História Violet - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias B.A.P, Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, Lee Taemin, Neo Culture Technology (NCT), Red Velvet, Seventeen
Personagens Baekhyun, Hansol "Vernon" Chwe, Irene, Jennie, J-hope, Jimin, Joy, Lee Jihun "Woozi", Lee Taemin, Lisa, Lu Han, Sehun, Seulgi, Soonyoung "Hoshi", Suga, Taeyong, Wendy, Yeri, Zelo
Tags Bap, Blackpink, Bts, Coréia Do Sul, Drama, Exo, Nct, Red Velvet, Romance, Seventeen
Visualizações 60
Palavras 1.537
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Musical (Songfic), Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura.

Capítulo 17 - Chapter 16


Fanfic / Fanfiction Violet - Capítulo 17 - Chapter 16

Estamos concorrendo em quatro categorias do MAMA: Melhor Grupo Feminino, Melhor Performance de Dança, Artista do Ano e Música do Ano. Optei por um vestido vermelho, e meu cabelo deixei solto com cachos nas pontas.

— Uau! Que ruiva linda! Você vem sempre aqui?

Isabella fala arrancando risadas de mim.

— Deixe de ser boba!

— Está linda, amiga!

— Obrigada! Você também está linda!

Digo ao ver seu vestido preto definindo as belas curvas brasileiras do seu corpo.

— Como estou?

Yerim surge animada, vestindo uma saia e um cropped, branco e preto, nas respectivas cores, dando um ar fofo e de maknae.

— Está uma gracinha!

— Obrigada!

Ela dá um giro segurando a barra da saia, como uma princesa faria. Jisoo aparece usando uma roupa tipicamente coreana, uma camiseta social preta por dentro da sua saia marrom de pregas, que vai na altura dos joelhos e se inicia na altura do seu umbigo.

— Estão todas maravilhosas! Onde está a Wendy?

Jisoo olha cada uma de nós de cima à baixo.

— Aqui!

Wendy aparece usando um vestido simples e com seu cabelo preso em um coque, dando um ar clássico e chic, apesar de ser a roupa mais simples.

— Ótimo! Os staffs devem estar esperando, vamos!

Ela sai na frente e todas nós vamos atrás. Ao chegarmos lá, ficamos um bom tempo no tapete vermelho posando para as muitas câmeras que tiravam fotos de nós sem parar, de todos os ângulos. Nos sentamos nos lugares reservados para nós.

— Eu sempre odiei tirar fotos, mas depois de tudo isso, se tornou algo normal para mim!

Wendy resmunga.

— Quem vocês acham que sentará perto de nós?

Isabella pergunta olhando ao redor.

— Espero que seja o Super Junior! 

Jisoo diz e sem que ela perceba, Isabella revira os olhos.

— Precisa ser um grupo de homens gatos e solteiros!

— Isa!

— O que? Eu não fico com ninguém a séculos! Você já pegou dois caras, e olha que não temos muito tempo de carreira!

Dou um leve beliscão nela, mas a mesma apenas ri da minha cara. O grupo BTS se senta do nosso lado esquerdo, e eu já posso ver o fogo da Isabella.

— Nossa...eles estão de parabéns!

Ela sussurra para mim enquanto admira eles.

— Olha aqueles dois!

Ela aponta para dois deles.

— Se chamam Jimin e Yoongi!

Yerim identifica eles, por ser army.

— Eles são maravilhosos!

— Se controle!

— Quem é o maknae ali?

— O jungkook!

Ela aponta para um com cabelo castanho e com cara de criança.

— Combina com você! Cada uma fica com um!

— Eca! Não, obrigada!

— Eca? Não gosta de homem não?

— Vou ao banheiro, com licença!

Yerim se levanta e se afasta de nós.

— Nem me olha! Pode ficar com todos!

Pego a minha garrafa de água e bebo um pouco, olho ao redor somente para ver como está a movimentação e os meus olhos param no Taeyong. Ele está muito bonito com o cabelo escuro e vestindo uma roupa preta, com muito swag, como sempre. Os seus olhos acabam batendo nos meus e eu simplesmente não consigo desviar, engolindo à seco.

— Eu já volto!

Me levanto e vou caminhando até o banheiro, escondendo o meu rosto com o meu cabelo, encontro a Yerim retornando para a mesa, mas ela não diz nada.

— Fica calma, você e o Taeyong foi algo rápido e já acabou a muito tempo!

Repito olhando o meu reflexo no espelho, respiro fundo e saio do banheiro.

— Agnes!

Uma voz conhecida me chama e eu paro no mesmo segundo, me viro lentamente para trás e vejo Taeyong, com seus belos olhos me olhando mais de perto.

— Quanto tempo!

— Sim...

Prendo uma mecha de cabelo atrás da minha orelha.

— Você...está linda!

— Obrigada...você também está!

O silêncio toma conta, e um pouco sem graça ele coça a sua nuca.

— Bom...boa sorte na competição!

— Obrigado! Pra você também!

Sorrio de canto e ele retribui, viro as costas e volto para as meninas, sem parar de pensar no rostinho dele. Tenho uma grande surpresa ao voltar, o grupo seventeen está do nosso lado direito, e eu gosto demais das músicas deles, também morro de rir com os seus vídeos tentando falar inglês...talvez eu seja uma carat encubada.

— Olá!

Arrisco falar com um deles, o Vernon.

— Oi!

Ele me olha e sorri, bem simpático.

— Eu admiro muito o trabalho de vocês!

— É mesmo? Obrigado! Acho vocês incríveis!

— Obrigada! Boa sorte na competição!

