História Victoria's Secret, Segunda Geração - Interativa - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Interativa, Victoria's Secret
Exibições 61
Palavras 5.708
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Famí­lia, Festa, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


PERDOEM-ME PELA DEMORA.

Tive inúmeras complicações e aqui estou com um novo capitulo, espero que não tenham desistido da tia Harley aqui, obrigado pelos lindos comentários do capitulo anterior, vocês são incríveis sinceramente! AGORA SEM ENROLA E ENROLA, fiquem com o capitulo! Beijos!

Capítulo 5 - Formation.


Fanfic / Fanfiction Victoria's Secret, Segunda Geração - Interativa - Capítulo 5 - Formation.

| Londres, Inglaterra | 10h31min AM |

Hotel “The Venetian”

 

Em um dos inúmeros quartos daquele enorme prédio uma de nossas caras selecionadas estava á postos ajeitando alguns pertences sobre sua cama enquanto vez ou outra pairava seu olhar pelo cômodo que fora posta sendo — quase — totalmente branco... Razoavelmente confortável.

— Chega. — brandiu a garota semelhantemente albina jogando as roupas de volta na mala a fechando de imediato — Não vou arrumar isso, já fiz coisas demais... — suspirou por fim logo ouvindo dois toques ecoarem em sua porta — Mas já? — olhou rapidamente o relógio em seu telefone jogado na cama — Não deu nem uma hora.

Revirou meramente os olhos indo em direção a porta a destrancando rapidamente abrindo a mesma dando-se de cara com certa loira com uma breve prancheta em mãos.

Hazel Lencastre...? — a mesma loira leu fitando alguns nomes em lacunas na prancheta logo em seguida fitando a albina vendo-a assentir receosa — Primeiramente seja bem vinda e... Prazer, Sherrie! — a assistente logo colocou o sorriso simpático em seus lábios estendendo a mão esquerda para a selecionada vendo-a apertar minimamente a mesma — Bem... Eu só vim lhe dar teus horários, estou passando no quarto das garotas entregando o cronograma, sabe, aquela coisa toda de se manter no horário, eles não toleram atrasos.

— Deixe-me adivinhar... Os herdeiros? — Hazel questionou pegando o papel retirado da prancheta estendido pela assistente fitando alguns horários.

— A produtora também, os herdeiros estão em segunda colocação e oh... Sim, soube que talvez ganhe uma parceira de quarto? E que muitos quartos estão selados e não podem ser utilizados então estamos dividindo alguns pares para dividirem alguns cômodos. Algum problema para você se houver esse detalhe? — a assistente questionou cuidadoso vendo o semblante da albina suavizar minimamente ao desviar a atenção dos horários para a loira.

— Não... Eu acho. — respondeu sorrindo minimamente — Obrigada de qualquer forma por me avisar, fiquei meio perdida de inicio — riu nasalada negando com a cabeça.

— Eu presumo. — a loira riu logo pigarreando — Uh! Os herdeiros estão hospedados pelos últimos andares, mas você pode acabar esbarrando com um deles pelos corredores, não se acanhe perto deles... É até bom conhecê-los de perto.

— Pode me dizer quem seria a minha parceira de quarto? — a albina perguntou de imediato vendo a assistente franzir as sombracelhas sorrindo meigamente logo varrendo seus olhos até sua prancheta.

— Provavelmente... Você ficará junto da Abigail Gallarte. Ela é uma das únicas assistentes selecionadas e pode até te ajudar, pelo que eu vi ela teve um percurso complicado, mas enfim... Precisa de mais algo?

— Não, obrigado. — Hazel proferiu suspirando encostando a cabeça na batente — viagem, cansaço... Sabe? — deu ênfase vendo a assistente assentir minimamente dando um passo atrás — Obrigada novamente. — sorriu logo fechando a porta ao ver a assistente acenar e virar-se para seguir pelo corredor...

Em um ato Hazel encostou suas costas no mármore da porta suspirando tomando um sorriso exaustivo nos lábios ao checar os horários no cronograma em mãos novamente...

Seria um dia cheio pelo visto.

 

Já em outro andar do imenso hotel, certa selecionada ouvia perfeitamente o som do baque de seus saltos ecoando pelo corredor enquanto carregava suas malas, um tanto irritada internamente corroendo seu olhar por inúmeras portas á procura de seu quarto.

Sua irritação mútua não era à toa, afinal, Rose simplesmente odiava ser cortada ou até mesmo ter sua bola abaixada em algum momento e no aeroporto de fato seu constrangimento ocorreu... Devido á mera selecionada que conseguiu fechar o linguajar da modelo por alguns minutos.

Podemos dizer que o sangue da mesma ferveu no momento que a tal morena a deu uma leve patada para o “herdeiro” continuar a falar as normas e indicações, mas ela manteve a compostura á ponto de não querer iniciar uma confusão ali mesmo, sabia bem como sair ganhando em um jogo daquele tipo, obviamente ela não deixaria barato. Por favor, pessoas, estamos falando de Rose.

