História Vida de CatnoirAdrien e LadybugMarinette - Capítulo 8


Escrita por: ~

Exibições 67
Palavras 588
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Famí­lia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Super Power, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Não é que deu? Kkkk
Eu me inspirei um pouquinho em uma música da sia que se chama " chandelier " algo assim! Espero que gostem!

Capítulo 8 - O castigo mortal


Fanfic / Fanfiction Vida de CatnoirAdrien e LadybugMarinette - Capítulo 8 - O castigo mortal

Marinette vai até um parque um pouco próximo e encontra Alya, acena e a chama. 

-- O que foi Marinette? Por que tanta empolgação? - pergunta Alya ansiosa por uma resposta. 

-- Adivinha quem viu meu caderno e adorou meus desenhos? - Responde Marinette lhe mostrando o autógrafo.

Alya faz uma cara de espanto e da um grito com santinhos junto de Marinette é pergunta:

-- Miga! Como você o encontrou ele? Você foi na casa do Adrien? *0* espero aí! Vocês estão namoranão? 

-- Aí Alya! Eu vou te contar tudo! Vamos na minha casa! Meus pais ainda não chegaram mas acho que pra você não tem problema! 

-- Não deixa escapar nada viu, menina?

E elas vão até a casa de Marinette. 

Em quanto isso...

Gabriel, após fechar a porta, olha para trás e diz a si mesmo:

-- Agora ele vai ver!

Adrien no quarto conversa com Plagg :

-- Estamos namorando! Você viu? My Lady é a Marinette! Eu sou tão idiota de não ter percebido antes! (Autora: concordo! ) Estava tão óbvio! 

-- Concordo! Você é um tremendo idiota! E meloso também! Que nojo!

-- Você não entende Plagg! - se joga na cama de costas - Um dia terá uma linda kwamizinha para namorar! Quem sabe Tikki?

-- Tikki? Não! Que nojo! Eu nunca vou namorar!

-- Duvido!

-- Duvide o quanto quizer! É a verdade do meu ser! Por enquanto meu amor é comenbert! 

-- Aí Plagg! Você só pensa em comer! Não sei como não engorda! 

-- Eu perco calorias a cada vez que você se transforma! Aí tenho que comer de novo, e perco, e como, e perco, e como, e perco...

-- Entendi!

Adrien escuta passos da escada.

-- Plagg! Se esconde! - e abre suas casaco branco para que Plagg entre.

Os passos ficam cada vez mais altos e Gabriel impaciente, ao invés de pegar a chave, arromba a porta com o pé.

-- Adrien! Vou te ensinar a não fugir de um castigo que eu dou!

-- 1 você arrombou minha porta e 2 eu poderia morrer!

-- Mas é seu dever me obedecer!

-- Mas nada! Vem aqui!

Gabriel pega Adrien pelo braço e amarra os dois juntos para frente junto às pernas e o joga no chão e tampa sua boca com fita isolante. Adrien da gritos abafados pela fita e o pai dele diz com um cinto na mão:

-- Agora você vai ver!

Ele começa a bater em Adrien, ele continua a gritar em vão, sabia que ninguém ia escuta-lo, mas gritava e chorava para que seus olhos implorassem para que parasse,  não sabia que seu pai era tão forte, nunca havia levado um tapa, um beliscão, não achava que seu pai podia bater por tanto tempo. 

2 horas de cinta depois...

GabrielGabrieljoga Adrien em um quarto minúsculo e liga uma furadeira e o ameaça:

-- Não grita! Não chora! Ou eu enfio isso em você! 

Adrien faz um sinal de não com a cabeça. 

-- Então ó! - põem o dedo na boca - shiiií! 

A noite...

Adrre  esa suando frio e morrendoscopia de sede e fome. Gabriel chega e libera sua boca. Lhe apresenta um pão seco e meio copo de água, deixa lá e diz:

-- coma... se conseguir! - É sai.

Adrien com muita dificuldade pega com a boca e começa com certa dificuldade,  consegue beber um pouco da água e escuta seu pai dizer do lado de fora:

-- Se você se comportar, amanhã eu te solto!


Notas Finais


Gente! Por favor! Me dêem uma idéia de akuma para eu continuar! Se não não tem como!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...