Hist√≥ria (VKOOK )..All because of a debtūüíē - Cap√≠tulo 54


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, D.O, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Kai, Lay, Rap Monster, Sehun, Suga, V
Tags Amor, Bts, Namjin, Paix√£o, Romance, Sexo, Taekook, Vkook, Yoojim
Visualiza√ß√Ķes 168
Palavras 3.354
Terminada N√£o
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
G√™neros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta hist√≥ria s√£o apenas alus√Ķes a pessoas reais e nenhuma das situa√ß√Ķes e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma fic√ß√£o. Os eventuais personagens originais desta hist√≥ria s√£o de minha propriedade intelectual. Hist√≥ria sem fins lucrativos, feita apenas de f√£ para f√£ sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá meus amores💕💕

Eu queria agradecer pelos 405 favoritos 🎉🎉🎉Obrigada de verdade estou muito feliz por cada um de vcs estarem acompanhado essa minha fic espero não decepcionar nenhum de vcs com o final da fic.

Capítulo 54 - NOJO / REENCONTRO


Fanfic / Fanfiction (VKOOK )..All because of a debt💕 - Cap√≠tulo 54 - NOJO / REENCONTRO

"Isso, me pega forte, adoro quando você faz isso."

POV'S TAE ON


Sentir  jungkook aproxima o seu membro na minha bunda,nesse exato momento quase que reviro os olhos só por senti-lo encostar em me.


Não queria revirar os olhos por algo bobo ou por não gostar de senti-lo,eu quase reviro os olhos por prazer ,sentir jungkook em me é um grande prazer, ele consegue fazer eu esquecer o por que de estar chateado com ele ou algo do tipo.


- j-jungkookkie...Me faz gemer,quero que vc não me faça se arrepender de estar aqui com vc.-falo o olhando tirar a sua camisa e voltar para cima de mim.

- claro meu amor jamais vou deixar vc se arrepender de estar aqui comigo- ele fala voltado a me beijar com um beijo molhado.


Ele começa a me beijar com um beijo molhado, nossas línguas entram em sintonia,coloco minhas mãos na suas costas e começo a alisar e a puxar mais ele para sentir o seu corpo colado no meu.

O beijo que só por esse Beijo já entro em loucura é esses Beijos do jungkook.

Sinto ele puxar minha calça para baixo e minha cueca vai junto me deixado exposto a ele.

Em nenhum momento ele deixa de me beijar só na hora dele tirar a suas próprias roupas que ele para de me beijar mais logo volta a me beijar e encostar os nossos membros um no outro,isso me deixava tão fora de si.

Jungkook se aproxima do meu ouvido e sussurra algo que não deu pra entender direito,mais logo olho para ele e ele fala se afastando do meu corpo e se deitando do meu lado.

- taetae...Hoje vc que vai comandar- ele fala e me puxa para ficar em cima dele e entre as pernas dele.

"Não acredito ele vai se entregar a me?eu...Eu falei aquilo na casa dele...mais não falei de verdade eu só falei brincando...Eu sou a mulher da nossa relação, não sou?"


-kookie não sei se...eu sei fazer isso direito...Eu sempre fui o- ele coloca um dedo no meus lábios e fala.

-Não me diga que não aprendeu nada comigo ?...tae eu já fiz várias e várias vezes em vc e lá na minha casa vc falou que queria né? Então vaí logo antes que eu me arrependa  de fazer  essa loucura - ele fala me olhando no meus olhos.


Após ele falar eu respiro fundo e vou até os seus lábios e começo a beija-lo com calma um beijo cheio de carinho e com muitos significado. 

Saber que por mais que eu já tenha me entregado a jungkook e de repente  sentir que ele confia em mim ao ponto de se entregar  é uma grande "honra"? Talvez seja só muito amor para um homem que diz ser o ativo da relação querer se entregar de corpo e alma para o seu amado.

"O amo e isso é o que importa ...passivo  era isso que eu era ate hoje ...passivo/ativo não é fácil. "

Penso o olhando e de repente sinto ele entrelaçar suas pernas na minha cintura e falar rindo.


- taehyung, anda logo com isso ,vai ficar parado me olhando até quando ? - jungkook pergunta rindo e meio tenso também.

Sorrio e falo já pensado como um "ATIVO" da relação de hoje em diante.

