História Vidinha de Balada (Hiatus) - Capítulo 44


Escrita por: ~

Postado
Categorias Breno e Caio César, Bruninho & Davi, Henrique & Juliano, Luan Santana, Lucas Lucco, Manu Gavassi, MC Biel, Zé Felipe
Personagens Henrique, Luan Santana, Manu Gavassi, Personagens Originais
Tags Zé Neto
Visualizações 241
Palavras 792
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Violência, Visual Novel
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 44 - 2-Me casar com a Marina!


Fanfic / Fanfiction Vidinha de Balada (Hiatus) - Capítulo 44 - 2-Me casar com a Marina!

Ela fecha a porta e sai.Euestava em um quarto aonde só tinha uma cama,guarda roupa e uma janela que não dava muita luz.Abro o guarda roupa e vejo uma jaqueta.Sem pensar duas vezes, a ponho e sento na cama olhando pra fora.

{...}

Henrique

- Aonde você á deixou? - Sussurro pra Marília enquanto a Estela não tava.

- Naquele quarto que ninguém vai!

- Ok.

Eu sei que trazer a Marina pra cá não foi uma boa idéia,mas,eu não podia imaginar que a Estela ia aparecer aqui.Ainda com as crianças.

Estela - O que você tava fazendo aqui sozinho? 

- Procurando paz!

Estela - Na nossa casa não tem?

- Não muito - Rio.

Estela - E será que não tem nenhuma vagabunda aqui?

- Eu sou fiel! - Minto - Não vou te trair.

Estela - Acho bom!

Clara: Papa! - Ela vem até mim e eu a pego no colo - Olha! - Ela me mostra uma boneca.

- Que linda filha.Quem te deu?

Clara - Vovô!

Pedro - Mãe,posso ir na piscina? 

Estela: Sim,vamos lá trocar de roupa. 

Ela entra com as crianças,me deixando  sozinho com a Marília que me olhava com uma cara não muito boa.Caminho até a mesa do outro lado da casa,puxo uma cadeira e sento na frente dela.

Marília - Bonito né Ricelly! - Ela fala nervosa.

- Eu sou maravilhoso baby - Pisco pra ela o que faz ela ficar ainda mais nervosa.

Marília - Para de ser idiota!E me conta essa história melhor.

- Tá!Mas você têm que me prometer que não vai contar pra ninguém...Foram poucas pessoas que sabem disso!

Marília - Tá,conta logo! - Ela fala impaciente.

- Em uma balada à três anos a trás eu conheci uma moça,que me chamou muita atenção.Ficamos e não demorou muito pra eu descobrir seu nome...Marina.Em uma situação não muito boa,ela foi morar na minha casa o que fez com o que a gente começasse a namorar.Mas nem tudo é um mar de rosas e logo a Estela apareceu falando que estava grávida,estranhei,mas,não falei nada e então ela foi morar com a gente.Então começou a morar eu,Juliano,Mohana,Marina e a Estela em uma única casa.Lógico que essa idéia ia dar merda e põe muita merda nisso,Marina e a Estela se odiavam,por minha causa é claro!Eu até tentei mas não deu.E foi em uma noite que tudo aconteceu,e por causa de um erro fez com o que eu me separasse da Marina por três ano.Mas o destino nós uniu um dia antes do casamento dela e o resto você já sabe!

Marília - Que situação  meu amigo.

- Eu fiz por merecer!

Marília - Você ama a Marina?

- Muito...Muito mesmo!Ela é minha vida.

Marília - E o que pretende fazer!?

- Eu quero me separar da Estela e... - Paro de falar.

Marília - E?

- Me casar com a Marina! - Sorrio

Marília - Certeza?

- Absoluta.

Marília - Faça o que seu coração mandar!...Agora eu vou pensar em alguma coisa pra te ajudar! - Ela sai me deixando sozinho com os meus pensamentos.

Marina

(...)

O tempo passava e minha angústia só aumentava,andava de um lado pra outro na escuridão daquele quarto,o tempo não era um dos melhores,provavelmente ia chover e eu ali dentro,sem poder sair.

Henrique - Mari! - Ele fala baixo enquanto abria a porta.

- Henrique! - Pulo em seus braços.

Henrique - Tudo isso é saudade? - Ele ri.

- Sim! - O beijo enquanto o jogava na cama.

Henrique - Pena que não vamos poder matar a saudade! -  fala com a cabeça baixa.

- Por que?

Henrique - Vim te buscar,você vai ir embora hoje com a Marília!

Ele pega na minha mão e me guia até o estacionamento.Marília já estava dentro do carro,não com uma cara muito boa,mas tava.

- Quando você vai voltar pra mim?

Henrique - Quando eu voltar pra Tocantins! - Ele me dá um selinho.

- Promete que não vai me esquecer?

Henrique - Se eu não te esqueci em três anos...Imagina se eu vou em um dia!Amanhã de noite,eu passo na sua casa!

- Eu te amo! - O abraço.

Henrique - Também - Ele sela nossos lábios - Agora vá...Vá antes que a Estela acorda.

Entro no carro e logo partimos em viajem.

Marília - Você realmente gosta do Henrique? - Ela fala e desliga o carro.

- Eu não gosto dele.Eu amo o Ricelly.

Marília - Você sabe que ele é casado,tem filhos,carreira...Uma imagem a zelar.Eu acho um absurdo ele se aventurar em uma brincadeira dessas,mas,você conhece o Henrique!

- Não é uma brincadeira,muito menos uma aventura!É amor - Abro a porta do carro - E você pode ficar tranquila,porque eu serei a última pessoa do mundo que  magoar o Henrique! - Saio e fecho a porta.

Entro pela a portaria e depois de um tempo,estava em casa.No relógio da sala indicava 4:30 da manhã,vou pro banheiro,ligo o chuveiro e deixo com que a água quente caisse sobre o meu corpo.Visto uma camiseta e uma calcinha e deito na minha cama.Logo adormeço!

Henrique

.                             .                              .




Notas Finais


Capítulo grande pra compensar os dias sem!
Tão gostando da fic?
Amo vocês❤
*Favoritem e comentem*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...