História Você é meu - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Amor, Bts, Comedia, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suja, Taehyung, Tragedia
Exibições 481
Palavras 1.911
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Heey amores <3
Mt obrigada pelos favoritos e pelos divos comentários do cap anterior <3
Sei q mt gente quis entrar na fic pra dar uma voadora na cara da Akela heuehuehe

Boa leitura *-*

Capítulo 13 - Ela de novo


Fanfic / Fanfiction Você é meu - Capítulo 13 - Ela de novo

Jimin Pov's

Ela o beijou, mas dava pra ver que ela o pegou desprevenido já que JungKook a empurrou para longe de si e passou a mão na sua boca como se quisesse tirar o beijo dela de si. Tae, Jin e eu fomos até lá, mesmo com os olhos ardendo. 

- Pelo que eu me lembro, galinhas não foram convidadas pra festa. - Tae se manifestou dando um olhar mortal para a menina que estava agarrada ao braço de Hobi que logo se soltou. 

- Rala daqui resto de aborto.. Não viu que ele tem dono, não? Ou precisa de óculos? - Jin se manifestou. 

- Amor.. Ela me beijou a força, eu juro. - Kookie veio até mim se explicando. Sei que ele estava falando a verdade. 

- Não seja modesto JungKookie... Você queria também se não tinha recusado meu pedido de dança. - A menina se manifestou sorrindo e cambaleando por causa da bebida, mas ainda estava lucida. 

- Para de mentir garota, porque eu iria querer uma tripa seca que nem você, quando eu lutei muito pra ter o amor da minha vida ao meu lado? Só aceitei dançar com você porque vi que tu ia ficar na minha cola o tempo todo se eu não fosse. - JungKook disse com voz de alfa fazendo os ômegas e as ômegas presentes se encolherem. Sorri com seu ato. Mas não ia deixar barato o que essa vadia fez. 

- Acho que isso vai te ensinar a não sair beijando o alfa dos outros por ai, vadia. - Fui até ela e lhe virei o rosto com um forte tapa em sua cara. 

- Isso ainda não acabou... - Ela disse com a mão no rosto e saiu bufando junto com suas amigas. JungKook veio e me abraçou. 

- Obrigado por acreditar em mim... - Ele disse com a voz embargada. 

- A base de um relacionamento é a confiança.. Certo, Jin? - Jin assentiu. - E eu vi quando você empurrou ela... - Sorri. 

- Ai meu deus... Sempre shippei vocês dois. - Tae disse emocionado. 

- Mas isso não muda o fato de que você poderia muito bem ter cortado o papinho dessa ai, JungKook, você acha que ela estava querendo mesmo só uma dança com você? Me poupe, nos poupe, né... Boa noite gente.. Pra mim já deu por hoje. - Olhei com reprovação para kook que mantia uma olhar triste no rosto e sem ouvir suas desculpas fui direto para o quarto em que ficaríamos na casa do Tae. 

JungKook Pov's

Akela estava o tempo todo se atirando pra cima de mim, mais eu já avisa a avisado que tinha namorado e tudo mais, depois daquela dança, voltei pro lugar onde estavam Namjoon e Hobi conversando, mas logo fomos surpreendidos por três meninas incluindo Akela que agarrou meu braço. 

Hobi mesmo não se sentindo confortável com aquela situação contava várias piadas sem graças, o que tornava tudo mais engraçado pois ele ria das piadas e nós riamos da risada dele. Vejo Jimin vindo em nossa direção junto com Tae e Jin e estavam com cara de poucos amigos, ia até ele se não fosse surpreendido por Akela que virou meu rosto e me beijou, na mesma hora dei um pequeno empurro nela afastando de mim. 

Depois do tapa que Jimin havia dado nela, ele simplesmente se virou e foi para o quarto. Depois daquelas palavras que me deixaram sentindo culpa. Certamente eu fui culpado por não ter dado logo um basta nela. 

Depois de alguns minutos, todos haviam ido embora, até Jin e Namjoon foram os últimos a ir. 

- Boa noite Kookie. - Tae falou e subiu pro seu quarto. 