Literalmente ela não descerá do salto tão cedo...

Logo os olhos da modelo se encontraram com o número de seu destinado quarto fazendo-a suspirar totalmente aliviada pelo feito, logo a mesma agarrará a maçaneta da porta de mármore a girando tentando segurar as malas em ambas às mãos.

Após o ato seus olhos automaticamente se arregalaram ao avaliar rapidamente o cômodo e chocar suas órbitas contra outras castanhas que a fitaram cautelosamente.

Você.

As duas mulheres falaram em uníssimo um tanto incrédulas, porém até mesmo mantendo a expressão parva encarando-o cada detalhe uma á outra. Ambas se segurando para não terem á beira de um surto com aquele mero detalhe.

— Isso é algum tipo de palhaçada?! — Rose se pronunciou por sua vez vendo a fileira branca de dentes formam-se em um sorriso nos lábios da selecionada á sua frente...

Oh... Acreditem, ela se segurou para não socar aqueles dentes.

— A única palhaça que vejo aqui é você, seu show no aeroporto não foi o suficiente?! — Nikolina pronunciou entre dentes disparando o velho tom ironizado em seu tom á direção de Rose que sentirá suas temporãs queimarem em irritação — Mas como o destino nos odeia, doce... — ironizou novamente — Somos colega de quarto. Por favor não faça disso um inferno, agradeceria.

— Como ousa? — a modelo pronunciou irritada deixando suas malas caírem — Não, de forma alguma! Não divido meu dormitório com ninguém e muito menos quero dividir-

— Quem? — Niko questionou vendo a expressão confuso da “colega” empardecer.

— Quem o que sua...

— Quem lhe perguntou que você não quer dividir um quarto que ao menos é seu de verdade, querida?! Lide com os fatos e seja mulher, não tem mais sete anos para fazer esse tipo de birra. — sorriu cinicamente enquanto jogava sua mala na segunda cama vaga do quarto abrindo a mesma puxando algumas peças de roupas as organizando ou tentando para ignorar a outra presença ali — Agora pare de ciscar.

— Não vou perder meu tempo com lixo de qualquer forma. — Rose disparou irritada ouvindo a risada da colega enquanto pegava suas malas e jogava na outra cama de forma brusca logo fechando a porta do cômodo rapidamente, de fato se irritou com a risada da selecionada continuando á ecoar como um deboche para sua estatura — Vá para o inferno! — resmungou.

— Não estou a fim de visitar sua casa, obrigada pelo convite de qualquer forma. — retrucou a morena se segurando para não rir da expressão rígida da modelo contra si.

Rose fechou a mão esquerda em um punho e respirou fundo vasculhando entre suas roupas na sua bendita mala aberta o frasco de seu medicamento de imediato, decidiu se calar vendo que a morena não lhe alfinetaria mais porém, o sorriso divertido nos lábios de sua colega a deixava internamente invocada. Ao achar o mesmo frasco suspirou aliviada pegando uma garrafa pequena de suco de uma dos apoios de sua outra mala que deixará de tomar durante a viagem. Logo tomou de recanto ao buscar uma pílula e suspirou pesado fechando os olhos deixando os ombros meramente tensos por alguns segundos, seus olhos tendo um breve azul cristalino dilataram-se em suas irís logo tomando o normal tamanho... O medicamento fazerá efeito. Logo guardou os pertences e sentou-se em sua cama tirando o aparelho móvel do bolso mexendo na caixa de mensagens enquanto repensava o que fazer á respeito de sua “amada” colega de quarto.

Nikolina por um lado estava até relaxada, nunca se sentirá tão bem, achava até divertido o fato de sua colega ser a “modelo” que fizera a cena no aeroporto, para ela o simples divertimento era ver a expressão de raiva da selecionada com seus cortes mas enfim... O silêncio não se manteve por tanto tempo naquele cômodo, a tensão era óbvia mas ninguém admitirá... Três toques foram auditáveis pela porta.

Niko lançou um olhar para a colega que a fitou dando de ombros logo revirando os olhos:

— O que? — questionou a modelo um tanto ríspida.

— Seu “quarto”... — Niko fez breves aspas com os dedos — Sua porta, madame. — justificou vendo a selecionada chiar e logo bufar largando o telefone na cama levantando-se indo até a porta. A regra era justa de certa forma.

— Essa droga toda sinceramente é desnecessária... — Rose exclamou abrindo a porta de imediato encarando dois pares de órbitas azuladas fazendo-a forçar um sorriso — Tudo bem? Deseja algo... Herdeiro? — deu ênfase encarando o rapaz que abriu a boca algumas vezes e logo relaxou os ombros.

— Só vim ver se está tudo bem... Sabe, se ainda estão vivas... — William pigarreou chamando a atenção das duas selecionadas que o encararam duvidosas — Aquilo no aeroporto me deixou tenso e saber que vocês são colegas de quarto não me deixou menos preocupado. — Justificou encarando de relance as duas.

