História Você é apenas meu (JIKOOK) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook Namjin
Exibições 416
Palavras 1.822
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


2 capítulos adicionados apenas hoje, fiquei um pouquinho inspirada mas não sei vão gostar mas enfim criei e postei :33

Capítulo 3 - Você me salvou.


Fanfic / Fanfiction Você é apenas meu (JIKOOK) - Capítulo 3 - Você me salvou.


JIMIN POV ON 


Estava assistindo doramas, sempre choro é algo que não consigo controlar. como queria viver um romance como os casais desses doramas. mas é totalmente impossível para um garoto como eu, não consigo nem pagar um taxi, sou pobre aqui na coreia do sul. e agora para me sustentar vou me vender, existe algo tão ruim?


              ~~ Quebra de tempo ~~


 Enfim deu 19:00 horas e me encontro arrumado, estava com uma calça extremamente apertada, onde minhas coxas e bunda se destacavam, e uma camiseta manga longa branca meio transparente, penteado com um topete e uma bota preta. confesso que se eu visse alguém igual a mim eu pegaria de jeito (Aut: Lembrou algo mas enfim kk ). deixo mensagem para jin, ele estava extremamente nervoso, sempre me mandava mensagens dizendo oque faço ou como me sinto em querer vender meu corpo para me sustentar coisas assim. e tem vezes que ele diz se eu comi ou se me sinto bem. parecendo uma omma preocupada.


 Prometi me encontrar com yoongi e jin. em uma esquina perto da cafeteria em que fomos. e lá os encontrei mechendo em seus celulares, é um vicio mesmo. chego sem fazer barulho.



- OLÁ GALERÃO!. Digo e eles se assustam com o grito que dei.


- Jimin não me assuste assim posso ter um infarto sabia?. diz jin me abraçando e logo me olha de cima para baixo. 


- Wow, caprichou hoje. diz jin


- Jimin, essa sua raba é sua mesmo? ou esqueceu de tirar sua fralda?. diz yoongi rindo e eu logo fui em sua direção dando-lhe um tapa em seu braço.


- Yaa, Cala a boca yoongi e é minha sim qual é? tá com inveja?. digo fazendo pose de diva rs 


- Não, tá parecendo uma tanajura. diz ele prendendo o riso


- Mentira, você ta maravilhoso jimin. diz jin 


- Obrigado omma, olha eu vim desse jeito porque tenho que brilhar. e quero realmente pagar oque devo então vamos?. digo e eles concordam com a cabeça.


 Estávamos andando jin ficava segurando em meu braço parecia que ele estava com medo mas  também não é para tanto aquele local era imundo tinha pessoas fazendo sexo lá mesmo na rua. e outras se drogando, eu estava com medo também até que 3 pessoas puxaram yoongi para conversar e uma disse.


- Quem são esses amor?. diz um loiro olhando para mim e jin.


- São novatos aqui amor. diz yoongi sorrindo para o mesmo fiquei surpreso yoongi chamando alguém de ''amor'' e não de ''sua kenga''.


- São lindos, vão render muito. diz ele logo se virando para yoongi e o beijando.


- Ah, esqueci de me apresentar. digo 


- Sou park jimin e esse é jin. digo estendendo a mão para ele jin faz o mesmo.


- Olá, sou jackson não trabalho aqui mas acompanho meu futuro noivo. diz ele logo dando sua atenção a yoongi que quase se engasga com a bebida em que bebia logo que jackson diz isso, eu apenas ria junto a jin. 

 

estávamos conversando esperando alguém me querer. eu estava de vela praticamente yoongi estava aos pegas com jackson e então eles vão embora. jin estava com seu cliente que por sorte é aquele estranho da cafeteria, jin conversou com o mesmo no celular dizendo para o ''cliente'' que ele se prostituia e pelo que jin disse o cara não aceitou muito isso. e disse que jin iria ser seu por 2 mêses. e descobri que o nome dele era Namjoon. 


Então espero, e quando vejo vem homem se aproximando e por sinal ele estava bêbado. e diz.


- Oi coisa linda, quero um programa quero te foder e você o fará de graça sim?. diz ele chegando perto de mim tentando me beijar, eu desvio e então ele diz.


- Não é seu trabalho satisfazer os clientes?. diz ele tentando me beijar novamente e eu o empurro.


- Não, você esta bêbado e não trabalho de graça. digo saindo daquele local , eu queria ir embora.


- Volta, você gosta disso que eu sei sua puta volta. então ele vem correndo até mim.


 E Eu corro o mais rápido o possivel, para longe daquele bêbado asqueroso. e quando vi que ele não me seguia mais, eu ficava vendo em que rua eu havia me metido. estava sentando em frente a uma empresa grande. eu estava perdido não sabia por onde ir até que alguém me segura prendendo minhas mãos para eu não fugir era o mesmo homem que me seguia o bêbado. ele estava atrás de mim apertando meus braços beijando meu pescoço dizendo coisas horriveis para mim, eu estava chorando e pedindo para ele me soltar mas sem sucesso ele prensava mais meus braços. com muita força me fazendo gritar de dor.


- Calma coisa linda, isso vai acabar logo logo.  diz ele abaixando suas calças. 


Eu estava chorando. não queria fazer com aquele homem asqueroso e então meu braço é solto e escuto algo batendo. o bêbado estava desmaiado e então me virei e vi um garoto sua mão estava com sangue, ele bateu no cara que queria me abusar. e então ele diz.


- Você está bem? . diz ele mas não conseguia ver seu rosto até que ele diz.


