História Vida nova em Busan (Imagine BTS) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 245
Palavras 2.478
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oiii povo bunito.....
Em taooo estou repostando a fanfic, ela foi excluida por X motivos, em tao estou postando novamente, esperem q logo logo ela estara noar de onde ela parou
amoo muito voces ,KISSUS
Bibi_Tae 💙,

Capítulo 1 - Mudança


Fanfic / Fanfiction Vida nova em Busan (Imagine BTS) - Capítulo 1 - Mudança

Despertador*

-Ahaaa não já e 6:00? parece que eu dormi  um 5 minutos . Eu digo sozinha  em meu quarto. -Ah quer saber não  vou hoje, não  sou obrigada a nada. Eu digo em meus pensamentos e voltando a dormir.

-Acorda  sua vadia preguiçosa. Minha mãe  adotiva  CL diz gritando  .Eu e ela paramos  de se dar bem faz um bom tempo, eu a odeio  não aguento  mais ela, na verdade nunca a aguentei.

-A cala a boa o, quero dormir, não  vou  hoje. Eu digo cobrindo minha cabeça.

-Não  me manda cala a boca  sua órfã  do caralho. Ele diz tirando todas as cobertas de min, e outra você vai hoje sim e se eu receber outra ralação de você, eu vou dar um jeito  de achar seu pai e vou mandar você morar com ele. Ele diz indo em direção a saída do meu quarto.

-Tanto faz SE VOCÊ  MORRER NÃO  ME FAZ FALATA .Eu grito por fora eu estava calma e tranquila,  como se eu  não  ligasse  para o que eu dizia ,eu demonstrava isso!. mas por dentro  eu tinha vontade  de chorar, eu poderia realmente  não  gostar dela, mas se ela morresse eu ira sentir sua falta.

-FILHA DA UMA PUTA, AHH LEMBREI VOCÊ NÃO TEM MAE .Ela diz saindo do quarto.

Quando ela saiu  eu fui tomar  banho  liguei  o chuveiro deixei  a água quente  escorrer pelo meu corpo junto  com as minha lágrimas. Terminei  o banho coloquei  uma roupa qualquer,  eu não  aguentava mais morar  com essa mulher  vou  fazer  de tudo para ser expulsa  de novo.

Chegando  na  escola  não precisei fazer muito  para uma menina

vir discutir com migo, essa mina não deve ter medo de morrer.

No tempo que eu fiquei no orfanato eu aprendi abrigar, lá era a regra do mais forte em tão tinha que brigar com todos os dias conseguir comer ou algo do gênero, e sim, todos tinham medo de min, sabia que um passo em falso eu acabaria com a pessoa .Mas aqui? São um bando de menininhas que choram até ao quebrar a unha.

-QUE FOI MENINA HOJE NÃO ESTOU DE BOM HUMOR. Quando eu gritei todos olharam pois  sabia que a menina ira precisar de alguém para levá-la  à enfermaria. Mas ela não recuou, eu tentei me controlar  mas....

-NÃO GRITA COM MIGO ASSIM VADIA. Ela gritou dando um paço em minha direção ,todos olham para ela , com um olha tipo *está brincando com fogo* *se fodeu* *sai correndo se ama sua vida*

-DOQUE  VOCÊ ME CHAMOU? .Eu perguntei me segurando para não dar na cara daquela  vadia.

-ISSO MESMO QUE VOCÊ  ESCUTOU V-A-D-I-A, AH E Ó-R-F-Ã AINDA POR CIMA. Quando ela disse isso eu não me segurei parti para cima daquela vida.

Dei um chute no seu estômago, ela já ficou com falta de ar, deu um soco na sua cara e em seguida ela caiu no chão, subi em cima dala comecei a dar socos por todo seu rosto, fazendo seu nariz sangrar .Segurei seu cabelo e puxei para cima.

-REPETE O QUE VOCÊ  DISSE ?. Eu gritei  e pude ver a diretora,  sim A DIRETORA, vindo correndo.

-NÃO  NADA EU RETIRO TUDO O EU DISSE, MAS PARA PORFAVOR. Ela disse chorando.