— Estamos bem — Niko pronunciou-se — Digo, minha paciência está intacta, da Miss Ignorância aí... — apontou com a cabeça para Rose que bufou revirando os olhos — Está outra coisa.

— Algum problema, Rose?

William questionou trazendo o olhar da modelo para si que o avaliará cautelosamente notando alguns detalhes no mero herdeiro, a pose não estava tão reta e até mesma autoritária... Estava mais relaxada ou tensa de fato, ela reconhecia facilmente os traços de ansiedade no rosto do rapaz, sabia que era algo novo para o mesmo... Alguns segundos por pensamentos mútuos lhe trouxeram á tona, facilmente manipulável... Pensou consigo fazendo com que um sorriso falsamente ingênuo surgisse em seus lábios.

— Não, de forma alguma. — disse rapidamente vendo a expressão do rapaz suavizar — É apenas muito estresse do voo todo sabe? Obrigada de verdade por se preocupar, estamos nos dando bem, não é Niko? Ela está brincando. — gesticulou chiando rindo nasaladamente em seguida — Will, certo? — inclinou o queixo minimamente para frente encarando o herdeiro.

— Sim... — o moreno murmurou sorrindo sem jeito para a selecionada — Enfim, fico aliviado e feliz que esteja tudo correndo bem por aqui — deu um leve sorriso de recanto — Preciso checar outros selecionados, se não se incomodam.

— Imagine... Vai lá, deve ser tão cansativo e você precisa ser rápido, uh? Obrigado novamente. — Rose divagou com um tom levemente... Dócil. Will sorriu até mesmo de fato um pouco admirado mas logo desviou as órbitas... William, não seja cego á esse ponto...

— Enfim, vou lá, até mais tarde, Nikolina e... Rose.

Sorriu por fim vacilante e rapidamente se virou para se retirar fazendo a modelo acenar de recanto e logo fechar a porta de seu cômodo rapidamente se virando encostando as costas contra o mármore sorrindo com um ar mais pesado vendo os olhares da colega caírem sobre ela.

— Não fará isso, certo? — Niko questionou erguendo a sombracelha esquerda.

— Nada me impede, minha cara colega... Óbvio que farei e se eu for caridosa, te ajudo na corrida. — disse ainda com o sorriso pesado nos lábios vendo a morena negar com a cabeça e suspirar terminando de arrumar seus pertences.

— Não preciso disso. — murmurou por fim vendo Rose dar levemente de ombros indiferentemente e voltar a se jogar na cama pegando seu aparelho.

 

 

— Isso é um tédio! — a loira exclamou por fim enquanto se irritava com alguns pertences retirados de sua mala — Lúcifer, não arranhe minha mala! — bufou colocando seu felino no chão o retirando de cima de sua cama logo abaixando os ombros.

— Vem cá, isso tudo é estresse com o pobre animal? — Eveline questionou rindo nasalada recebendo um olhar torto da colega de quarto — Okay... Sem piadinhas, sem graça. — levantou os braços em rendição dando de ombros pondo seus fones de volta dando play em sua playlist no notebook pousado sobre seu colo, ela apenas jogou sua mala em um canto e atirou-se na sua cama ao adentrar o quarto, fora um dia cansativo, não queria pensamentos lhe enchendo no momento.

As duas seriam meras colegas de quarto, óbvio que Candy não gostará tanto da colega que receberá, preferia mil vezes Rebeca, a suportava e tinha a mera gentileza com a mesma, porém, a latina havia sido transferida para outro quarto em um andar superior do hotel o que a deixava cismada pelo detalhe em ter que dividir seu espaço com a loira de cabelos coloridos.

Diferente de Candy, Eveline não ligava de qualquer forma com quem dividia seu cômodo, estava descansando, era o suficiente, não queria se estressar por um detalhe fútil como aqueles... Digamos que ela ligou o famoso “Foda-se”.

 

 

— Olhe cara... Eu realmente não quero te irritar mas tem como me passar o carregador que eu deixei na cabeceira? Tipo... Esticar a mão, o pegar e me entregar...? — Grayson suspirou pela sétima vez ao falar com o colega de quarto que lerá qualquer livro sentado em sua cama, praticamente o ignorando — Vem cá...

— Colocou ali, o pegue. Não sou teu empregado. — Mark proferiu indiferente passando a página do livro ajeitando-se entre seu colchão sem desviar o olhar das páginas.

— É difícil pegar para mim? Estou só ajeitando minhas lentes — suspirou o rapaz vendo o estrangeiro o olha-lo sem senso e rolar os olhos pegando o aparelho na cabeceira jogando para o colega — Obrigado...

— Agradecimentos depois, estou ocupado. — respondeu simplesmente tirando um sorriso pequeno do colega que abaixará os ombros voltando os olhos para as lentes espalhadas pela cama de sua câmera jogada no canto da mesma... Seria difícil criar um vínculo ali.

 

 

— Oh meu deus... Quem diria, somos colegas de quarto! — Theo exclamou animadamente jogando suas malas no pé de sua cama ouvindo um grunhido de seu colega logo pondo um sorriso nos lábios novamente rindo — Caramba, te garanto que vamos nos dar muito bem...