- Boa noite e boa sorte com o Jimin.... - Hobi o acompanhou. Segui para o quarto onde ficaríamos eu e Jimin esta noite, entrando no mesmo encontrando Jimin deitado olhando para o teto branco. Me troquei e deitei ao lado do mesmo. 

Jimin Pov's

Me encontrava perdido em meus pensamentos olhando para o teto branco, apesar de termos apenas uma semana e meia de namoro, Kook sabe que sou bastante ciumento, afinal, qual ômega não é? Mas sei que ele não estava com segundas intenções, só estava sendo gentil.... Vi kook adentrar ao quarto, se trocar e se deitar ao meu lado. 

- Você me desculpa? - Kook indagou. O encarei. 

- Pelo o que? Não tem o porque se desculpar. - Encarei o teto novamente mais logo senti Jungkook colocar suas mãos em meu rosto virando mesmo para ele, fazendo- me o encarar. 

- Eu sei que devia ter cortado logo o papo dela, mas você sabe que eu não gosto de ser rude ou então não gosto de deixar as pessoas tristes... Mas Jimin, como você disse, a base de um relacionamento é a confiança.. Eu nunca te traíria e sei que você também não faria isso... O faria? - Neguei. - Eu te amo Jiminnie. - Ele selou nossos lábios, em um beijo calmo. 

- Vamos dormir, sim? - Sorri e dei- lhe um selinho. Ainda não estava preparado para dizer o tão esperado "Eu te amo". Kook entrelaçou seus braços em minha cintura. 

Mas não consegui dormir direito. Agora não era só a ameaça de Mark que me preocupava, apesar do mesmo ter dito que não faria mal algum a mim, isso ainda me assustava... Também tinha as palavras dessa garota que se chamava "Akela". "Isso ainda não acabou"... É com certeza ainda não acabou. Prevejo que sofreremos muito antes de termos o nosso tão sonhado felizes para sempre JungKook. 

_____________________________________________________________________

Domingo

Acordei com um cheiro bom invadindo o quarto. Me virei para o lado, mas logo levantei num pulo vendo que kook não estava na cama. Desci para a cozinha de Tae encontrando o mesmo junto com Hobi e kook. 

- Não acredito que tão tomando café da manhã sem mim. - Disse fingindo estar incrédulo com isso. 

- Bom dia amor... Não quis acordar você.. Estava parecendo um anjo dormindo. - Kook disse sorrindo.

- Meu bem eu não pareço.. Eu sou. - Disse colocando um pedaço de torrada na boca. 

- Café da manhã? Querido, já são duas horas da tarde... - Tae disse se espreguiçando. - E eu ainda to morrendo de sono... Vou terminar aqui e voltar a domir... 

- Somos dois... - Eu disse. 

- Ta, mas quatro horas vocês vão me ajudar a arrumar aquela bagunça no gramado. - Tae disse tomando suco. 

~E foi o que aconteceu, na verdade só fomos domir eu e Tae mesmo e quando deu quatro horas começamos a arrumar tudo. 

~Em casa~

Estavamos deitado, eu e Jungkook em seu quarto ouvindo música, especificamente If you do Big Bang, era uma de minhas preferidas. 

"Se você

Se você

Se não for tarde demais

Não podemos voltar a ficar juntos?

Se você

Se você

Se você está sofrendo como eu sou

Não podemos tornar as coisas um pouco mais fáceis?"

 

Porque não poderia ser tudo um pouco muito fácil para nós, Junkook? 

- Amor... ? - Senti um arrepio percorrer pelo meu corpo. Ainda não tinha acostumado a ser chamado assim. - Me promete uma coisa? - Jungkook brincava com os fios de meus cabelos alaranjados. 

- O que seria? - Indaguei o encarando. 

- Me prometa que nunca vamos nos separar... Independente do que acontecer. Nunca vai me deixar... - Ele dizia com os olhos lacrimejados. - Nunca vai me abandonar, Jimin... Sempre vai estar ao meu lado. 

- Prometo amor.. Nunca vou te abandonar.. Jamais.. - Eu disse colocando minhas mãos em seu rosto e o beijando. - Você falando assim.. Até me assusta.. Parece que.. Alguma vai acontecer... - Sequei suas lágrimas que caia aos poucos. - Porque esta falando desse jeito amor? - Indaguei preocupado. 