- calma amor não fala nada por que eu quero só ouvir os seus gemidos  - falo  esticando a minha mão para pegar o lubrificante na mesinha ao lado da cama.

Jungkook sorrir e me puxa  para  mais perto do seu corpo.

"Hoje a noite vai ser longa"

POV'S TAE OFF.


POV'S JUNGKOOK ON

Hoje pretendo fazer ou deixar fazerem em me uma coisa que nunca sonhei que um dia iria permite fazerem em me.

Desde de sempre sempre fui o ATIVO da relação,hoje decidir me entregar de corpo e alma a quem eu amo e quero ficar pelo o resto da minha vida .

"KIM TAEHYUNG "


Kim taehyung é  o homem que amo e sempre vou amar por que hoje nos tornaremos um só.


-Se doer vc me fala tá bom kookie?- tae pergunta me olhando com um olhar de tenso muito tenso...Ele tá nervoso e eu também estou e não é pouco.


- certo taetae-falo e sinto ele enfiar um dedo na minha entrada não vou mentir isso doi pra caralho.

-tá doendo ?kookie fala se tiver doendo por favor -tae fala preocupado e parando de fazer movimentos com o dedo dentro de mim. 


Tento me concentrar e tentar não demostra que está me encomendando e doendo pra caralho.

Agora veio na minha mente como ele aguentar? Com certeza eu não nasci pra dar nada e sim comer.

Olho para ele e falo.

- tae anda logo com isso eu já tô pronto enfia o que precisa tira esses dedos dai- falo já sem paciência.

Sinceramente eu quero que isso acabei logo .

Ele olha pra mim e fala tirando o dedo e se sentando na cama com um bico nos lábios. 

- eu pensei que essa era a sua primeira vez -ele fala cruzado os braços.

Como ele é...jinsus me da paciência pra não matar.

- tae é óbvio que essa é minha primeira vez o que te faz pensar que não vou virgem?- pergunto em crédulo.

-Por que vc mandou eu colocar o meu membro logo em vc sem te preparar...vc é um doido?  eu cansei vem vc em me ,eu não tô com paciência em fazer nada hoje não tô preparando pra ser ativo não . -Ele fala e eu começo a rir.

-vc é muito bobo tae-falo o puxando para deitar novamente  na cama.

Subo em cima dele e fico entre as pernas dele e falo.

- é tão simples taetae-falo me referindo ser ativo .

- Então me ensina como se faz amor -ele fala manhoso e em seguida mordendo os lábios e entrelaçando as pernas na minha cintura.

- vou te ensinar outra hora- falo no seu ouvido e encostando o meu hálito quente no seu pescoço.

Tiro da mão dele o lubrificante e me afasto dele para passar no meu membro já com pré gozo.

Ele morde os lábios me olhando e eu fico ainda mais excitado o olhando morder os lábios e se masturba.

Após colocar o lubrificante eu posiciono o meu membro na entrada dele e começo a enfia devagar até conseguir o penetrar por completo.

- ahh tão apertando...Tão gostoso- falo já fazendo movimentos de vai e vem com um pouco de força.

Tae começa a alisar minhas costas e a enfiar suas unhas nela .

-ahhh j-j-jun-gko-okkie - ele gemi no meu ouvido me fazendo me arrepiar com o seu tom de voz e ainda com o seu hálito quente. 

Levo minha mão até o seus cabelos e coloco os meus dedos entre o cabelo dele e seguro acariciando e estocando ele com força e com vontade de enfiar mais e mãos nele.

Ele falar ofegante. 

-k-oo-kie me be-beija 

Após escuta-lo eu aproximo nos lábios e selo em um beijo molhado e excitante.

Nossas línguas dançavam ou brigavam conhecendo cada canto da nossa boca.

Tae gemia entre os beijos e cada vez eu o estocava mais rápido já sentindo que iria gozá logo ,logo.

Prentendia mandar ele ficar de quatro pra mim mais estava tão bom ele na minha frente e me beijando que resolve transar mais vezes com ele assim de frente me beijando com prazer e alisando minhas costas com suas mãos. 

Sinto que vou gozá e dou as últimas estocadas com mais força e me desfaço dentro dele.

Saiu de dentro dele muito ofegante mais vejo que ele ainda não tinha gozádo sem pensar duas vezes eu me aproximo do seu membro e o abocanho e começo a fazer movimentos rápidos levando o seu membro até a minha garganta.