— Pelo amor... Não me encha a paciência. — Caleb proferiu entre dentes enquanto fechava fortemente seu livro ajeitando os cachos que caiam sobre sua testa bufando — Já não basta ter que dividir os quartos, terei que dividir contigo, coisinha...

— Opa! Coisinha, fizemos um processo, Rapunzel. — brincou o rapaz vendo o cacheado o olha-lo cerrando os olhos — Amei o apelido, é algo que colegas de quartos fazem.

— Você sinceramente não é normal... — Caleb murmurou desacreditado encarando a mera figura á sua frente revirando as órbitas verdes.

— Ser normal não está no meu dicionário — Theo justificou — Pelo menos somos colegas! Em três! Quem diria que me botariam em um quarto com bônus em dois colegas!

— Não me meta no meio, estou quieto no meu canto. — Arthur murmurou enquanto ajeitava suas roupas em uma gaveta do closet que continha no cômodo.

— Wow... É a primeira vez que te vejo falando desde da viagem toda. — Theo indagou cerrando os olhos jogando-se na cama do meio entre as duas dos outros rapazes.

— Não sou mudo, apenas não gosto de... Como podemos dizer, gastar meus diálogos com pessoas sem... Importância, digamos assim. — justificou vendo Theo rir nasaladamente o fazendo erguer a sombracelha esquerda ouvindo o mesmo continuar:

— Me botaram entre dois góticos, a delicadeza de vocês me comove mas, presumo que nos daremos bem, irmãos.

— Não somos seus irmãos. — Caleb e Arthur falaram juntamente em um mesmo tom ríspido fazendo Theo apenas rir baixo e fechar os olhos após fitar o teto branco por segundos.

— Claro, claro... Vocês tem um coração, ambos, sugiro que os usem, sei que não são esses pedaços de gelo dando cortes em todo mundo, cadê a animação meu povo?! Trabalhamos oficialmente para a Victoria’s Secret! Sabem o quão incrível isso é?! — Theo exclamou levantando os braços.

— Estamos em uma seleção. — Caleb proferiu revirando os olhos — Podem nos chutar para fora á qualquer momento, não se garanta. — bufou.

— Faço das palavras dele as minhas. — Arthur indagou ajeitando seus blazers.

— Positividade em primeiro lugar, meus caros. Não seremos chutados, creio que não... Ao menos. — Theo murmurou por fim e logo deu de ombros — Eu pelo menos não e não quero que meus irmãos de quarto também sejam chutados para fora. Sabem... Descobri algo lendo nosso contrato novamente... — disse atraindo brevemente a atenção dos colegas.

— O que? Uma lacuna permitindo animais? Não me surpreende terem te deixado entrar — Caleb murmurou abrindo seu livro novamente vendo o rapaz fazer-se de ofendido.

— Nossa, magoou... — fingiu um mal tom sofrido logo se recompondo — Nos colocarão em blocos... Tipo, cada desfile tem oito blocos, oito apresentações no total, cada um deles divide modelos e fotógrafos... Ou seja... — presumiu deixando os colegas tentarem chegar á uma conclusão porém, nada á tona dos mesmos — Nos dividirão em equipes.

— Quer um biscoito? — Arthur divagou — Óbvio que sabemos disso, não somos o pré-jardim para ir até o banheiro de mãos dadas todos juntos.

— Ele é lerdo, ignora. — Caleb proferiu contendo o sorriso de recanto pela expressão falsamente ofendida de Theo.

— Okay, oficialmente vocês magoaram meus sentimentos. Não fale comigo Rapunzel e muito menos você “Who”, quero cortar nossos laços, magoaram um pobre rapaz. — o mesmo proferiu no mesmo tom falso logo ouvindo ambos os colegas rirem disfarçados pela cena... Até mesmo fazendo-o dar um pequeno sorriso de lado, um processo á frente.

 

| Londres, Inglaterra | 14h55min AM |

Hotel “The Venetian”

 

As horas passaram ás pressas e claro que com o tempo passando tão rapidamente, os selecionados subiam e desciam de andar em andar para se preparem e pegarem o necessário para visitar então o famoso estúdio onde ocorriam os enormes desfiles da VS. Praticamente estava uma correria no hotel todo, de seguranças se posicionando com seus carros á frente do hotel, da imprensa preparando seus equipamentos até o estúdio, assistentes ajustando alguns membros da equipe desajustados, selecionadas pegando suas vestimentas, assistentes e fotógrafos arrumando seus equipamentos de sessões e até mesmos os herdeiros que tiveram de buscar cada selecionado até leva-los aos carros que os levariam até seu futuro destino, uns até estavam tranquilos com toda aquela mudança de imediato no movimento mas já outros...

— Zaara precisa de ajuda? — Aurora proferirá prendendo o riso pela loira que tentará fechar sua bolsa á praticamente dez minutos pelo feixe emperrado. A mesma negou rapidamente com a cabeça e bufou largando a bolsa na cama — Olhe, não querendo apressar mas já apressando... Um dos herdeiros ou uma das selecionadas virá nos buscar daqui á cinco minutos...

