Hist√≥ria Viver A vida ūüíö - Cap√≠tulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Camren G!p
Exibi√ß√Ķes 266
Palavras 1.417
Terminada N√£o
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
G√™neros: Famí­lia, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência, Yuri
Avisos: Adultério, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta hist√≥ria s√£o apenas alus√Ķes a pessoas reais e nenhuma das situa√ß√Ķes e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma fic√ß√£o. Os eventuais personagens originais desta hist√≥ria s√£o de minha propriedade intelectual. Hist√≥ria sem fins lucrativos, feita apenas de f√£ para f√£ sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa Leitura 💚

Capítulo 9 - 9. (Flashbacks) Michelle e Camila


(Flashback On) Michelle E Camila. Primeira vez. 

Só mais um passo no relacionamento. Era isso oque Michelle pensava enquanto sentia os beijos de Camila por seu pescoço. As meninas estavam sozinhas e era sábado a noite na casa dos Jaureguis, Mike e Clara haviam viajado para nova York a negócios e tinham deixado suas filhas em casa. Lauren como sempre foi em alguma festa ou ficar com alguma garota, Diferente de Michelle a gêmea mais nova era muito mais adiantada nesse mundo.

Michelle suspirou ao sentir a mão de Camila em sua cintura, A menina não sabia se estava pronta. Quer dizer Camila era linda e super gostosa e se ela não agradasse? E se ela não durasse tempo o suficiente? E se... Eram tantas questões que ficava difícil não ter medo. 

Camilla sentia a namorada tensa em baixo de si e sabia o porquê daquilo. Ela queria que michelle perdesse esse medo constante de sexo, elas já haviam conversado sobre isso e apesar de Michelle ser durona, ela pode detectar medo em sua voz cada vez que a conversa vinha à tona. 

- Mô... Vamos subir? - Camila perguntou calma e ansiosa. 

- Eu... Eu não sei Camila... E se eu... - a gêmea se calou quando Camila segurou seu rosto. Os olhos verdes brilhavam em insegurança.

- Nada do que acontecer hoje vai ser ruim... Eu te amo e qualquer coisa que você fizer vai ser maravilhoso - Michelle suspirou e beijou levemente o rosto da latina e assentiu levantando - se logo em seguida e puxando a namorada consigo. 

No quarto as meninas deitaram na cama e começaram a se beijar. Michelle passava as mãos pelo corpo de Camila timidamente, A latina impaciente queria ver logo a namorada. Apesar de estarem namorando a um tempo Michelle nunca deixava ela ver seu corpo por inteiro principalmente aquela parte especial. 

A latina foi descendo pelo corpo da gêmea distribuindo beijo pelo pescoço, abdômen e por fim parou na cintura onde lentamente foi abrindo o zíper de Michelle. A gêmea estava prestes a desmaiar, Camila com certeza iria achar seu membro ridículo, pequeno e sem atrativo nenhum. Como se uma menina com um pênis fosse sexy... Pensou a gêmea. 

- Ca...Mila... Olha eu... - Michelle tentou se afastar mas a latina a segurou na cama. Camilla deu um sorriso malicioso e lentamente foi descendo as calças da namorada à deixando só de cueca. A cueca samba canção cinza abrigava um volume satisfatóriamente grande e a latina pensou se aguentaria com tudo aquilo. Bom ela sabia que a namorada não era nada pequena, nos amassos que elas tiveram dava pra sentir. 

Camila começou a passar a mão sentindo Michelle tremer sobre seu toque. Por fim deu um aperto leve ouvindo a gêmea gemer baixo com isso. A morena levantou e começou a tirar a roupa ficando apenas de roupas íntimas. Michelle olhava aquilo tudo séria e admirada com o corpo espetacular de sua namorada. 

A gêmea teve forças para se levantar e também tirar suas roupas por completo ficando só de cueca. Seus seios ficaram livres e à vista Camila sentiu sua boca salivar com vontade de chupa - los. 

Novamente se deitaram na cama agora com Camilla por baixo e Michelle lhe beijando o pescoço. Beijos quentes, mãos passando aleatóriamente, suspiros excitados. Michelle perdendo um pouco da timidez abaixou sua cueca revelando seu membro extremamente duro. Camila olhou aquilo com tesão, era lindo como tudo em Michelle. Branco com a cabeça rosada e vazando o pré gozo... A gêmea estava insegura mesmo assim tirou por completo a cueca depois pegando a mão de Camila e levando ela até seu pênis.

- Pode tocar... Sabe é bom... Quando faz isso... - Michelle disse calma. Camila assentiu e começou os movimentos leves, pra cima e pra baixo, passando as vezes a mão pela glande sentindo Michelle tremer sobre seu toque. 