-PARA COM ISSO S/N ,PARA A SALA DA DIRECAO AGORAAA. A diretora diz me tirando de cima da menina. fui até a direção ,não  demorou muito para vadia chegar  (minha "mãe")

-Em tão  essa foi a gota da água CL, a s/n não  pertence mais a essa escola. A diretora disse calma, parecendo que tirou um peso das costas.

-E nem a minha  casa. Ela diz e eu sorrio, a diretora olha para min sem entender. -Já achei seu pai suas coisas  estão no carro, você vai para Busan hoje, agora. Ela diz.

Cara juro eu não sei se fico feliz ou triste.

Entramos no carro não trocamos uma palavra, ela me deixou no aeroporto, entrei no avião. Será que meu pai lembra de min ?, o que será que ele faz da vida? . Eu fiquei  com essas dúvidas na cabeça, Mas fiquei mexendo no celular o voo inteiro  e escutando música, encontrei um grupo chamado  BTS, achei sem graça, eles te cara de ser esnobe. Cheguei Busan, o avião pousou, eu deci, peguei  minhas mala, não  sabia que ira vir me pegar. Um monte de pessoas  com plaquinhas na mão, quando de repente eu escuto .

-BTS BTS BTS. Um monte de meninas gritando, mesmo eu não gostando deles fui ver.

AH NÃO  SERIO  ISSO,EU QUERO DAR MEIA VOLTA E IR EMBORA . ADIVINHA ELES TINHA UMA PLAQUINHA.

"Seu pai não pode vir, mas estamos aqui para te levar para casa s/n" "s/n cadê você? "

FAZER O QUE NÉ.

-Ei eu sou s/n .Eu digo todos param de gritar os meninos dão uma risadinha e olham para min

-Aham é. O menino mais alto disse.

-Se você é quem estamos procurando, por que estamos te procurando?. Um menino branco para caralho disse.

-Porque a filha da puta de minha ex-mae adotiva me mandou  morar com meu pai que me a andou. Eu digo eles olham espantados, um menino com um sorriso quadrado correu até min e me deu um abraço

forte mas não retribui, empurrei ele para longe de min.

-Não gosto de abraços. Eu digo.-Sem perguntas, sem afetos plz, não  gosto de vocês, e espero muito  que vocês  não  gostem de min. Eu digo  calma eles olharam estranhos para min e apontaram um carro muito lindo e eu entrei.

Não  demorou muito para chegarmos, durante o caminho conversaram entre eles, até  que quando eu seio do carro, o menino mais baixo com um sorriso fofo, veio até min.

-Ei oque esta escutando. Ele diz puxando o foninho do meu ouvido, como meu instinto era atacar eu não pensei duas vezes peguei eu foninho de sua mão e em seguida torci sua mão e derrubei ele no chão. -Nunca mais faz isso. Eu digo pegando minha mala do carro colocando no chão e em seguida entrando numa casa muito grande.

-Ei você onde fica meu quarto?. Eu pergunto para um menino com um sorriso grande que estava dançando igual a um logo e fazendo rap.

-Você deve ser a s/n !?. Ele pergunta .-Eu sou Hoseok ,mas chama de Hope.

-Ah interessante Hope ,mas não  perguntei seu n1ome, perguntei onde fica meu quarto. Eu digo fria.

-No segundo andar segunda porta a esquerda. Ele diz fechando o sorriso e com o mesmo tom de frieza.

Eu subo as escadas entro  no meu quarto, em seguida deito na cama e durmo, acordo com meu "Pai" batendo na porta, e em seguida ele entra.

-Oi Filha quanto tempo, sua mãe sempre dizia que você não queria me ver....Vim aqui para avisar que você não vai poder estudar esse ano, nenhuma escola esta citando novos alunos agora, em tão você vai  e ajudar lá na gravadora, e me ajudar com os meninos. ele diz em seguida ele me abraça, o estranho e que eu retribui.

-Tudo bem. digo fria. -Mas como assim não queria te ver? .Ei digo sem entender .

-Eu sempre ia te visitar, mas sua mãe dizia que você  não queria me ver. Ele diz

-VADIA eu nunca disse isso. Eu digo com raiva.