— Preciso levar a minha bolsa, se eles fizerem um teste conosco lá e eu não estiver preparada, será a ruína... Vão me reprovar de primeira por não estar preparada o suficiente, que inferno! — Zaara resmungou irritada trazendo um olhar terno de sua colega.

— Escuta... — Aurora começou ajeitando a pequena alça da bolsa em seu ombro esquerdo — Eles não irão nos testar hoje, isso te garanto. Não precisar forçar tanto seu psicológico.

— Mas... — a loira tentou continuar mas com o olhar da morena se calou suspirando — Está certa... Estou sendo precipitada. — relaxou os ombros.

— Não se culpe, todos os nervos estão á mil — a mesma riu negando com a cabeça — Acredita que o herdeiro deu em cima de mim no aeroporto? Segurei-me muito para não rir da cara do coitado, nunca achei que seria cantada justo por um... Dos herdeiros. — questionou rindo — Fiquei com pena do assistente dele brincando com o “fora” que ele levou.

— Os herdeiros parecem tão jovens... Achei que seriam aquelas pessoas rigorosas e velhas com nenhum ar de animação no rosto, até pensei em voltar correndo para casa pensando nisso mas quando cheguei, vi os três e bem... A insegurança gritou, está difícil voltar justo agora, estou aqui para continuar... — Principalmente por você, Ava, a loira pensou consigo — Mas enfim, acho que será divertido tirando as provas e eliminações.

— Oh, relaxe, sei que nos sairemos bem — a morena dera de ombros logo ouvindo dois toques ecoarem pela porta do cômodo — Nossa deixa... — sorriu confortante para a loira que apenas pegou seu aparelho na cabeceira e suspirou por fim indo atrás da colega a vendo abrir a porta de imediato deparando-se com uma das herdeiras — Hey! — sorriu simpática vendo a loira mais nova sorrir retribuindo com uma prancheta em mãos — Nos atrasamos?

— Não, estamos adiantados até. — Grace disse quebrando a tensão sem levantar o olhar para Zaara atrás da selecionada — Bem... Só demorei porque tive que buscar Ariana e Lucy — deu espaço exibindo às duas selecionadas atrás de si sorrindo de recanto vendo ambas acenaram levemente para Aurora e Zaara — Desculpem-me.

— Imagine, tivemos imprevistos também.

Zaara se pronunciou dando um passo á frente atraindo olhares a fazendo sorrir meigamente para todas presentes ali... Grace por outro lado franziu ao cair o olhar sobre a selecionada que surgirá atrás da outra a fazendo sorrir sem jeito sentindo suas bochechas tomarem um leve rubor ao analisar a loira cautelosamente... Grace, pelo amor...

— Vamos? — Lucy questionou assustando minimamente a herdeira mais nova que se ajeitará desviando de olhar de Zaara sorrindo sem jeito.

— Oh claro, claro, vamos, apenas me distrai. Vamos, vamos perder tempo nos desculpas aqui. — logo a mesma herdeira seguiu corredor á frente trazendo olhares confusos entre as selecionadas que caíram de recanto o olhar sobre Zaara logo deixando sorrisos surgirem em seus lábios logo as fazendo seguirem a herdeira até o elevador.

 

| Londres, Inglaterra | 15h06min AM |

Estúdios “The Victoria’s Secret”

 

Quem diria que a imprensa seria tão movimentada em frente ao enorme estúdio onde “a mágica” dos desfiles ocorriam, os selecionados já estavam á postos, cada quantia dos mesmos em meros e separados carros á caminho do estacionamento.

A paz no momento era o que menos reinaria aquela tarde, isso porque era apenas um tour pelo local e uma reunião com a equipe geral... Imaginem quando tudo aquilo fosse transmitido ao vivo para todos, aí sim, a selva começaria...

Os nervos queimavam entre os selecionados que a cada proximidade do estúdio por suas visões, a ansiedade gritava dentro de cada, uns como Theo até mesmo surtavam para quererem ver mais do local pelos vidros do carro que estavam mas, sendo barrados pelos inúmeros paparazzis deixando os flashes de suas câmeras baterem nítidos nos vidros escuros dos carros que entravam no estacionamento do local, já outros como Sarah ficavam apenas admirando cada detalhe sem esboçar uma expressão de animo porém, um sorriso de lado sempre escapava ao vir tantas ideias á mente.

Nossos caros herdeiros já estavam juntos em um carro em especifico que fora perseguido por alguns tabloides os deixando incomodados por tantos indivíduos em cima dos três, mas era algo preciso de se aguentar.

Logo o veiculo estacionou fazendo os mesmos se entreolharem e suspirarem por tanto movimento durante o percurso, logo Dakota fora á primeira a sair do automóvel quando um segurança lhes abriu a porta e deu-lhes passagem fazendo inúmeros flashes baterem contra o rosto dos mesmos.

