13 - Como as cidades que afundaram no mar

O que está fazendo aqui?
Não vê que o mundo está mudando?

Eu sei que dói, às vezes
Mas é o preço que estamos pagando.

Eu vi quando ela decidiu pular
Por um instante ela pareceu voar
Flutuando em pleno ar.
Talvez ela tenha mudado de ideia
Mas o tempo não 
Parou de passar.
Ela se perdeu no vazio
E naqueles segundos conseguiu se encontrar.

O que está fazendo aqui?
Não vê que o tempo está acabando?

Eu sei que dói, às vezes
Mas é apenas uma ilusão que estamos criando.

Eu vi quando ele parou de respirar
Ficou olhando o teto sem piscar
Congelado em um momento 
Que não vai voltar.
Talvez ele tenha entendido no fim
Mas era tarde demais pra contar.

Eu não sei o que estou fazendo aqui
Mas sei que o tempo não pode acabar

Isso dói, às vezes
Pode ser muito difícil suportar

Eu vi os segredo dos que se foram
Junto com as cidades que afundaram no mar
Se perdendo em algum abismo escuro
Onde luz alguma pode alcançar.
Mas eu os vi afundar
Dando passagem à novos ventos
Apagando um tempo que não vai mais voltar.

Mas o que é o tempo,
Senão espaço em movimento
Que insiste em nos levar?

O que a menina descobriu
No instante em que caiu
É que ninguém morre da queda
Ninguém morre no ar
A gente morre por dentro
Antes da queda matar.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...