História Viver e Morrer BTS - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Suga, V
Tags Drama, Romance
Exibições 55
Palavras 679
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


BOA LEITURA

Capítulo 16 - Te Amo


Fanfic / Fanfiction Viver e Morrer BTS - Capítulo 16 - Te Amo

Eu olhei pra trás e vi o Chul-Moo completamente acabado nem parecia ele mesmo, nem parecia o homem que eu conhecia ele estava com barba e com uma regata, aquele sorriso que ele tinha já não existia mais.

-Bom vou deixar vocês sozinhos, até mais cara, Keth ve se faz ele tomar um banho e comer-disse GD

-Ok pode deixar-disse eu

Na mesma hora ele sai e fecha a porta me deixando sozinha com o Chul-Mool ele ficou me encarando sem dizer uma palavra, ele começou a chorar do nada, eu fui até ele e o abracei ele retribuiu e senti ele chorar ainda mais conta meu ombro, por mais que eu tenha o usado ele sempre foi bom comigo, eu até cheguei a pensar em deixar de usa-lo mais ele infelizmente era essencial para o plano, depois de um tempo ele parou de chorar mais continuava me abraçando apertado.

-Ok Chul-Moo vai tomar um banho ok? -disse eu

-Não Keth, não vou sair daqui, se eu sair daqui você vai me deixar, não posso te deixar ir de novo-disse ele 

-Eu não vou ir embora eu prometo-disse eu ele me olha com os olhos marejados, limpei uma lágrima que insistia em cair, ele se aproxima ele ia me beijar mais eu viro o rosto-Chul-Moo eu...

-Não Keth, não fala nada, eu sei oque você fez ao meu pai e minha irmã isso pode parecer frio e cruel mais eu nunca os considerei da minha família, meu pai era um cara louco e psicótico, minha irmã uma louca mimada, só deus sabe oque eu tive que aguentar eles, eu não queria fazer parte daquela familia até eu te conhecer-deu uma pausa passou seu polegar na minha bochecha-eu nunca quis de verdade mais ai eu não teria conhecido a mulher da minha vida-disse dando um sorriso lindo-eu nunca avia sentido algo tão forte e tão bom ao mesmo tempo, você me fez tão feliz mais ao mesmo instante infeliz por fazer parte de algo que a magoou tanto que precisou se tornar uma pessoa fria, coisa que você não é, pois so de olhar pra você eu sinto seu calor, eu te amo e isso você nem ninguém podera mudar eu sei que você os matou, mais não foi isso oque me deixou triste e sim em pensar que você não sentia nada  por mim, porque eu sei que tanto você quanto eu tem motivos para nos odiar, mais eu não odeio pelo contrário, e eu sei que você não me odeia, porque se me odiasse eu nem estaria vivo agora, eu preciso de você, e você não faz idéia do quanto eu preciso.

-Chul-Moo...

-Não diga nada, só me deixe aproveitar esses dias, deixa eu te amar, eu juro que não irei tentar nada, so me deixa te amar em silêncio. 

-Eu irei deixar se você for tomar banho e fazer essa barba-disse desviando do assunto. 

Aquela declaração era linda mais so tinha de uma pessoa que eu queria escutar um "eu te amo, seja minha" eu queria tanto escutar aquilo dos lábios do Jimin, merda! Eu acho que amo ele mais que o Yoongi, porque eu tinha que me apaixonar?! Só queria esquecer tudo 

-Tudo bem eu vou, Keth? Keth? -disse Chul-Moo

-Ahn? Oi? 

-oque foi que aconteceu pra você sair da sua casa e querer vir passar uns dias aqui? Não que eu não tenha gostado da idéia mais porquê? -perguntou enquanto eu estava fazendo sua barba, nem me pergunte como isso aconteceu porque eu fiquei viajando nos meus pensamentos que nem prestei atenção brisei legal.

-Nada só queria uns dias pra pensar

-Pensar oque? Você ta muito estranha-disse ele

-Nada, ja terminei-disse e ele me olhou sorrindo.

Ele foi tomar banho depois sai do banheiro com uma regata preta e uma bermuda (foto do cap ) depois de eu ter arrumado a zona da casa dele fui tomar banho vesti uma blusa do Jimin que ficava um vestido em mim ele nem tinha percebido que eu roubei essa blusa, ffiquei pensando nele, tinha o cheiro dele na blusa, aquele cheiro delicioso que só ele tem, sem perceber acabei dormindo. 


Notas Finais


DESCULPE A DEMORA MAIS TAVA SEM CRIATIVIDADE, E NÃO ULTIMAMENTE TO SEM IDEIAS PRA ESSA FIC SE QUISEREM AJUDAR AGRADEÇO


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...