Will resmungou pela claridade e Grace apenas tomou a frente seguida por um segurança que barrava alguns tabloides de se aproximarem da garota que ignorará inúmeras perguntas. Dakota virou-se vendo que o herdeiro mais velho continuará no mesmo lugar após descer devido alguns repórteres de algumas emissoras ou jornais digitais cobiçados o cercarem enchendo-os de questões.

— William! — uma repórter loira se pós á frente estendendo seu gravador á face do herdeiro que grunhiu irritado — Diga-nos. Como será a seleção?

— Já pensaram em eliminar alguma garota? Como foi o processo de normas refeitas? Estão animados? Devemos nos preocupar com essa seleção de modelos vinda de imediato? — um breve repórter jovem estendeu outro gravador perto do herdeiro o fazendo suspirar impaciente por tantas perguntas de disparada.

— Perguntas serão respondidas na coletiva da imprensa, afastam-se! Não estão sendo permitidas questões agora, não serão respondidas de qualquer forma.

Um segurança pós-se a frente indagando ríspido guiando o herdeiro para perto de Dakota que o segurou pela mão esquerda de imediato puxando-o consigo para dentro do estúdio rapidamente os fazendo ouvirem os resmungos irritados dos tabloides do lado de fora.

— Eles estão agitados. — Dakota comentou vendo a expressão do amigo pesar — Oras, o que foi? — questionou.

— Nada. Só não achei que eles encheriam tanto... Será que as garotas estão bem? — questionou olhando a garota que rirá.

— Óbvio que estão, porque tanta preocupação? — questionou erguendo a sombracelha esquerda.

— Eu só queria saber se Aurora e Rose estão bem, estou ouvindo aqueles merdas de tabloides lá de fora... — bufou vendo a expressão da herdeira endurecer.

— Rose e Aurora? — franziu olhando o amigo.

— Elas são selecionadas, oras. — o mesmo justificou como se fosse óbvio vendo a mesma herdeira entreabrir os lábios desacreditada.

— Mas como assim só se preocupa com elas-

— Vocês não vem?! Precisamos fazer isso para hoje! — Grace gritou de longe encarando os herdeiros que se viraram e suspiraram.

— Não estou me preocupando apenas com elas, não bote palavras na minha boca, Dakota. — Will indagou ríspido vendo a herdeira suspirar e fazer um sinal para que ele abaixasse o tom — Que seja, vamos. — falou por fim bufando indo em encontro á herdeira mais nova que seguiu caminho com o mesmo...

Dakota suspirou encolhendo os ombros e seguiu logo atrás.

 

Do outro lado do estúdio, os selecionados por um mero sufoco conseguiram adentrar o local enorme com ajuda dos seguranças porque convenhamos, estava um caos lá fora, paparazzis e tablóides da imprensa tentavam de toda forma tirar alguma informação extra da seleção dos próprios selecionados mas, barrados pelos seguranças e assistentes que levaram de imediatas os jovens para dentro do estúdio para nenhum tipo de desentendimento.

— Bem, selecionados. Estamos diretamente no estúdio da Victoria’s Secret! — Sherrie começou ao lado de Steve que anotará alguns detalhes em sua prancheta enquanto vez ou outra observava cada selecionado de recanto — Saibam que estão sendo avaliados por nós também então tomem cuidado daqui, cada falha será anotada por Steve e um ponto será descontado de suas fichas. — A mesma pronunciou vendo algumas garotas engolirem á seco com a informação de relance, não haviam lhes informado — Vocês me seguiram até o local onde ocorre os blocos e apresentações, será passada cada norma e regra possível para nenhum sequer descuido! — proferiu tomando a postura ereta — Se lembrem, estão sendo vigiados então por favor... Sigam as normas. — deu uma pausa vendo todos se entreolharem um tanto aflitos ou apenas se certificando — Sigam-me! — disse de vez se virando junto á Steve seguindo pelo corredor totalmente extenso de largura e comprimento onde era possível passar por certos camarins fechados e sem nomes em especifico, ao ver que alguns olhavam os mesmos em dúvida, a assistente prosseguiu — Em breve, terão seus nomes estampados em cada estrela das portas desses inúmeros camarins, não fiquem preocupados com isso, o nome de vocês já estão sendo reconhecidos.

Deu um breve sorriso de lado e logo seguiu até uma porta extensa e de tais duas entradas fechadas, ambas tinham seguranças por meras via das dúvidas, na realidade, tinham seguranças por praticamente o estúdio todo, tanto quanto a área interna quanto externa. As portas logo foram abertas para selecionados que hesitaram em passar mas por um sinal de Sherrie, foram á frente, as selecionadas foram á frente seguidas do rapazes que de imediato arregalaram os olhos ou travaram ao analisar onde estavam.

— Sejam bem vindos aos blocos. — Sherrie pronunciou sorrindo largamente olhando as expressões desacreditadas e admirados dos jovens — Ou melhor, o lugar onde ocorre o que vocês viram por anos através de seus aparelhos, apenas por uma tela mas agora, estão vendo na realidade... A passarela está intacta.

