História Você é Meu - Uma Hisória VHope - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Romance, Vhope, Você É Meu
Exibições 33
Palavras 1.475
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OLAR GALERAA
Sim, eu demorei pra postar algo
Sorry ;-;
Eu explico tudo la nas "Notas Finais"
Mas agora aproveitem o capítulo
^-^

Capítulo 4 - "Por que eu?"


Capítulo 3 - "Por que eu?"

 


Enfim, era quinta-feira. Aquele fim de tarde que ambos os 7 meninos tiveram foi muito bom, mas tinha que acabar, afinal, coisas boas tem que acabar, para assim surgirem coisas melhores. Mas Taehyung acordou bem cedo, porque queria ver logo sobre a escola que seus amigos o recomendaram, para ver se ele poderia estudar mesmo lá. Ele separou os documentos que talvez fossem necessários para estudar lá e foi para a escola. Antes teve que ouvir seus pais brigando dentro de seus quartos, mas ele simplesmente ignorou, apertando sua própria mão com muita força.

 


Chegando lá, Taehyung pediu para que lhe apresentassem a escola, para ele ver se a estrutura era de fato boa e tudo mais. Entre as visitas entre as salas, ele entra na sala de Jungkook e Hoseok(que não estava mais usando um topete), onde solta um alegre "Olá!" e olha para seus dois amigos no canto da sala. Eles pareciam felizes em vê-lo, e ele demonstrou a mesma coisa para seus amigos. Então uma hora o "tour" pela escola acabou, e ele decidiu conversar sobre sua matrícula. O engraçado para ele foi que ele já estava matriculado, porque sua mãe já tinha visitado a escola e feito a matrícula. Por mais dele ter ficado meio decepcionado dela ter tomado essa decisão e não ter falado nada, ele ficou feliz por ter sido bem na escola que ele queria entrar.

 

[3 dias depois; Segunda-feira, 06:30 da manhã]

 


Taehyung acorda com o despertador, e então se torna oficial: ele teria que ir para uma nova escola, mas tudo indicava que seria o melhor lugar por onde ele já passou. Ele desliga o despertador de seu celular, fica alguns segundos olhando para o chão para se acostumar com a claridade, levanta, se troca, arruma seu cabelo, escova seus dentes e sai de casa para comprar alguma coisa para comer e ir direto para sua escola. Para manter o padrão de toda vez que ele acordava, seus pais estavam brigando novamente, e ele ficou novamente irritado. Toda vez que ele presenciava seus pais brigando, sua raiva ficava cada vez mais forte, e ele sentia que em algum momento ele não iria mais se controlar, mas ele estava feliz por estar indo para sua nova escola, então ignorou isso e só disse um "Tchau pra vocês.." e saiu de casa.

 

Já na escola...

 

 

- Jungkook: É HOJE SEU BAITOLA!! - disse para Hoseok com uma animação tanto quanto bem elevada

- Hoseok: O QUE É HOJE INFERNO??!

- Yoongi: A entrada do seu senpai na escola, o que mais seria?

- Hoseok: VOCÊ DISSE PRA ELES SEU ARROMBADO?!!

- Namjoon: Na verdade eu também reparei depois que estávamos indo pra casa, e comentei sobre isso com todos, e quando fui falar com o Suga sobre isso ele contou que já tinha percebido antes e tudo mais

- Jin: Mas relaxa Hobi, não vamos falar nada com ele não, acho que não seríamos tão cuzões com você

- Jimin: Verdade cara, relaxa um pouco que não vai dar em nada

- Hoseok: Pelo menos hoje estou um pouco animado, vai dar pra eu ser mais eu mesmo e tudo mais

- Todos: Sim - disseram concordando com Hoseok, e logo após ouvem o sinal escolar

- Hoseok: Enfim, olha o sinal ai, vamos pras nossas salas agora

- Jin: Eu vou indo embora então, tchau gente, até depois da aula

- Todos: Tchau Jin!

 


Então assim os amigos se dividem: em uma sala, Yoongi, Namjoon e Jimin, e em outra sala, Jungkook e Hoseok. Faltando dois minutos para começar a aula, todos os alunos deixam de fazer tudo que já estavam fazendo para olhar para porta. Um garoto novo, que apenas Jungkook e Hoseok conheciam, estava na porta, olhando para a sala e tentando encontrar algum lugar para se sentar. Hoseok o chama todo animado para sentar numa cadeira encontrada atrás de Jungkook e do lado da sua. Taehyung então abre um sorriso e vai em direção a essa carteira, onde coloca sua mochila e se acomoda.

 

 

- Taehyung: Oi Hobi, oi Kookie, olha quem está aqui, EU!

- Hoseok: OEEEEEEE - disse abraçando Taehyung com um grande sorriso e demonstrando muita felicidade por estar junto de seu amigo

- Jungkook: Eae maninho, parece que você veio mesmo

- Taehyung: Maninho? Quem nasceu em 97 aqui foi você, kkkkkkkkkkk

- Jungkook: VAI SE FUDER MEU, TE ARREGAÇO GAROTO!!

- Hoseok: Kkkkkkkkkkkk

- Taehyung: Tudo bem, tudo bem, eu paro

- Jungkook: Ótimo...

