História Vkook Is Real - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 87
Palavras 689
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura~~

Capítulo 12 - Brincadeiras


Acordei e procurei pelo Tae, mas ele não estava no quarto. Desci as escadas e fui pra cozinha, e lá estava ele, tomando café com os meus pais

Jk: por que não me acordaram?

V: você estava dormindo muito pesado

Pai: sem falar que vocês ainda estão de férias, não tem motivo pra acordar cedo

Mae: por falar em férias, é melhor você se apressar amor, vai se atrasar pro trabalho. - disse olhando pro relógio da cozinha

Pai: é mesmo! -disse tomando o café com rapidez e indo se arrumar

Mae: meninos, vou passar o dia fora hoje. Eu vou fazer compras com algumas amigas, se comportem ok? Se resolverem sair me liguem avisando

Jk/v: ok

V: Kookie, vamos ver algum anime, ou jogar

Jk: vamos jogar antes. Quer jogar o que? Disse já subindo as escadas e indo em direção ao meu quarto

V esperou eu fechar a porta e respondeu

V: super mario? Mas do jeito que estavamos jogando quando eu dormi aqui

Jk: ok, eu topo

V: se nao passar a fase, perdeu

Começamos a jogar

Fase 1

Perdi

Jk: ok, pergunte. -disse cruzando os braços olhando pro lado contrário do Tae

V: por que você quase nunca diz que me ama?

Jk: isso... Sabe... Hum..

V: diga qua me ama - disse se aproximando 

Jk: eu te amo. -disse baixo

V: mais alto, não consigo te ouvir. - se aproximou mais, deixando seus lábios a centímetros de distância dos meus

Jk: eu te amo, amo mais que tudo. Você é a pessoa mais importante que eu tenho, e eu espero passar a minha vida inteira com você -terminei de falar e abaixei a cabeça, senti meu rosto esquentar 

Tae riu um pouco 

V: eu amo essa sua timidez. -disse segurando meu queixo e levantando meu rosto. - eu amo esse seu jeito. - selou nossos lábios. - eu amo você também- me deu um beijo apaixonado

Jk: fiquei ainda mais envergonhado com o que ele falou, como ele consegue dizer isso sem ao menos sentir a minima vergonha? 

V: vamos continuar a jogar ou você vai continuar de cabeça baixa ai? Será que eu vou ter que te beijar de novo pra ver se você anima? -sorriu

Fase 1 vez do Tae

Perdeu

V: aaaah. Me mande um desafio  

Jk: ah, mas eu quero perguntar 

V: un, un, desafio

Jk: ok então, vamos fazer o seguinte, eu vi essa brincadeira. Em algum lugar. Liga pros seus pais e inventa uma história com as palavras que eu vou escrever em um papel (já que me sacaneou me fazendo dizer que amo ele, o que não é mentira, vou fazer ele passar vergonha pros pais)

V: ok 

Ele ligou pros pais dele

Ligação ON

V: pai? Pai eu liguei pra dizer que...

Mostrei a palavra: roda

V: a roda da bicicleta furou, preciso comprar uma roda nova

PaiV: ok filho, a gente compra uma amanhã

Mostrei outra palavra: carro

V: na verdade, pai, eu peguei o carro e furei o pneu dele, não da bicicleta, falei errado

PaiV: QUE? Quem te deixou pegar o carro? E como você furou o pneu?

Mostrei outra palavra: pão

V: eu passei por cima de um pão  

PaiV: pão nao fura pneu

V: mas aquele estava duro 

PaiV: continua não podendo furar um pneu. O que está acontecendo? Você está estranho

Mostrei mais uma palavra: pênis

V abaixou a cabeça e riu

V: pai, na verdade tem algo errado com meu pênis, não aconteceu nada ao carro

PaiV: o que filho? 

Mostrei a última palavra: sobe

V: não sobe mais

Caímos na risada 

PaiV: ah, é pegadinha maldito

V explicou tudo e desligou o telefone

V: você apela Kookie. Vou te punir por isso -disse bravo

Jk: p-punir? 

V: brincadeira! -riu- nunca seria capaz de te fazer algum mal. Tanto por te amar e te respeitar de mais, quanto por seu pai me matar logo depois -brincou 

Jk: besta! - o soquei de leve 

Ouvi meu celular tocar. Era o Suga me ligando 

Jk: oi? 

SG: Jungkook, tava pensando em fazer um encontro em casal de novo, namjin já topou, você vem? 

Jk: preciso ver com o Tae, se ele topar eu vou 

Perguntei pro Tae e ele assentiu com a cabeça 

Jk: que hora nos encontramos? 

SG: as 18:30 passamos na sua casa 

Ligaçao OFF

V: pra onde nos vamos, na verdade?

Jk: acho que vamos decidir na hora
***


Notas Finais


Kookie malvado aehayehaud
O próximo capítulo vai ser maior, juro
Até mais vkookas


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...