E realmente estava, o local estava totalmente intacto e cogitado por cada detalhe posto em seu local minusculamente trabalhado, as poltronas vazias dos lugares vagos da futura plateia estavam limpos e alinhados, os suspensórios de enormes iluminarias pelo teto totalmente plano estavam dando destaque brusco à passarela com seu imenso telão que apenas tinha um wallpaper animado passando como teste, a mesma passarela onde ícones do mundo dos holofotes passaram por anos e até mesmo ícones da música que davam vida aos blocos com hits implacáveis...

Os selecionados simplesmente estavam maravilhados com tudo aquilo, mesmo alguns estando apenas admirados internamente não emboçando expressão, era difícil crer que fosse daquela forma, não parecia real, era totalmente igual á ver um desfile pela televisão ou qualquer tela móvel, não tinha falhas e muito menos um lado disfarçado e mal feito, tudo era bem posto e feito, dava até gosto de ver, quem fosse perfeccionista que surtava por tantos detalhes bem colocados em cada local, às cores vivas e leves clareavam o local...

Era totalmente indescritível.

— Não acredito que vamos trabalhar aqui... — Carina murmurou para si encarando tudo admirada porém, o suficiente para Rebeca que estava ao seu lado inspirar fundo e rir nervosamente ao escutar.

— Bem, tem a eliminação mas, isso é surreal. — a latina murmurou.

— Oficialmente estou surtando. — Theo indagou um pouco fixado nos telões no piso da passarela e na lateral da mesma, Caleb ao seu lado apenas soltou um riso nasalado encarando a passarela por cada detalhe.

— Não é o único, amigo. — Hazel ao seu lado pronunciou corroendo os olhos pelos lugares na plateia até então vazia.

— Quem diria que seria dessa forma... — Aurora murmurou para si mesma e logo soltou o ar que prendia vendo Zaara ao seu lado com um sorriso terno nos lábios... Até mesmo emotivo — Zaara?

Ava... Se cheguei aqui continuarei, querida, queria que pudesse ver isso pessoalmente. A loira pensou consigo e suspirou olhando a colega fazendo um breve sinal de que estava bem.

Como viram, nada são efeitos pela tela dos monitores ou algo do tipo, apenas perfeição torna os desfiles cada vez mais implacáveis. Sejam bem vindos. Por favor selecionados sentem-se á plateia meus jovens, as normas serão passadas.

Todos ouviram tal voz projetada ecoar pelo estúdio e logo olharem para a passarela vendo o telão da mesma dar inicio á breve abertura de cada desfile antigo em fração de segundos. Todos em estado de ansiedade rapidamente seguiram em direção as poltronas da plateia e sentaram-se precisamente na frente para assistir a mera abertura destinada especialmente á eles.

Alguns desfiles antigos passarem entre a abertura os fazendo assistirem cada trecho de cada um atentos e pressionados pelos detalhes mais importantes... Logo as cenas rodaram ao contrario e cessaram dando um leve toque final exibindo á nova abertura da marca no imenso telão. Os baques de passos batendo contra as laterais da passarela chamaram a atenção dos mesmos e de lá das entradas os herdeiros surgiram prontamente ajustados e seguiram andando pela imensa passarela lado á lado prendendo a atenção dos selecionados.

— Sejam bem vindos novamente, selecionados. — Dakota pronunciou abrindo os braços e um sorriso simpático nos lábios tomando lugar na frente tomando sua pose — Como observam, cada detalhe foi bem especifico aqui... Presumo á vocês que as semanas serão duras daqui á frente. Como sabem, estão sendo observados. — fez um breve gesto dando passagem.

— A eliminação é uma fase de relance. — Grace deu continuação indo para frente á alguns passos observando alguns dos rapazes — Não achem que estão salvos de cometerem quebras de normas e saírem impunes. Isso cabe tanto ás modelos como aos rapazes selecionados. Todos estão no mesmo barco.

— Algumas garotas devem estar se perguntando ou surtando com algo na cabeça... — Will pronunciou formalmente dando passos á frente ficando á meio das herdeiros — Dakota minha cara, afinal... O que é preciso para ser uma Angel? — questionou olhando a mesma.

— Tudo que você tem... — Dakota proferiu sorrindo de recanto logo tomando uma expressão divertida — Porém, nem mesmo assim é o bastante. — logo ouviu murmúrios ecoarem duvidosos entre os selecionados.

— É preciso foco, é preciso empenho e é preciso perseverança. — Grace deu continuidade novamente erguendo o queixo.

— A beleza não é nada sem força. — William proferiu de vez trocando olhares entre algumas modelos — Muitas Angels treinam como atletas profissionais e se esforçam para terem o corpo que querem, porém se lembrem, as normas mudaram em alguns aspectos então não cheguem a um ponto que possa... Como eu posso dizer...