- Eu quero te chupar mi... - Camila disse maliciosamente. Ela havia visto alguns vídeos e lido sobre isso, meninos gostavam de boquete e no caso delas Michelle poderia gostar também. Ela sempre ouvia suas amigas líderes dizerem no vestiário que era muito estranho fazer isso, tinha um gosto salgado e era viscoso e grudento. A latina nunca falava nada afinal nunca tinha feito para dar opinião, mas agora vendo o pênis da namorada vazando o pré gozo pronto para ação ela sentiu sua boca salivar. 

Michelle ao ouvir aquilo quase morreu. Justin sempre dizia que o boquete era a melhor parte da transa... Você fuder a boca de uma mina não tinha preço, palavras do garoto. Falando nele, Ele foi o principal conselheiro de Michelle, lhe enviou alguns videos pornôs, fez ela ler revistas e pesquisar sobre o assunto e a gêmea não poderia estar mais agradecida porque teoricamente ela sabia de tudo agora na prática... 

A morena viu a namorada se abaixar ate estar frente a frente com seu membro que batia duro em sua barriga. Assistiu Camila pegar lentamente e começar a dar lambidas tímidas na cabeça para depois o colocar na boca. Michelle estava indo a loucura ao ouvir os barulhos de sucção, a latina chupava a cabeça enquanto punhetava o resto. Depois de alguns minutos a gêmea já podia sentir seu orgasmo se aproximando e tentou afastar Camila que se recusou a sair.

- Camila... Sai... Eu vou... Gozar... - a gêmea disse com dificuldade sentindo a namorada lhe chupar com força. Camila parou ao sentir Michelle tremer e logo sentiu três jatos de porra atingirem sua garganta. Engolindo tudo ela poderia dizer que não foi ruim e nem desagradável, Michelle tinha um gostinho bem leve e salgado porém não era nojento. 

A latina limpou a boca e lentamente subiu até a namorada lhe beijando. Depois novamente começou a punhetar o pênis semi ereto de Michelle. A gêmea entendeu oque a morena queria e logo se levantou indo até o banheiro voltando de lá com uma camisinha, com dificuldade por causa da tremedeira abriu o pacotinho e desenrolou no membro a borracha de látex. Camila observava tudo isso se tocando esperando pela namorada, ela queria sentir logo o potencial daqueles 20cm. 

- Vem mô... - a latina disse sexy e baixo.

Michelle se deitou sobre o corpo dela e começou a lher beijar, pegou em seu membro passando a cabeça pela entrada da namorada recolhendo a umidade ali presente. Lentamente foi colocando e ouviu o gemido dolorido da namorada.

- Eu vou parar Mila... - Fez menção de sair de cima da namorada. Porém Camila não deixou agarrando seu bumbum.

- Não... Só espera um pouco - disse com dificuldade. Michelle assentiu e ficou parada vendo a latina se acostumar com a intromissão. Minutos depois a morena latina começou a dar leves reboladas sinal claro que queria que Michelle continuasse. - Vai mô continua... - 

Michelle voltou a colocar todo seu comprimento naquele buraco apertado sentindo a boceta da namorada sufocar seu pênis. Caralho aquilo tava gostoso demais, ela não iria aguentar muito tempo. Por fim sentiu uma barreira impedindo a entrada completa, olhou para Camila que lhe beijou com todo carinho dando permissão pra continuar. 

- Enfia que cabe - disse a menina

Lentamente ela forçou e logo sentiu romper a pelezinha ouvindo Camila gemer longamente. Devagar começou a estocar na namorada sentindo o quanto era apertado e quente aquele lugar. 

- mô... Você é tão apertada... Tão quente - Michelle delirava de prazer. Camila sentia seu coração bater rápido e sentia também um prazer absurdo ao sentir aquela coisa dura entrar e sair de si algumas vezes chegando a acertar seu útero no processo. 

Michelle começou a ir mais rápido ao sentir seu orgasmo se aproximar e queria que Camila chegasse lá junto com ela. Ao sentir a latina começar a tremer embaixo de si acelerou as estocadas. Camila sentiu o orgasmo chegar com tudo embaçando suas vistas e fazendo seu útero se revirar, gozou sentindo seu líquido molhar Michelle e a cama. 

Michelle ao ver que Camila havia gozado se deixou liberar dentro da camisinha à enchendo com cinco jatos de porra. Tentou sair de dentro da namorada porém esta lhe segurou no lugar entrelaçando as pernas em sua cintura. Se beijavam calmamente sentindo seus corações baterem em sincronia e suas respirações voltarem ao normal. 

- Eu amo você - Michelle disse calmamente. Camila sorriu 

- Eu também amo você - Disse de volta beijando a boca da gêmea.

Se antes Michelle achava uma droga ser a primeira de alguém, agora ela mal pode esperar pra essa noite se repetir. 






Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usu√°rios deixam de postar por falta de coment√°rios, estimule o trabalho deles, deixando um coment√°rio.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...