- Taehyung: Por enquanto... - disse bem baixinho, mas o suficiente para seus amigos ouvirem

- Jungkook: Você ta brincando com a minha cara, né? - disse inconformado

- Hoseok: Não temos culpa se você é de fato o mais novo

- Jungkook: VOCÊ NÃO SE INTROMETE HOSEOK!!

- Taehyung: Hobi, quem é aquele cara ali? - disse apontando para um homem que aparentava ter 30/40 anos e que estava se dirigindo para a mesa do professor

- Hoseok: É o nosso professor de Matemática, e ele é muito gente boa, então vamos tentar ficar quieto na aula dele porque ninguém gosta de estressar ele

- Jungkook: Verdade

- Taehyung: Ok

 


Então, aula por aula, 50 minutos por 50 minutos, o dia escolar termina, os meninos vão ir almoçar em algum lugar perto da escola para conversarem sobre seu dia e para saberem se Taehyung teve um bom primeiro dia. Ele diz que teve e que ficou muito feliz de ter entrado nessa escola onde todos são gentis e legais com ele. Após acabarem o almoço, eles decidem sair um pouco, e Taehyung se oferece para ir pagar o valor do almoço, e Hoseok o acompanha.

 

 

-  Hoseok: FALA AI PEDAÇO DE MAL CAMINHO...

- Taehyung: Kkkkkkkkkk como assim Hobi, do que você está falando?

- Hoseok: Bem, você é o garoto novo, divertido, bonitão...

- Taehyung: Me acha bonito Hobi? - perguntou dando um sorrisinho

- Hoseok: É, é... Eu acho... - disse ficando com a pele corada

- Taehyung: Que gracinha...

- Hoseok: Mas tô falando sério, varias garotas e até garotos te pagando um puta pau, você n...

- Taehyung: Eu conheci uma garota - disse interrompendo

- Hoseok: AH É?? E... O que você achou dela? - perguntou se corroendo de ciúmes

- Taehyung: Eu achei ela legal, eu dei meu número pra ela e ela já até me chamou aqui

- Hoseok: E você acha que vai desenvolver algo?

- Taehyung: Ah, não sei né? Mas vamos ver no que vai dar - disse dando uma leve risada

- Hoseok: É... - disse ficando meio desanimado

 

Após essa "conversa" com Taehyung, Hoseok começa a pensar muito sobre o que foi dito a ele, e começa a tentar fazer uma reflexão de tudo que foi dito e sobre como ele deveria "agir"

 

"É, ninguém me falou que seria fácil gostar de alguém, não é mesmo? Ninguém me disse que eu ia me preocupar de mais com uma pessoa, que eu nunca ia passar odiar tanto o fato de sempre magoar as pessoas que eu amo, que eu sentiria tantas saudades quando fico longe desse alguém, e ele é do mundo, sabe? Nós não temos nada, e mesmo se tivéssemos não iria importar. Se até eu me acho um completo inútil como alguém conseguiria gostar? Eu posso até ter as melhores das intenções, mais do que adianta tudo isso se acabo só me magoando e até magoando a todos? Sério, se um dia ficarmos juntos vai ser engraçado, porque eu sempre vou parar pra pensar e lembrar que vivo aqui na Terra, planeta onde habita mais de 7 bilhões de pessoas, e tantas pessoas que poderiam ter sido escolhidas em meu lugar, pessoas decentes, sabem? Pessoas que conseguem alegrar quando você está num momento triste, não compartilhar também da sua tristeza e acabar só estragando tudo. Eu vou me perguntar porque essa pessoa escolheu estar com um cara que só a magoa dia após dia. Sério, se um dia eu e esse desgraçado do Taehyung ficarmos juntos, vou simplesmente me perguntar 'Por que eu? Eu sou tão insuficiente pra ele, tão substituível, faço tantas coisas que o magoam, porque ele não simplesmente encontra alguém que ele merece? Porque ele não me merece, de jeito nenhum, ele é uma pessoa tão extraordinária e tão bela, não há sentido estar com um magoador em processo, assim dizendo; apenas... Por que eu?'. Mas enfim, isso não vai adiantar nada no momento, ainda não temos nada, e provavelmente essa garota tem mais relevância que eu, mas eu não posso demonstrar fraqueza, muito menos que estou mal, então vamos fazer o que eu faço todos os dias quando não te vejo: colocar uma merda de sorriso no rosto, dizer que 'Está tudo bem', quando na verdade não está nem perto disso..."


Notas Finais


OEEE
É.. Foi isso :v
Espero q tenha ficado bom e talzz
E desculpe por demorar pra postar, de verdade mesmo
Sei lá, tava meio q sem criatividade na hora de escrever
E tava me concentrando em provas e coisas pessoais, ai ficava sem oq pensar direito
Mas agora acabou as provas(OBRIGADO!) e os motivos pessoais não vão me possibilitar me concentrar neles por 1 tempo(infelizmente), e devido por esse último motivo, consegui "me inspirar" mais pra conseguir terminar de escrever esse capítulo e talzz, então, em relação a fic, ta tudo certo :3
Puta mano, ficou grande essas "Notas Finais"
JFEIQJFQEFKMEIF
Desculpa ;-;
Mas então, é isso
Vou tentar postar um próximo capítulo o mais cedo possível
Então favorita a fic pra qnd eu postar aparecer notificação(por mais q o Spirit faça bugar as vezes, mas enfim..)
Até a próxima guys
^-^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...