— Que possa prejudica-las. Ser uma Angel não é ter um corpo de boneca então não levem á sério o aspecto de tentar se parecer como uma. — Dakota completou — Aos assistentes e fotógrafos dizemos o mesmo, não achem que possam entregar algo de qualquer forma á nós, queremos um apoio de fato bem feito, serviços bem calculados, horários e planilhas em coordenação, tudo bem cronometrado, queremos bons ângulos, boas fotos, boas poses, queremos forças exalando de cada álbum divulgado, não passem vergonha sujando seus nomes. Os melhores ficarão...

Dakota jurou que pode ver alguns fotógrafos se entreolharem em conflito e logo voltarem a dar atenção a apresentação de normas.

— Mas qual é a finalidade disso, herdeiras? Porque estamos falando isso justo hoje? — William questionou gesticulando.

Essa semana vocês terão um bloco que será transmitido, uma das primeiras provas. Sim, irão desfilar e coordenar conosco uma das primeiras provas. — Dakota disse trazendo olhares incrédulos de alguns selecionados e outros apenas exalando ou tentando exalar confiança á si mesmos — Amanhã cedo será um dos ensaios, às cinco da manhã em ponto. Temos cinco dias até a primeira prova mas, até lá formaremos equipes em três blocos, afinal, não será algo grandioso como oito ou dez blocos em um só desfile. No caso, somos três herdeiros, dividiremos cada um de vocês e serão praticamente uma equipe para cada bloco. Teremos a equipe Um, cujo é a minha, a equipe Dois cujo é da Grace e a equipe Três cujo é a de William... Amanhã cedo anunciaremos cada membro que foi para cada equipe, escolheremos em detalhes cada selecionado de acordo para cada herdeiro.

— Mas claro, sabemos... Os três blocos terão temas diferentes e vocês irão escolher esses temas. — Grace disse sorrindo sem humor para os mesmos — Deixaremos livremente seis blocos completos passarem no telão e vocês anotarão nas pranchetas que estão recebendo entre os assistentes... — disse após vendo os assistentes de imediato entregarem as pranchetas á cada selecionada e selecionado ali que as pegará por ordem — Quais foram os três blocos que mais lhe chamaram á atenção, veremos os votos e escolheremos os três mais destacados entre os mesmos.

— Por aqui iremos nos retirar para deixar vocês assistirem cada bloco e escolherem á seus critérios. Não se preocupem com a rápida analisada de normas, não é apenas isso, estamos progredindo em etapas. Voltaremos após a exibição dos blocos para esclarecer mais detalhes então por aqui, é só... E claro, sejam bem vindos á Victoria’s Secret, meus caros. Fazem parte daqui agora.

William pronunciou sorrindo ladino e olhou as herdeiras assentindo juntamente com a mesmas logo seguindo de volta caminho pela passarela indo até as entradas retirando-se de uma vez para dar espaço aos selecionados... Após alguns pequenos minutos o local teve suas luzes desligadas apenas dando o brilho do telão do piso da passarela e claro, ao telão principal que exibirá os primeiros desfiles... Agora a decisão caberá á cada um, terão que escolher precisamente bem, a perfeição leva á pratica.


Notas Finais


Espero que tenham gostado meus anjos, desculpem-me novamente pela demora ou erros ortográficos, minha vida escolar está fodendo minha cabeça, ou seja, é muita coisa para segurar ao mesmo tempo, sabem? Espero que compreendam.

BEM, PESSOAS... A FANFICTION É INTERATIVA, então vamos dar sentido á esse termo, agora é com vocês! Vamos ás perguntas aos meus caros leitores:

1 — Algum comentário em especial sobre os colegas de quartos formados? Ou sobre algum personagem em especial?

2 — O que acharam da atitude de William com Dakota? Alguma suposição do porque da atitude repentina do mesmo herdeiro?

3 — Na visão do seu personagem (ou na visão dos seus personagens), quais foram os três exatos blocos que mais lhe chamaram á atenção?! [Essa questão tem de ser obrigatoriamente respondida, vai influenciar diretamente na história e no desenvolvimento de seus personagens, abaixo a lista dos blocos exibidos, estão livres para assistirem cada um e escolherem os que mais lhe chamaram atenção, escolham exatamente três, agradeço.]

▂ ▃ ▄ ▅ ▆ ▇ ♦ Blocos ♦ ▇ ▆ ▅ ▄ ▃ ▂
[1] University Of Pink: https://www.youtube.com/watch?v=PBPBfnblWrM
[2] Parisian Nights: https://www.youtube.com/watch?v=FESrH3RM-8c
[3] Style: https://www.youtube.com/watch?v=8rwtFcHLKy0
[4] Calendar Girls: https://www.youtube.com/watch?v=X5gpOpHbECk
[5] Me & My Girls: https://www.youtube.com/watch?v=zTtoxL9yeXU
[6] Love Me Like You Do: https://www.youtube.com/watch?v=ftDK0atcHEw
▂ ▃ ▄ ▅ ▆ ▇ ▇ ▇ ▇ ▇ ▇ ▆ ▅ ▄ ▃ ▂

Obrigado por tudo que estão fazendo pela Fanfiction, obrigado de verdade, enfim, fiquem bem e até o próximo! <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...