História Vivendo com 5 Uchihas- 2 temporada - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Visualizações 57
Palavras 1.776
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Ecchi, Festa, Harem, Hentai, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Vocês devem está com raiva de mim kkkkk
Desculpa sempre demorar pra postar

Capítulo 2 - Cap 2


Cheguei em casa os 5 idiotas ainda estavam lá me esperando, fiquei com uma raiva vontade de dá na cara de cada um.

 

Sakura- Eu mandei vocês sumirem se não me engano

Sasuke- Sakura desculpa a gente vai

Sakura- Não 

Madara- Vai ficar do lado daquele babaca?

Sakura- Aquele babaca que vocês espancaram sem motivo algum

Obito- Teve motivo sim

Sakura- Eu vou dá um motivo pra vocês agora, ele me beijou e ai vão fazer o que?

Eles- MATAR ELE

Sakura- Se vocês fizerem isso podem sumir daqui não quero nem saber

Itachi- Não vou deixar um cara qualquer beijar minha mulher 

Sakura- E vão resolver isso na violência? 

Eles- Sim

Sakura- Saíam daqui agora, podem ir dormi na casa da mãe de vocês andem

Izuna- Sakura não é pra tanto

Sakura- Foda-se Izuna, vão logo ou querem que eu ligue pra eles virem buscar vocês 

Madara- Tá bom ta bom a gente vai

Sakura- Isso mesmo sumam da minha vista

 

Fui para a cozinha e eles foram arrumar as coisas deles, fui me arrumar para ir trabalhar estava na sala pronta para ir quando vejo eles descendo com algumas coisas 

 

Itachi- Vai mesmo deixar a gente ir

Sakura- Tchau

Madara- Vai ser assim né, ta bom quero ver você aguentar ficar sem a gente

Sakura- Quero ver VOCÊS ficarem sem mim

 

Falo empurrando eles para fora, fecho a porta e vou para o hospital, chegando lá fui até minha sala coloquei meu jaleco me sentei e logo chamei a Ino. Ela é enfermeira aqui no hospital, minha assistente.

 

Ino- Me chamou testada

Sakura- Você não vai respeitar nunca?

Ino- Não

Sakura- Aconteceu alguma coisa enquanto estive fora?

Ino- Não, por enquanto está tudo tranquilo por aqui, e você por que demorou?

Sakura- Os meninos fizeram aquilo de novo 

Ino- O que? Te bateram durante o sexo?

Sakura- Você só pensa nessas coisas?

Ino- Não ué

Sakura- Aham sei, eles bateram em outra pessoa por ciúmes de novo

Ino- E você fez o que?

Sakura- Expulsei eles pra casa da mãe deles

Ino- Que exagero

Sakura- Eles precisam para com esse ciúme doentio 

Ino- Ah mulher para

Sakura- Você gostaria que o Sai fosse assim?

Ino- Claro que não 

Sakura- Então pronto

 

Ficamos conversando um pouco até começar a chegar os pacientes, o dia foi bem puxado acabou meu expediente me despedi de todos para ir pra casa.

 

Ino- Sakuraaaa espera testuda

Sakura- O que foi mulher? 

Ino- Vamos juntas oxe

Sakura- Tá bom

Ino- Vai aguenta ficar sem os meninos?

Sakura- Óbvio que sim né haha

Ino- Tão, vamos vou te fazer companhia na sua casa

Sakura- Você esqueceu que tem um marido?

Ino- Ele pode esperar

Sakura- Nossa em

 

Fomos lá pra casa, Ino se jogou no sofá toda folgada ligou a TV e gritou como sempre

 

Ino- TEM CERVEJA AI?

Sakura- Você só pensa em beber 

Ino- Deixa de ser chata

Sakura- Toma- falo dando um copo de suco

Ino- Eu pedi cerveja

Sakura- Vai ficar querendo cerveja 

 

Sakura Off

 

Itachi On

 

Fizemos merda de novo e a Saky não perdoou dessa vez, expulsou a gente que droga eu e os outros estamos indo pra casa da mamãe.

