História Versos Vagos - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Amor, Cristo, Deus, Jesus, Pensamentos, Perdão, Poema, Poesia, Vagos, Versos
Exibições 5
Palavras 81
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Poesias, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Escrito para uma amada.

Capítulo 18 - Manhã, tarde e noite


Apesar de estar nublado,

Eu vejo meu sol brilhar,

Iluminando meu dia,

Secando meu rosto molhado.

 

Hoje o tempo não se fez passar

Para que eu pudesse aproveitar

Cada segundo que te observei.

Sua presença é minha alegria.

 

Hoje o tempo não se dividiu

Em manhã, tarde e noite.

Houveram horas ao teu lado

E horas infelizes.

 

Na madrugada, fria e vazia

Chamo pelo meu próximo dia.

Quando o sol raiar,

Quero te encontrar e te abraçar

Até o mundo acabar.


Notas Finais


Escrito em 1 de junho de 2014.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...