— Fighting!

— Fighting!

Abro um largo sorriso e volto a minha atenção para as meninas.

— Gente, estou ficando tonta com tanto homem bonito!

— Isabella, isso se chama desespero por um macho, porque não é nossa primeira premiação!

— Verdade!

Ela pega a sua garrafa de água e dá bons goles, como se tentasse se acalmar com isso. A cerimônia começa e as primeiras categorias são Melhor Novo Artista, feminino e masculino.

— Seventeen!

Por impulso, me levanto e bato palmas para eles, que se curvam em agradecimento, me sento sorridente, completamente feliz por eles.

— Não sabia que você era fã dessas crianças!

Wendy diz franzindo o cenho.

— As músicas deles fazem eu me sentir uma jovem de quatorze anos, eu adoro!

Wendy solta uma risada. O grupo feminino vencedor eu não conheço, pois não sou muito ligada nos grupos femininos. A próxima categoria é Melhor Grupo Masculino.

— EXO!

Novamente me levanto e aplaudo eles. Todos sobem no palco vestindo roupas pretas, cor que realça muito a beleza deles.

— Agnes, se controle!

Jisoo chama a minha atenção. A próxima categoria é Melhor Grupo Feminino, cruzo os meus dedos e fecho os olhos torcendo para que seja nós.

— Girls Paradise!

— Oh meu Deus!

Me levanto e dou pulinhos de alegria, abraço as meninas e agradeço a todos que nos aplaudem, vamos caminhando até o palco, pego o troféu e levanto para os fãs, que gritam.

— Eu queria agradecer a todos os nossos fãs por terem votado e por sempre terem estado conosco, mesmo durante o afastamento da Violet e a pausa do grupo! Obrigada, por tudo!

Jisoo diz e a próxima é a Isabella.

— Já é uma grande vitória para mim estar aqui, mesmo com tanto preconceito de tantas pessoas devido a minha nacionalidade, e eu devo tudo isso aos fãs que nos aceitaram e nos amam, obrigada! Eu te amo mãe!

Ela diz a última frase em português, mas eu não faço ideia do que isso significa.

— Uau! Eu nem acredito que cheguei até aqui! Agradeço a todos que me apoiaram e quero dizer que eu estou bem melhor! Amo vocês!

Enquanto eu digo o meu discurso, filmam o rosto do Taeyong que aparece no telão, e quando ele percebe, finje não prestar muita atenção. No caminho de volta para a nossa mesa, todos se levantam e se curvam novamente, e discretamente Baekhyun passa a sua mão na minha, fazendo eu deixar um sorriso escapar.

— Viram que ridículo? Filmaram o Taeyong por causa daquele escândalo!

Isabella fala furiosa.

— Sim! As pessoas gostam de intriga!

A cerimônia continuou e novamente EXO ganhou a categoria de Melhor Performance de Dança. Na mesma categoria, mas feminina, o nosso grupo ganhou. Girls Paradise e EXO ganharam em todas as categorias que competiram, e isso foi tão emocionante para nós, que quando fomos receber o último prêmio, desabamos em lágrimas, exceto Wendy que não costuma chorar e Jisoo por ser a líder precisava se controlar. Red Velvet sobe no palco e canta Ice Cream Cake, sem conseguir me conter, me levanto e começo a dançar feito louca, mas para a minha grande surpresa o menino do grupo ao lado também estava dançando, então fui andando para o cantinho para me juntar a ele, enquanto os seus amigos riam.

— Olá! Como se chama?

— J-Hope! Mas meu nome verdadeiro é Hoseok! E você?

— Violet! Mas o nome verdadeiro é Agnes! Percebi que você também adora Red Velvet!

— Sim, elas são muito legais!

— Concordo! Eu também gosto do trabalho de vocês!

— Obrigado!

Ele abre um largo sorriso, bem largo.

— A propósito, você dança incrivelmente bem!

— Oh, você já me viu dançar?

— Sim! Eu me inspiro em você!

— Oh, que honra! Obrigado!

— Não foi nada!

Sorrio e retorno para a minha mesa.

— falou de mim mas já fez amizade!

Isabella não dispensa o comentário.

— Foi de forma inocente!

Ela aponta para os seus olhos com os seus dois dedos e depois para mim. 

— Onde estão Jisoo e Yerim?

— Não sei!

Enquanto alguns grupos se apresentam, me levanto para ir ao banheiro, e assim que Baekhyun me avista se levanta também, indo para o mesmo lugar.

— Nem sabe disfarçar!

Solto uma risada e cruzo os meus braços.

— Do que está falando? Eu só estou apertado!

— Ah, claro! Me desculpe!

Ele abre um largo sorriso e me abraça.

— Soube que amanhã você tem o dia livre!

— Quem te contou?

— Segredo! Estou te convidando para ir assistir um show meu!

— Sério? Claro que vou!

— Ótimo! Te vejo lá!

Ele despeja um beijo em minha bochecha e se afasta, entro no banheiro e vejo a Yerim tentando espionar alguém que está dentro da cabine.

— O que está fazendo?

Ela dá um pulo de susto.

— N-nada!

Jisoo abre a porta de uma das cabines e sai.

— Você estava espionando ela?

— N-não, claro que não! Eu só estava conferindo as cabines para ver qual estava vazia!

Ela se expressa atropeçando nas palavras e entra em uma cabine, olho para o chão franzindo o cenho, pensando que talvez eu esteja interpretando errado. Depois de fazer a minha necessidade, retorno para a mesa, e percebo um clima estranho entre eu e Yerim, ela evita me olhar, pois está constrangida.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...