Sinto ele pegar no meu cabelo e gemer e morder os seus próprios lábios.

Não demorar muito para ele se desfazer na minha boca e eu engolir tudo.

Me aproximo dos seus lábios e tento beijar  ele e ele rir se afastado com uma cara de" nojo".

- nem pensar- ele fala saindo da cama e indo na direção do banheiro.

O olho em crédulo e falo indo até o banheiro.

- taehyung me beija agora - falo serio entrando no banheiro indo até a box  do banheiro vendo ele ligar o chuveiro.

Ele olha pra me com uma carinho de choro e fala.

- Não jungkook .- ele fala e vira de costa pra mim deixando a água cair sobre o seu corpo.

Após escutar um "não" eu falo .

- como é ? Por que  não? -pergunto indo para debaixo do chuveiro e o virando para mim.

-jungkook vc engoliu...Por que engoliu? Eu tenho nojo ...desculpa por não te beijar amor.-Ele fala meio triste por não me beijar por que o nojo que ele sentir é mais forte.

Não falo nada e pego o sabonete e começo a passar no meu corpo e logo em seguida coloco o sabonete no lugar e tomo o meu banho e em seguida pego uma toalha que tinha no banheiro e coloco na minha cintura e pretendia sair e ir escovar os meus dentes mais sinto a mão do tae tocar na minhas costas me viro e olho para ele com o sabonete na mão apontando pra mim.

- O que é?-pergunto. 

-kookie passa em mim -Ele manda com um sorriso no rosto tentando não de mostrar que está magoado por não ter me beijado mais eu conheço o tae melhor do que ele próprio e sei que ele estava triste por não  ter me beijado mais também gosto de brincar com ele então falo tentando fazer  ele pense que estou magoado com ele.

-Não eu tenho nojo sabe...de passar sabonete em alguém -falo indo até a minha escova e colocado pasta nela e começo a escovar os meus dentes  e quando termino saiu do Banheiro o deixando só. 

Após sair do banheiro eu olho para trás e vejo ele passar o sabonete nele  com uma carinha de triste vou até a minha mala e tiro o meu pijama e o visto rindo baixo para ele não ouvir .

"Taetae vc é tão fofo"

"O amo tanto"

Deito em seguida na cama e adormeço rápido nem sintir e muito menos  vir o tae deitar na cama por estar  tão cansado .


Pov's  jungkook  off 


               ×××

"Não conheci meu amor, eu reconheci. Não encontrei, eu reencontrei. Pois eu acho que um sentimento assim tão forte já deve ter acontecido em outras vida"

POV'S NAMJOON. 


Me acordei cedo para ir até o hospital que o Jungkook mandou e logo em seguida ir para a imprensa pegar uns papéis que eu preciso assinar.

Após tomar café da manhã ,eu peguei o meu celular e volto a ver  o número do quarto do paciente que eu  não fazia idéia quem era.

-214...O que eu vou fazer lá? Aff esse jungkook sempre deixa de fazer as coisas dele e deixa pra mim- falo pegando minha jaqueta e a colocando e logo em seguida saiu de casa.

Estava dirigindo com calma até ver uma floricultura e ver na frente dela as flores que o jin amava.

Paro o carro e fico observando as flores até que penso.

"Será que é mulher  a pessoa que vou ver no hospital? "

"Não custa nada levar flores"

Estaciono o meu carro em frente a loja e desço do carro e logo em seguida vou até as flores e fico as olhando e tocando nelas com um olhar triste.

- interessado? -A moça pergunta. 

A olho e falo meio sem graça por fazer tempo que não compro flores pra alguém e piorava a situação por esta comprando flores pra alguém que não conheço. 

- sim...vc pode fazer um buquer dessas flores pra mim?por favor. - falo educado.

-claro espere só um estante...Sua amada vai amar receber essas flores elas são as mais lindas e caras daqui- ela fala já preparando o buquer. 

"Amada?não moça eu não tenho amada e o que tinha perde por descuido meu"

Penso mais não falo por esta olhando para as flores me aproximo e pego uma e lembro do primeiro dia que entreguei uma  flor pro jin nós tínhamos apenas 15 anos e eu tinha acabado de descobrir que estava apaixonar por ele.

Flash black on 

-jinnnnn vem cá - o chamava para ir até aonde eu estava (sentado em frente um lago).