- Venha entre no meu carro vou levar para sua casa.diz ele 


- Como vou saber se o senhor é de confiança?. digo-lhe


- Eu salvei sua vida desse asqueroso velho. diz ele 


- Eu prometo não te fazer nenhum mal. diz ele e então eu concordo.


Entramos no carro, e então ele vai para o volante e enfim consigo ver seu rosto.


- Não estou acreditando que é você. digo


- Ah, pois é sou eu.  diz ele sorrindo de lado.


- Desde aquela cafeteria achei que nunca lhe encontraria novamente. digo 


- Estava pensando em me encontrar mais vezes?. diz ele olhando para mim.


- Não é isso. ah deixa, poderia saber seu nome. 


- Claro, Jeon Jungkook e você é?.... 


- Jimin, Park Jimin. digo-lhe


- Se eu não estivesse no volante até apertaria essas mãos lindas suas. diz ele sorrindo de lado o que me fez corar.


- Relaxa, não sou que nem aquele bêbado que tentou te abusar, mas também você vestido desse jeito esta querendo provocar todos de seul não é?. diz ele olhando para minhas coxas. corei mais ainda com oque ele acaba de dizer.


- A-ah, bom eu... digo-lhe


- esqueça onde é sua casa?.


Então digo-lhe e ele diz não saber onde fica  e que não é bom nas ruas de seul ele acabou de se mudar do brasil para a coreia do sul,e seu GPS esta quebrado. agora oque farei? 


- Tenho uma ideia. diz ele 


- Qual?. digo


- Que tal você passar a noite em minha casa, e de manhã você liga para esse yoongi. que a essas horas deve estar com o namorado dele como você disse. 


- Ok, Jeon. digo não olhando para ele eu só queria dormir e esquecer de tudo de ruim que acabou de acontecer. eu realmente achei que seria abusado por aquele homem bêbado.


 Estavamos sem falar nada, estava um completo silêncio até ele se pronunciar. 

 

- E É aqui minha casa. diz ele 


quando vou abrir a porta e ver a casa de jeon, fico de boca aberta ele mora numa mansão é isso mesmo jimin? entro na ''casa'' em que jeon diz que  mas é uma mansão isso sim. e então ele diz


- Me siga aqui fica o quarto de hospedes. disse e eu estava seguindo ele para um corredor.


- Aqui é seu quarto por hoje. diz ele


- Obrigado, bem jeon se não for pedir muito. poderia me emprestar algumas roupas que você não usa, sabe eu quero tirar esse cheiro do homem que quase me abusou. digo-lhe


- Claro, vou pegar me espere ok?. diz ele


eu espero ele alguns minutos e então ele entra no quarto me dando uma camiseta larga, mas creio que caiba em mim. e uma calça. 


- Bom, você deve estar cansado vá tomar banho e e depois se deite, e tenta esquecer isso de ruim que aconteceu com você. diz ele logo indo em direção a porta até que eu digo.


-Obrigado jeon. 


- Não precisa agradecer. diz ele sorrindo e indo embora.


 Que destino é esse jimin? estava na mansão do cara que ficava me encarando na cafeteria. e ele me salvou, ele é totalmente lindo e ainda ficava meio que me elogiando. ele falou que sou provocante? meu deus tire ele dos seus pensamentos ele é um cara rico jamais veria você de outra forma apenas para diversão. 

 

JIMIN POV OFF


Jimin pensava e estava completamente corado.


Depois de alguns minutos, ele sai do banheiro e vestia a roupa que jeon lhe entregou. estava pensando muito foi checar seu celular e estava descarregado. e então resolveu dormir e esperar para o dia de amanhã.


 Jimin acorda com uma barulho, estaria chovendo lá fora. park se senta e estava abraçando o joelho, jeon tinha dito para jimin esquecer oque aconteceu mas era realmente impossivel para o pobre garoto. o garoto chorava não queria trabalhar disso mas oque ele poderia fazer? não teve escolha daqui a 3 dias ele teria que deixar o apartamento e até agora não ganhou nada.

 


JIMIN POV ON


 Estava com sede, sera errado eu ir na cozinha pegar um copo de água? vou sem fazer barulho não quero acordar o jeon, eu sonhei com aquele homem asqueroso beijando meu pescoço. dizendo coisas horriveis para mim só de lembrar oque aconteceu eu fico triste e com medo não quero trabalhar disso. 

 Então desço as escadas e vou direto para a cozinha demorei para chegar até a cozinha, pois a casa era enorme e eu quase me perdi ( Aut: Kookiezão morra bem em kkkk). e então pego um copo e água, bebo e quando da uma trovoada. fico assustado estava escuro não conseguia ver nada e logo mais uma trovoada foi dada e então vi uma sombra. eu me lembrei do cara que quase me abusou e eu disse.


- SAI SAI, POR FAVOR NÃO FAÇA ISSO. digo chorando ficando chão. e então ele se aproxima.

- NÃO ME OBRIGUE A ISSO POR FAVOR. digo chorando mais ainda. e ele logo me abraça e então diz

- Não chore jimin, não sou aquele tranqueira, relaxa você esta seguro agora. disse ele me abraçado eu ficava chorando em seus braços eu precisava realmente de um abraço. 


-Tudo na minha vida é um erro, eu sou um erro eu vim morar aqui para viver bem. mas não sou como você jeon, eu não tenho vida boa. digo chorando


- Não diga isso jimin, todos nós temos algo de bom. diz ele acariciando minha cabeça.


Não falamos mais nada apenas aproveitamos esse abraço e então eu acabei dormindo em seus braços.  


Notas Finais


Então espero que tenham gostado logo posto mais. bye sz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...