História Vizinhos? - Capítulo 45


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Exibições 98
Palavras 906
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Festa, Lemon

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi pessoinhas 💙💙💙

Capítulo 45 - Sozinha...


Quando eu abro a porta vejo meu tio.
  Olho pra ele, e sai correndo.

Ele estava correndo atrás de mim, eu estava quase chegando no final daquele beco, quando eu tropeço na toalha. Cai no chão, olhei pra trás ele estava em pé do meu lado. Então ele pega na minha cintura tentando me levantar, depois disso eu gritei.

  -SOCORRO - Ele tapa minha boca. E eu mordo sua mão.

  -DESGRAÇADA! - Ele disse tirando a mão da minha boca.

E eu obviamente sai correndo mas como estava de noite, não  havia pessoas na rua, apenas alguns carros. Eu estava com dificuldades para andar.

Eu estava andando,  já havia saído daquele beco. Olhei pra trás e me assustei, meu tio e mais um grupinho de homens estavam vindo trás de mim, parecia uma bando de leões  correndo atrás de comida.

Eu tentei correr, mas estava difícil.

Comecei a gritar.

  -ALGUÉM ME AJUDA! -Nas casas nenhuma cortina se abria, nenhuma luz estava acesa, eu estava sozinha. Não tinha ninguém, nem mesmo o Hoseok que meio que prometeu que ia me proteger, junto comTae.

Sozinha.

Eles pegaram nos meus cabelos e me puxaram novamente para o beco.

Eu acho que eu não tinha mais lágrimas pra derramar.

Tiraram a toalha que me cobria.

Ali havia 6 homens no total.

Mas por incrível que pareça ninguém fez nada comigo. Apenas me deixaram trancada ali.

Agora nenhuma luz iluminava aquele canto em que eu estava.

S/n off
Taehyung on

Todos estava dormindo era 2:00, eu estava no meu quarto. Me debrulhando em lágrimas.

  -Me desculpa - Eu falava em meio ao choro e soluços. - Eu devia ter ido buscar ela. Eu devia...

  -Tae? - Disse o Jin abrindo a porta.

  -Jin. - Eu disse enxugando as lágrimas com a manga do moletom. E batendo na cama para que Jin sentasse do meu lado.

  -Tá tudo bem?

  -Não Jin. - Eu o abraço. Ele era como uma mãe pra mim, literalmente, me consolava quando eu estava triste.

  -Amanhã ela vai estar aqui do seu lado.

  -Eu gostaria...

  Taehyung off
   Analice on

Eu estava na sala sentada no sofá.

Acho que eu já vi o tio dela uma vez. Não faço ideia da onde ele foi com ela.

Vejo um ser vindo em minha direção.

  -Você tá bem?

  -Não Yoongi - Ele fala e senta do meu lado.

  -Calma. Vamos pensar.

  -Yoongi, se você fosse o tio dela, pra aonde você a levaria?

  -Que tio? 

  -Ah Meu Deus! Deixa quieto. Vou perguntar pro Tae ou pro Hoseok. Eu me levanto.

  -Volta aqui - Ele me puxa pelo braço me fazendo sentar novamente. - Me conta.

  -Mas não é pra você saber.

  -Nossa... Tudo bem você não confia em mim. Bom saber...

  -Chantagem, ok, vou contar pra você.

Contei apenas o necessário, que ela foi abusada pelo tio, e que o tio saiu da cadeia e sabia aonde ela estava e etc.

  -Nossa! Coitada! E você acha que foi o tio que e a pegou?

  -Tenho certeza! - Contei da historia daquele tal de Mark que o Hoseok me falou, com certeza quando o Daesung estava na casa dele ele mandou aquela mensagem pra ela perguntando  aonde ela trabalhava pra ele ir lá.

  -NOSSA QUE FDP!

  -Yoongi, se você fosse ele.... Aonde você iria ?

  -Bom... Não faço ideia, acho que ou em um lugar bem escuro e pequeno onde não tenha quase pessoas para a pessoa não sair gritando. Um lugar onde pessoas não vão, ou ... Eu ia em um lugar bem longe daqui.

  -Nossa! Parece até que você já fez isso alguma vez...

  -Aham... Você é doida?

  -Doida por você.

  -Ihhhh!!! Me fala uma coisa que eu não sei.

  -Uma coisa que você não sabe... Aonde a s/n esta.

  -Vamos dormir.. vamos...

  -Ta, boa noite...

  -Boa... - Ele se levantou deu um beijo na minha  testa e foi para o quarto. E eu deitei no sofá e cai no sono.

Analice off
                    ~*~

                 8:46

S/n on

Eu tinha acordado. A luz do sol entrou, mas mesmo assim estar naquele piso gelado me fazia tremer, também pelo fato de eu não estar usando roupas.

Meu tio abre a porta.

  -Nada como acordar e ver você aqui sobrinha.

Não falei nada, encarei ele.
Tirando novamente sua roupa.

Eu me levantei e o encarei.

Sem mais nenhuma roupa ele correu até mim e me jogou  no chão.

Me penetrou sem mais nem menos.

  -Geme meu nome vai! -Ele deu um tapa na minha cara e eu continuei quieta.

Aquilo era um crime! E eu tinha que reagir, reagi, mas ele logo me dominou, então eu resolvi morrer, fiz assim   "aaaaaaaaahhh" e deixei a cabeça cair pr'um lado, braço pra cá, perna pra lá, o olho fechou, me lembro que eu mal respirava, e o tempo todo doía aquele aquele homem tão grande forçando caminho pra dentro de mim eu pensava: se eu morri, nada disso tá acontecendo comigo.

Acho que eu me concentrei tanto para fazer o papel de morta que eu comecei a achar que eu tinha morrido mesmo, ele mandava eu o abraçar, e eu: morta.
  Ele pegava o meu braço mas o meu braço caia morto para um lado, o outro, morto para o outro, ele acabou falando.

  -Ei! Você esta morta mesmo?

Eu nem respirava: mortíssima; quando ele foi embora eu fiquei dó mesmo jeito, um tempão.

Vi ele se levantando e sair correndo para fora, continuei "morta"...


Notas Finais


❤💛💚💙💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...