- ... Eu tenho medo de te perder, Jimin... Quero que você saiba que não vivo mais sem você amor. - Ele selou nossos lábios. Iamos aprofundar o beijo mais um grito de minha mãe ecoou nos fazendo parar. Nos levantamos e descemos para a sala encontrando minha mãe e Robert. 

- Queria avisar que amanhã, eu e Robert vamos sair de viagem por duas semanas, vocês sabem que por conta de uns problemas não tivemos lua mel, então viajaremos amanhã para o Havaí. - Minha mãe disse alegre. 

- Espero que não destruam a casa nessas duas semanas.. - Robert sorriu. - E se comportem, hein... - Sorriu de uma forma meia travessa. 

- Vamos nos comportar. - Jungkook olhou pra mim sorrindo malicioso. O que me fez corar e dar um soco em seu braço. Ele riu. Sei bem porque minha mãe inventou essa viagem de duas semanas.

~Na escola - Intervalo~

Estavamos eu, Jin e Tae esperando nossos alfas vendo que a sala deles ainda não tinha sido liberada para o intervalo. Mas logo vimos os três vindo em nossa direção. Chegaram e nos deram um beijo sentando- se a mesa. Conversamos sobre coisas aleatórias quando vejo a vadia da festa de ontem vindo em nossa direção. Vinha acompanhada com mais duas meninas que reconheci sendo as que estavam agarradas ao Hobi e a Namjoon. 

- Temos que ver o que vamos fazer no trabalho querido Jungkookie... Temos duas semanas pra isso... Não se esqueça. - Ela dises sorrindo pra Jungkook que apenas fechou a cara e olhou pra mim que encarava o mesmo sem entender nada. Suas amigas cumprimentaram Hobi e Namjoon mordendo o lábio e eles responderam educamente mais o que fez com que Jin desse um tapa no braço de Nanjoom e que Tae desse um tapa na cabeça de Hobi. 

- Vaza daqui... Tão espalhando vermes... - Tae disse sorrindo. Akela olhou com ódio para mim e Tae e saiu andando. 

- O que ela quis dizer? - Indaguei. 

- É que.... Sabe amor.. Ela se transferiu pra manhã e venho bem pra nossa sala... E teve um maldito professor que colocou a gente como dupla pra um trabalho que vale a metade da nota. - Kook disse sorrindo sem graça. - Eu não pude fazer nada.. Você conhece bem o professor Takashi, ele nunca deixa agente mudar de dupla. 

- Affs.. Odeio esse professor, nunca me coloca com o Jimin.. Viado, ainda mando a alma dele direto aos aposentos de Hades. - Tae disse fazendo cara de mal. O que ainda o deixou fofo. 

- Você não vai pra casa dela. - Eu disse tomando o suco de laranja. 

- Mas amor.. Ela disse que se não for lá, não vai ter trabalho... E sabe como eu preciso ter notas boas... Não confia em mim? - Kook dizia me encarando sério. 

- Confio amor... Mas é ela que me preocupa. - Eu disse e ele me beijou. 

- Prometo fazer esse trabalho o mais rápido possível pra me livrar dela, tá? - Assenti. 

 

Mark Pov's

Ligação On

....

- E agora você está como dupla dele? Nem vou perguntar como conseguiu fazer isso.  - Disse a Akela. 

- Sim... Não vou deixar barato aquele tapa que aquele anão me deu... Ele arranjo a pior inimiga de todas. 

- Isso é perfeito... Mas lembre- se que eu não quero que aconteça nada ao Jimin, só quero qu estrague o relacionamento deles pra eu poder ficar com ele. 

- Affs.. Tudo bem... 

Ligação off. 

- Se isso não der certo, Jimin... Se você não pode ser meu, não vai ser de mais ninguém. 


Notas Finais


Joguei a bomba e sai correndo....
~Nada a comentar hueheueheuh deixo isso a critério de vcs <3

Bjjs e até o próximo capítulo suas LiamDas <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...