-Ta mas agora já passou, durma amanhã  8:00 você vai com migo e os meninos na gravadora.

Eu deito e durmo

Despertador*

-Ahaaa não já e 6:00? parece que eu dormi  um 5 minutos . Eu digo sozinha  em meu quarto. -Ah quer saber não  vou hoje, não  sou obrigada a nada. Eu digo em meus pensamentos e voltando a dormir.

-Acorda  sua vadia preguiçosa. Minha mãe  adotiva  CL diz gritando  .Eu e ela paramos  de se dar bem faz um bom tempo, eu a odeio  não aguento  mais ela, na verdade nunca a aguentei.

-A cala a boa o, quero dormir, não  vou  hoje. Eu digo cobrindo minha cabeça.

-Não  me manda cala a boca  sua órfã  do caralho. Ele diz tirando todas as cobertas de min, e outra você vai hoje sim e se eu receber outra ralação de você, eu vou dar um jeito  de achar seu pai e vou mandar você morar com ele. Ele diz indo em direção a saída do meu quarto.

-Tanto faz SE VOCÊ  MORRER NÃO  ME FAZ FALATA .Eu grito por fora eu estava calma e tranquila,  como se eu  não  ligasse  para o que eu dizia ,eu demonstrava isso!. mas por dentro  eu tinha vontade  de chorar, eu poderia realmente  não  gostar dela, mas se ela morresse eu ira sentir sua falta.

-FILHA DA UMA PUTA, AHH LEMBREI VOCÊ NÃO TEM MAE .Ela diz saindo do quarto.

Quando ela saiu  eu fui tomar  banho  liguei  o chuveiro deixei  a água quente  escorrer pelo meu corpo junto  com as minha lágrimas. Terminei  o banho coloquei  uma roupa qualquer,  eu não  aguentava mais morar  com essa mulher  vou  fazer  de tudo para ser expulsa  de novo.

Chegando  na  escola  não precisei fazer muito  para uma menina

vir discutir com migo, essa mina não deve ter medo de morrer.

No tempo que eu fiquei no orfanato eu aprendi abrigar, lá era a regra do mais forte em tão tinha que brigar com todos os dias conseguir comer ou algo do gênero, e sim, todos tinham medo de min, sabia que um passo em falso eu acabaria com a pessoa .Mas aqui? São um bando de menininhas que choram até ao quebrar a unha.

-QUE FOI MENINA HOJE NÃO ESTOU DE BOM HUMOR. Quando eu gritei todos olharam pois  sabia que a menina ira precisar de alguém para levá-la  à enfermaria. Mas ela não recuou, eu tentei me controlar  mas....

-NÃO GRITA COM MIGO ASSIM VADIA. Ela gritou dando um paço em minha direção ,todos olham para ela , com um olha tipo *está brincando com fogo* *se fodeu* *sai correndo se ama sua vida*

-DOQUE  VOCÊ ME CHAMOU? .Eu perguntei me segurando para não dar na cara daquela  vadia.

-ISSO MESMO QUE VOCÊ  ESCUTOU V-A-D-I-A, AH E Ó-R-F-Ã AINDA POR CIMA. Quando ela disse isso eu não me segurei parti para cima daquela vida.

Dei um chute no seu estômago, ela já ficou com falta de ar, deu um soco na sua cara e em seguida ela caiu no chão, subi em cima dala comecei a dar socos por todo seu rosto, fazendo seu nariz sangrar .Segurei seu cabelo e puxei para cima.

-REPETE O QUE VOCÊ  DISSE ?. Eu gritei  e pude ver a diretora,  sim A DIRETORA, vindo correndo.

-NÃO  NADA EU RETIRO TUDO O EU DISSE, MAS PARA PORFAVOR. Ela disse chorando.

-PARA COM ISSO S/N ,PARA A SALA DA DIRECAO AGORAAA. A diretora diz me tirando de cima da menina. fui até a direção ,não  demorou muito para vadia chegar  (minha "mãe")

-Em tão  essa foi a gota da água CL, a s/n não  pertence mais a essa escola. A diretora disse calma, parecendo que tirou um peso das costas.