Olhei e vir ele vindo correndo até a mim.

-O -o que foi vc se machucou? -pergunto ofegante e se sentado ao meu lado.

Olhei pra ele e falei com um sorriso no rosto e entregando a flor pra ele .

-Eu comprei pra vc...Ela é linda com vc-falei tímido.

Vir ele cora e falar com um pouco de vergonha. 

-o-obri-gado-falo gaguejando e pegando a flor .

Eu me aproximei dele passei o meu braço no seu ombro e falei .

- quando eu for rico eu compro um monte pra vc- eu falo e dou um beijinho na bochecha dele e ele me afasta com vergonha. 

- v-vc já é rico - ele falou me olhando. 

- Não, eu não vou os meus pais são, eu quero ser rico por conta própria jin sem precisar do dinheiro deles -falo olhando para ele e me aproximo do seu ouvido e sussurro.

-Vou ser rico e um dia casar com vc.


FLASH BLACK OFF 

-senhor ?senhor as flores - a moça fala me dando as flores.

- assim obrigado e desculpa eu me perdi nos meus pensamentos - falo dando o dinheiro a ela .

- Não tem nada não pessoas apaixonadas são assim mesmo - ela fala e logo em seguida se distância de mim .

- apaixonadas ?eu não estou apaixonado - falo baixinho saindo da lojá e entrando no meu carro .

Ligo o carro e vou rumo ao hospital para ver quem o Jungkook mandou. 



[...]



Após chegar no hospital eu vou na direção do balcão.

-Bom dia ,eu gostaria de saber se já está no horário de vista.- falo olhando para o rapaz. 

- bom dia,sim está ...pode ir - o rapaz fala olhando para mim com um sorriso no rosto. 

"Simpático"


- obg - falo e vou na direção dos quartos dos pacientes, já conhecia aquele hospital então já sabia exatamente aonde ficava o quartos.


Saiu procurando o quarto que eu deveria ver o paciente e quando encontro uma enfermeira saiu de dentro do quarto e me ver e fala .

-ah vc deve ser o Jungkook não é? Ele já está de esperando desde ontem pode entrar- ela fala sorrindo e com um tom calmo .

"O povo desse hospital são tudo educados"

-não,eu não sou o Jungkook eu vim no lugar dele moça - falo a olhando -mais mesmo assim eu posso entrar ?-perguntei .

- Bom...Acho que sim - ela fala saindo da minha frente e indo embora .


Respiro fundo e penso .

"Quem deveria estar aqui era vc jungkook, não eu."


Abro a porta e não vejo ninguém no quarto .

"Ah?cadê? Não tem ninguém aqui"

Saiu dos meus pensamentos quando escuto um barulho de porta se abri e com certeza era a do banheiro. 


-Dahyun vc esqueceu alguma coisa? - uma pessoa pergunta com a porta do banheiro quase aberta.

Fecho a porta do quarto e vou até a porta do banheiro mais logo me afasto e vou até a janela que tinha no quarto.

O homem ainda falava mais  não dava pra entender nada por causa que ele estava falando muito baixo estava quase como um sussurro.


Me sento em uma cadeira que tinha do lado direito da janela e olho para o buquer que tinha na minha mão. 

"Não vou entregar ...gastei dinheiro atoa...O paciente não é uma mulher e sim um homem"

Escuto o barulho da porta se abri e a moça entra e fala indo até a porta do banheiro eu estava olhando para ele então penso .

"Vou entregar pra ela "

Me a levanto da cadeira e vou até a porta do banheiro aonde ela estava parada falávamos com o homem que estava dentro do  banheiro.


- moça vc acei-sou interrompido por ela falar .

- kim seok -ela falava mais para por me ver de olho arregalado pra ela.

- vc está bem ?-Ela pergunta pegando no meu ombro e eu vejo a pessoa sair do banheiro com uma roupa meio azul claro.

Me afasto um pouco da porta do banheiro e em seguida fico parado olhando para nada menos que kim seokjin de costa pra mim , bem na minha frente.

Deixo o buquer cair no chão e levo minhas mãos para o meu rosto e falo baixinho segurando o choro .

"Não. ..não pode ser "

-jin...Jin...-repente várias vezes o nome dele com as minhas mãos no rosto sem olhar para ele e de repente sinto umas mão frias tocarem nas minhas .