 

Itachi- Que droga, a gente tem que se controlar

Sasuke- É impossível isso

Madara- Verdade, não consigo controlar meu ciúmes 

Izuna- Ela não vai perdoar a gente tão fácil 

Obito- Estamos fudidos 

Madara- Fala uma novidade

 

Chegamos em frente da casa da mãe, tocamos a campainha e ela abriu olhou pra gente viu as malas

 

Mikoto- O que vocês fizeram?

Izuna- Eh a gente...

Mikoto- Vocês só fazem merda

Sasuke- A Sakura expulsou a gente

Mikoto- E o que vocês querem na minha casa?

Itachi- Viemos ficar aqui

Mikoto- Não, vão pra outro lugar

Madara- Nossa mãe 

Mikoto- Vão pra um hotel, é consertem as coisas com a Sakura

Obito- Nossa que absurdo

Madara- Tá bom, adeus mãe 

Mikoto- Olha o drama

Itachi- Vai deixar a gente ficar?

Mikoto- Não- ela fechou a porta sem nem um pingo de dó da gente

Obito- Temos uma ótima mãe

 

Saímos de lá, fomos até um hotel pedimos um quarto pegamos a chave entramos e cada um se jogou em um canto do quarto

 

Itachi- Temos que ir trabalhar

Madara- Não vou

Sasuke- Nem eu

Obito- Não to afim

Izuna- Eu vou, a Sakura iria brigar com a gente

Madara- Verdade eu vou

 

Os quatro levantaram se arrumaram e saíram pra ir trabalhar, fiz o mesmo.

 

Itachi Off

 

Syo On

 

Eu e a Yumi fomos pra escola chegando lá ela foi até nosso grupo de amigos, eu até ia fugir mas ela não deixou, chegamos neles e a Angel já veio me abraçando.

 

Angel- Bom dia Syo-kun- fala com uma voz doce

Syo- Oi

Yato- Yumi princesa- falou beijando a mão dela

Angel- Oin Yu-chan- ela me largou e foi até a Yumi

Syo- Tchau

Ângelo- Credo para de querer ser anti-social

Syo- Me obrigue

Yumi- Onni-chan para de coisa

Syo- Non- falo saindo de lá 

 

Vou até o terraço onde não tinha ninguém, gostava de ficar sozinho no silêncio mas não durou muito muito ouvi a voz do Yato.

 

Yato- Achei esse idiotão

Syo- Affs

Nowaki- Syo-kun

Syo- Iae Nowaki

Ângelo- Por que você fala normalmente com ele e com a gente não?

Syo- Não interessa 

Yato- Credo- escuto o sinal tocar iria começar a aula continuei sentado sem ligar 

 

Nowaki- Vamos

Syo- Podem ir

Yato- Você não vai?

Syo- Não to afim

Ângelo- Vou falar a Yu-chan

Syo- Conte, to nem ai 

 

Olhei pra ele com cara de desinteressado, eles saíram indo até a aula, passou uns minutinhos a Yumi veio atrás de mim.

 

Yumi- Vamos pra aula agora, anda levanta

Syo- Não 

Yumi- Syo

Syo- Meu nome, não to afim me deixa em paz

Yumi- Não, anda logo

Syo- Não 

Yumi- Você tá muito vagabundo

Syo- O problema é meu que eu saiba

Yumi- É meu também anda

Syo- Eita Yumi como você é chata- me levanto passo o braço no pescoço dela- Ok ok vamos logo

Yumi- Muito bem- ela da um sorrisinho fofo

 

Vamos até a sala de aula, levei uma bronca do professor, teve três aulas superchatas dormi quase a aula inteira só acordava porque a Yumi ficava me cutucando toda hora. O sinal toca para o intervalo levantei na hora fui pro refeitório compra algo pra comer, comprei um sanduíche e uma latinha de refrigerante estava indo pro terraço sendo seguido por 5 pessoas.

 

Syo- Não posso ficar sozinho?

Yumi- Non

Nowaki- Vamos te seguir pra sempre

Syo- Credo

 

Comemos nossos lanches em meio de brincadeiras, me deitei no chão olhando pro céu enquanto eles brincavam, não era muito disso.

 

Syo Off

 

Enquanto isso na casa do Naruto...

 

Deidara levantou determinado a ir ver a Saky, foi até a sala onde encontrou Naruto... 

