História Você acredita em amor a primeira vista? (Vkook) - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook, Suga, V
Tags Amordearmy, Bts, Taekook, Vkook
Exibições 46
Palavras 524
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Ficção
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Essa história está me deixando muito empolgada, com vontade de escrever escrever cada vez mais! Boa leitura!

Capítulo 4 - Capítulo Quatro


Fanfic / Fanfiction Você acredita em amor a primeira vista? (Vkook) - Capítulo 4 - Capítulo Quatro

*Kookie narrando*

- eu estou me sentindo diferente... - diz Tae.

Olho pra ele e pergunto.

- como assim?

- não sei explicar... Desde que você apareceu, eu só quero olhar pra você, falar com você e ficar perto de você! - Tae disse.

- eu... Eu... - meio que travo.

- viu! Esse tipo de coisa que me faz querer ficar perto, você é espontâneo e fofo, além de ser lindo e sexy! - diz Tae. Arregalo os olhos.

- S-sexy?! - pergunto olhando pra ele.

- muito! - diz Tae sorrindo.

- obrigado... - digo olhando pra baixo extremamente corado.

Tomo meu café e acabo derramando na calça.

- droga... - digo indo pegar um guardanapo, mas Tae já havia pego e estava limpando a minha calça. - obrigado

- não foi nada! - ele sorri e se aproxima mais de mim. - Coelhinho... Você é tão lindo...

Sorrio meio corado.

- obrigado... - olho pra Tae. - você é lindo também...

- obrigado... - ele sorri fofo.

- vamos? - pergunto pois já havia acabado de tomar o café, e eu morava relativamente longe, em um AP pequeno, pois morava sozinho e tinha vindo pra cá só pra estudar...

- vamos! - ele sorri e paga a conta, segura em minha mão novamente e saímos do café. Voltamos pra escola e ele pega seu carro.

- Até mais Tae! - digo me virando para ir embora.

- ei coelhinho! Eu disse que te levava lá! Entra ai! - diz Tae pela janela do carro.

- não precisa! - sorrio. - não quero atrapalhar!

- você não atrapalha! - ele diz sorrindo. - entra logo!

Assinto e entro no carro. Dou as coordenadas e ele vai até o meu AP. Depois de uma meia hora, chegamos lá.

- coelhinho... Você mora longe em! - disse Tae.

- é... Eu disse que não precisava me trazer... - sorrio fraco. - mas obrigado... Você quer entrar?

- quero! - Tae diz e sorri - eu vou te dar carona todo dia agora!

- não... Não precisa se incomodar!

- eu quero! E já disse que você não incomoda! - disse Tae sorrindo.

- Okay! - saio do carro e Tae me acompanha. Entramos no prédio e logo entramos no AP. Era apenas cozinha, banheiro, sala e quarto, com uma pequena área pra lavar roupa e pendurar...

- não é grande coisa... - disse olhando pra baixo.

- achei incrível! - Tae sorri. - você mora sozinho?

- moro... - olho pra ele. - os meus pais não tinham dinheiro pra se manter aqui comigo, e eu vim só pra concluir meus estudos, e ter uma melhor base escolar...

- entendo... - ele sorri. - você é incrível coelhinho...

- porque diz isso? - olho pra ele e fecho a porta.

- porque eu não faria isso, eu não viria sozinho pra uma cidade que eu nem conheço, pra poder estudar... - diz Tae. - você é realmente incrível!

- obrigado... - sorrio fofo. - vamos ver um filme? Ou você tem que ir embora?

- não, não tenho hora. Podemos ver um filme! - diz Tae.

- Okay! - sorrio fofo...

- podemos ver Livrai nos do mal? - pergunta Tae.

- s-sim! - digo nervoso, pois morria de medo de filme de terror.


Notas Finais


Novamente obrigada por lerem a história! Beijos pra vocês amores e até o próximo capítulo!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...