-E nem a minha  casa. Ela diz e eu sorrio, a diretora olha para min sem entender. -Já achei seu pai suas coisas  estão no carro, você vai para Busan hoje, agora. Ela diz.

Cara juro eu não sei se fico feliz ou triste.

Entramos no carro não trocamos uma palavra, ela me deixou no aeroporto, entrei no avião. Será que meu pai lembra de min ?, o que será que ele faz da vida? . Eu fiquei  com essas dúvidas na cabeça, Mas fiquei mexendo no celular o voo inteiro  e escutando música, encontrei um grupo chamado  BTS, achei sem graça, eles te cara de ser esnobe. Cheguei Busan, o avião pousou, eu deci, peguei  minhas mala, não  sabia que ira vir me pegar. Um monte de pessoas  com plaquinhas na mão, quando de repente eu escuto .

-BTS BTS BTS. Um monte de meninas gritando, mesmo eu não gostando deles fui ver.

AH NÃO  SERIO  ISSO,EU QUERO DAR MEIA VOLTA E IR EMBORA . ADIVINHA ELES TINHA UMA PLAQUINHA.

"Seu pai não pode vir, mas estamos aqui para te levar para casa s/n" "s/n cadê você? "

FAZER O QUE NÉ.

-Ei eu sou s/n .Eu digo todos param de gritar os meninos dão uma risadinha e olham para min

-Aham é. O menino mais alto disse.

-Se você é quem estamos procurando, por que estamos te procurando?. Um menino branco para caralho disse.

-Porque a filha da puta de minha ex-mae adotiva me mandou  morar com meu pai que me a andou. Eu digo eles olham espantados, um menino com um sorriso quadrado correu até min e me deu um abraço

forte mas não retribui, empurrei ele para longe de min.

-Não gosto de abraços. Eu digo.-Sem perguntas, sem afetos plz, não  gosto de vocês, e espero muito  que vocês  não  gostem de min. Eu digo  calma eles olharam estranhos para min e apontaram um carro muito lindo e eu entrei.

Não  demorou muito para chegarmos, durante o caminho conversaram entre eles, até  que quando eu seio do carro, o menino mais baixo com um sorriso fofo, veio até min.

-Ei oque esta escutando. Ele diz puxando o foninho do meu ouvido, como meu instinto era atacar eu não pensei duas vezes peguei eu foninho de sua mão e em seguida torci sua mão e derrubei ele no chão. -Nunca mais faz isso. Eu digo pegando minha mala do carro colocando no chão e em seguida entrando numa casa muito grande.

-Ei você onde fica meu quarto?. Eu pergunto para um menino com um sorriso grande que estava dançando igual a um logo e fazendo rap.

-Você deve ser a s/n !?. Ele pergunta .-Eu sou Hoseok ,mas chama de Hope.

-Ah interessante Hope ,mas não  perguntei seu n1ome, perguntei onde fica meu quarto. Eu digo fria.

-No segundo andar segunda porta a esquerda. Ele diz fechando o sorriso e com o mesmo tom de frieza.

Eu subo as escadas entro  no meu quarto, em seguida deito na cama e durmo, acordo com meu "Pai" batendo na porta, e em seguida ele entra.

-Oi Filha quanto tempo, sua mãe sempre dizia que você não queria me ver....Vim aqui para avisar que você não vai poder estudar esse ano, nenhuma escola esta citando novos alunos agora, em tão você vai  e ajudar lá na gravadora, e me ajudar com os meninos. ele diz em seguida ele me abraça, o estranho e que eu retribui.

-Tudo bem. digo fria. -Mas como assim não queria te ver? .Ei digo sem entender .

-Eu sempre ia te visitar, mas sua mãe dizia que você  não queria me ver. Ele diz

-VADIA eu nunca disse isso. Eu digo com raiva.

-Ta mas agora já passou, durma amanhã  8:00 você vai com migo e os meninos na gravadora.

Eu deito e durmo


Notas Finais


Espero q tenham gostado (se voce for novo por aqui)
KISSUS (Mais tarde em mais *Vou postar os 4 primeiros hj)
Bibi_Tae 💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...