 

Deidara- Naruto chama a Sakura pra cá, quero vê ela

Naruto- Tá doido? Vai se deitar Deidara você tá acabado

Deidara- Não vai chamar? Tá bom então 

 

Ele vai de fininho até a cozinha e sai pela porta dos fundos, quando ele chega na casa da Saky o mesmo nem bate ja vai gritando na frente da casa feito louco, sem se importa com quem passava.

 

Deidara- SAKURA AMOR 

 

Logo a Ino sai com uma cara de indignação logo em seguida Sakura sai também olhando a loucura dele.

 

Sakura- Menino ta doidão? 

Ino- Bebeu quantas querido? Nem chama desgraçado 

Deidara- Vim atrás de você meu anjo- fala sem ignorando Ino

Sakura- Bebeu?

Ino- Deve ser efeito da surra

Deidara- Vim pra nossa casa finalmente

 

Sakura olha pra ele com cara de "Que?" mas pra ele não falar mais nada coloca ele pra dentro de casa mandando Ino ligar para Naruto vim buscá-lo.

Enquanto isso Sasuke que havia terminado de dar suas aulas, resolve ir até em casa falar com a Saky. Assim que o mesmo chegou se deparo com Deidara deitado no sofá, ficou com muita raiva mas passou direto um até Sakura, Sasuke a abraça.

 

Sakura- O que faz aqui?

Sasuke- Me desculpa amor- fala lhe dando um buquê de flores

 

Antes que ela responde-se, ele fez a burrice de perguntar o que Deidara fazia ali.

 

Sasuke- Agora pergunta, o que esse idiota faz aqui?- fala com autoridade

Sakura- Tava demorando, sai daqui

Sasuke- Não até você me responder

Sakura- Tá vendo por isso não perdoo vocês, não confiam em mim não posso ter um amigo eu vocês tem ciúmes, agora vou faz por onde vocês não confiarem

Sasuke- Você não é louca

Sakura- Pois é o que vamos ver

 

Sakura o empurra pra fora e chega a porta com tudo na cara dele com raiva.

 

Sakura On

 

Ai que raiva desses babacas... a Ino ligou pro Naruto como eu pedir e logo foi embora, tenho que aturar esse doido me bajulando até ele chegar. Enquanto o Naruto vinha deixe o doido na sala dormindo e fui tomar um banho pois tinha chegado do trabalho a pouco tempo. 

Quando saiu do banheiro vejo o doido do Deidara deitado na minha cama me esperando

 

Sakura- Você é louco, sai daqui

Deidara- Oxe amor por que tá me expulsando?! Sou seu marido

Sakura- "Meu Deus me dai paciência"- penso com a mão na testa- Ok "amor" mas hoje preciso de privacidade, pode ser?

Deidara- Tá bom

 

Na hora que ele ia sair, me puxou pela toalha e me beijou de novo... Naruto como vinha aqui sempre nem batia mas, escutei o portão abrindo estava empurrando o Deidara mas ele não soltava de jeito nenhum, quando vejo o Naruto entra no quarto e ver o beijo fico sem reação Naruto puxa o loiro pra fora do quarto, escuto ele brigando com Deidara.

 

Naruto- Você quer morrer? Imagine se fosse um dos maridos dela a ver isso.

Deidara- Mas eu sou marido dela

Naruto- Só no seu pensamento mesmo, vamos pra casa

 

Quando vi que eles haviam saído, visto uma roupa e me jogo na cama indignada com o que tava acontecendo. Pensando nas coisas acabei cochilando... acordo ao escutar o portão abrindo, provavelmente eram as crianças desço para ver e eram elas mesmo, só meus anjinhos pra me darem paz.

 

Syo- Chegamos

Sakura- Oi meu amores

Yumi- Mamãe- fala correndo pros meus braços 

Syo- Cadê os outros?

Sakura- Eles vão dormi fora um tempinho amor

Syo- Por que?

Sakura- Para pensarem e tomarem juízo 

Syo- Então ta

Yumi- Quero ver o papai

Sakura- Amanhã levo você pra ver eles

Yumi- Tá bom hehe

 

Faço a janta para eles, Yumi me falando como o Syo estava na escola eles brigando como sempre... O que seria de mim sem meus bebês?!

 


Notas Finais


Desculpem se tiver algum erro e de novo desculpa pela demora gente
Bejim meus amores 😘😘❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...