História Vivendo um sonho real? - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Alice no País das Maravilhas (Alice in Wonderland), Harry Potter, Os 13 Porquês (13 Reasons Why)
Personagens Absolem, a Lagarta, Alice Longbottom, Alvo Dumbledore, Bellatrix Lestrange, Bryce Walker, Chapeleiro Maluco, Clay Jensen, Coelho Branco, Dobby, Dolores Umbridge, Draco Malfoy, Fred Weasley, Gato de Cheshire (Gato Risonho), Gina Weasley, Gui Weasley, Hannah Baker, Harry Potter, Hermione Granger, Jeff Atkins, Jessica Davis, Jorge Weasley, Justin Foley, Lebre de Março, Lílian Evans, Lord Voldemort, Lucius Malfoy, Minerva Mcgonagall, Murta Que Geme, Neville Longbottom, Olivia Baker, Petunia Dursley, Rainha Vermelha, Ronald Weasley, Severo Snape, Sirius Black, Tiago Potter, Tom Riddle Jr., Valete de Copas, Valter Dursley, Viktor Krum, Zach Dempsey
Visualizações 4
Palavras 621
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Escolar, Fantasia, Magia, Mistério, Romance e Novela, Terror e Horror, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Não divulgue sua história no comentário!

Capítulo 4 - Culpa


Fanfic / Fanfiction Vivendo um sonho real? - Capítulo 4 - Culpa

Hannah indo para a aula de Herbologia, começa a pensar sobre oque tinha acontecido alguns segundos atrás.

PV Hannah

Merda.Eu sou muito fácil, não era pra ser assim,tenho que ser difícil.Mas não consigo,puta merda,acho que estou gostando do garoto errado.

                                 7:00 horas da manhã

Bateu o sinal, Hannah foi para o banheiro lavar o rosto e encontra Murta-Que-Geme, felizmente ela estava quieta e não quis falar com Hannah. Então Hannah decidiu sentar na bancada e decidir sobre oque ia fazer,sobre ir ou não na casa de Harry.

                                   7:20 horas da manhã

Hannah perdeu a hora e foi correndo para a sala.Pediu licença e entrou.Todos olhares direcionados a ela,por qual motivo ela teria se atrasado?Todos ficaram com essa dúvida,exceto Hermione,que já estava adivinhando o motivo.Mesmo achando sem nexo as aulas de adivinhação,ela tinha o dom de descobrir as coisas.

Mas não era os olhares em sí que fez ela ficar com vergonha,era apenas um,o olhar em que ela tinha decidido não chegar perto.

-Que bom que caímos na mesma sala Hannah!

Fala Harry com um tom de voz alto,para que todos ouçam.Harry teria passado dos limites,aquilo que teria acontecido minutos atrás,teria que ficar entre os dois.Tarde demais.

-Pois é Harry,mas pra mim tanto faz,vim aqui para estudar.

A sala toda se admira com a coragem de Hannah diante a Harry.

Harry fica com um pouco de raiva, porém para não ficar para baixo, retrucou:

-Não é oque você me falou ali nas escadas,safada.

Hannah esgotou sua paciência,retira sua varinha e aponta para Harry,ela estava pouco se fodendo se fosse obrigada a se retirar da escola,ela só queria matar aquele moleque que não sabe guardar segredos.

Porém,Hermione muito inteligente, pega também sua varinha:

-Wingardium Leviosa!

A varinha de Hannah não estava mais em suas mãos,estava sobe posse de Hermione,afinal, Hermione salvou a vida de Harry Potter.

-Hannah Baker e Harry Potter para a direção agora!

Disse a professora brava,estava prestes a enlouquecer, porém tentou manter a postura.Abriu a porta e os dois indo para fora da sala, Harry falou baixo para Hannah:

-Desculpa Hannah,pensei que você já tivesse outros casos anteriores,vi que você é bem íntima nesse quesito.

-A questão não é essa Harry Potter.A questão é:Quem come quieto, almoça e janta.

Hannah acabasse de admitir oque queria,falou sem pensar e logo se ligou que era melhor ter ficado quieta.

-Haha, então você queria me dar?Eu nem estava pensando nisso,quando te falei para ir lá em casa,era para eu mostrar minha coleção de disco dos The Beatles.Vi sua tatuagem e logo pensei que fosse fã.

Ela se culpou por pensar malícia em algo que não tinha nada haver, então olhando para sua boca, pegou ele pela mão e levou até o pátio da escola.

-Vem para cá.

Disse Hannah

Harry sem entender muito bem,apenas obedeceu,e se surpreende com oque vê.

-Não me diga que você não queria me beijar, você queria.Aliás, você quer.

Hannah segura uma mão na nuca de Harry e a outra passa por baixo de seu moletom escolar e arranha suas costas.Harry surpreso,beija Hannah e com a mão na cintura, Hannah direciona as mãos dele mais em baixo de seu corpo.

Harry estava meio sem entender, porém estava gostando daquilo,e começou então a aperta-lá.Em seguida,Hannah para de beija-ló e olha para seu rosto.

-Desculpa.

-Desculpa?Pelo oque? Meu Deus Hannah, você é demais!Eu estou surpreso, sério.

Harry sorri e da um abraço em Hannah.

-Vem, vamos ir para a direção e fingir que nada disso aconteceu.

Disse Hannah, então os dois voltaram a ficar sério e foram falar com o Dumbledore.

Chegando lá, Dumbledore já sabia de tudo, mágica,ou ele teria visto?

-Eu sei que vocês são adolescentes,mas dentro da escola não,talvez sim,mas escondido.Beijar no pátio da escola?Que falta de criatividade hein, aliás,precisam ensaiar melhor o teatro,pois vocês não sabem fingir nada. Dessa vez passa, vão para a sala.

Harry e Hannah ficaram surpresos,como ele descobriu?E se ele viu tudo aquilo?Mesmo com vergonha, Dumbledore é o cara!







Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...