- senhor eu acho melhor vc sair .- a moça fala e eu a olho e volto a olhar para o quarto vázio novamente. 

-m-mo-ça cadê ele ?- pergunto indo para o meio do quarto. 

- ele entrou novamente no banheiro quando viu vc - ela fala .


- por que? - pergunto indo até o banheiro e batendo na porta - jin...JIN ABRI A PORTA POR FAVOR -falo já deixando lágrimas descerem dos meus olhos. 

- por favor vamos deixar ele só senhor - a moça fala me tirando de perto da porta .

- sair ,me deixa falar com ele - falo me afastando dela até que escuto ele falar.

-Na-na-mjo-on  vai em-bora por favor - ele pediu chorando.- por favor vai embora EU NÃO QUERO QUE VC ME VEJA ASSIM. ..VAI EMBORA -ele fala alto mais chorando eu olho para a enfermeira e pergunto.

- por que ele não quer me ver ?o que ele tem que eu não posso ver?- pergunto entre o choro .

A moça se aproxima de me enviar fala alto para o jin ouvir .

-SENHOR JIN NOIS JÁ VAMOS NÃO SE PREOCUPE ELE NÃO VAI MAIS ENTRAR AQUI- ela fala e me puxa para fora do quarto .

Pov's  Namjoon off


POV'S jin on

-Não posso deixar ele me ver assim -falo saindo do banheiro e indo trancar a porta.

Vou até um pequeno espelho que tinha no meu quarto e falo ao me ver meu reflexo.

- ninguém merece ver uma coisa tão feia.


Pov's jin off



[...]



Após sair do quarto do jin a enfermeira me levou até uma cafeteira que tinha no hospital e então resolveu me contar o por que dele não querer me ver. 



-Então namjoon né? - pergunto e eu confirmei com a cabeça limpando as lágrimas. - O senhor jin quando chegou aqui no hospital ele estava destruído por dentro e por fora pode acreditar -ela fala calma - no início ele não consigui falar nem seu próprio nome e aos poucos foi lembrando até a semana passada ele acorda gritando  o nome do namjoon que até agora eu não sabia quem era mais agora sei - ela me olha- ele lembrou de tudo da vida dele na semana passada e logo em seguida quis falar com o Jungkook e mandou nois daqui do hospital entrar em contato mais não deu muito certo até uma mulher vim aqui se consultar e ver o jin andando no corredor do hospital ela garantio pra mim que o Jungkook viria aqui mais veio foi vc a pessoa que ele não queria ver -ela olha pra a xícara e continua a falar-agora eu vou falar o por que dele não querer ver vc - ela me olhou com um olhar triste. 

- por que ele não quer me ver?- perguntei triste.

- pelo o simples fato dele não ter mais o rosto lindo que ele fala pra mim que tinha-ela fala e parece triste por falar eu não consigo segura as lágrimas e falo .

-Na-Não pode ser- falo entre o choro .

- namjoon ele conseguiu sair vivo do acidente que ele teve mais a metade do rosto dele foi queimada - ela fala e tenta me acalma - mais não se preocupe ele vai começar a fazer cirurgia para ter o rosto perfeito novamente - ela fala calma - tudo está tanto certo até agora e  por favor não o abandonei no momento que ele mais precisa - ela fala .

Olho para ela e falo 

- eu nunca vou abandonar quem eu mais amo nessa vida ...Ele poderia ter se deformado todo o corpo, que eu nunca o deixaria sozinho - falo com sinceridade no olhar e nas palavras. 

- vc o ama tanto assim ?- ela pergunta com um sorriso no rosto. 

-SIM,EU O AMO MAIS QUE TUDO E SEMPRE VOU AMAR . - falo e mais lágrimas caír.

Ela sorrir e fala .

-Ele também te ama.






Continuação...















Notas Finais


Então o que acharam ?

Aiii me perdoem por fazer isso com o jin :(

Namjoon provando que ama de verdade o jin aiii que lindo :)

Jungkook seu malvado fescando com a Cara do tae ksjsjs.

Tae vc vai um dia engolir o que vc tem mais nojo ksjsjs.

Desculpem os erros :(

Comentem aí se vcs gostarem bj.🐰


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usu√°rios deixam de postar por falta de coment√°rios, estimule o trabalho deles, deixando um coment√°rio.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...