História Você foi moleque...! 2° temporada - Capítulo 140


Escrita por: ~

Postado
Categorias Carrossel
Personagens Adriano Ramos, Alícia Gusman, Bibi Smith, Carmen Carrilho, Cirilo Rivera, Daniel Zapata, Davi Rabinovich, Jaime Palillo, Jonas Pallilo, Jorge Cavalieri, Kokimoto Mishima, Laura Gianolli, Marcelina Guerra, Margarida Garcia, Maria Joaquina Medsen, Mário Ayala, Paulo Guerra, Valéria Ferreira
Tags Carmiel, Ciriquina, Jorgerida, Kobi, Lauriano, Marilina, Paulicia
Visualizações 100
Palavras 683
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Escolar, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi galerinha,boa leitura!

Capítulo 140 - Não me procura mais!


Ray povs on

Eu estava na escola esperando a Mari.

Mari:oiii! - Chegou junto com o Tiago.

Ray:oi... - Os dois estavam com um sorriso, que só faltava rasgar o rosto. - O que aconteceu? Que sorriso é esse?

Tiago: a gente tá namorando! - Só faltou pular.

Ray:sério? - Fiquei muito surpresa,e muito feliz. - Parabéns OTP! - Comemorei.

Mari:muito obrigada! - Me abraçou.

Ray:e o tio Dan? Disse o que?

Tiago:ele deixou,mas...

Ray:mas...?

Mari:quase matou o Tiago. - Sorriu.

Ray:até imagino... - Sorri também.

Tiago: isso não importa agora,o que importa é que essa garota aqui,é minha! - Abraçou ela.

Ray:agora a vela é enorme. - Revirei os olhos.

Mari:não, prometo que não.

Tiago: ei,não promete nada. Eu não sei se consigo, me segurar e não te agarrar.

Ray:meu Deus! Vou evitar ficar junto de vocês.

Mari:nem pense nisso...

Ray:de vela eu não fico!

Tiago:arranja um namorado.

Ray:você acha que um namorado se encontra em qualquer esquina?

Mari:sim...

Ray:pode até ser... Mas um que presta, não.

Tiago: tem razão. Mari,vamos ali! - Saiu puxando ela.

Ray:tchau...

Mari:TCHAU!

Pedro:o que faz aqui sozinha? - Sentou ao meu lado e perguntou.

Ray:cuidando da minha vida,porque não faz o mesmo?

Pedro: sempre amável, né? - Sentou ao meu lado.

Ray:fala logo o que você quer.

Pedro:nosso 2° encontro.

Ray:porque eu fui dizer isso, Jesus? Porque?

Pedro:não sei... Mas disse, agora cumpra.

Ray:e eu vou. - Revirei os olhos. - Vamos onde hoje?

Pedro:cinema?

Ray:de novo?

Pedro:sim. Mas hoje,o filme é de comédia.

Ray:menos mal. Aquele daquele dia,era uma grande bosta.

Pedro:eu tenho que concordar.

Ray:que horas?

Pedro:20:30. Beleza?

Ray:ok... - Levantei.

Pedro:já vai?

Ray:já tocou,querido. Tá surdo?

Pedro:nossa... - Se fez de ofendido. - Vamos. - Fomos pra sala.

Prof:tenho um trabalhinho pra vocês. De casa.

Pedro:ah não. Pelo amor.

Prof:ah sim. Vai ser em duplas,as mesmas. E dessa vez, faça o trabalho,viu Pedro?

Pedro:ok...

Helena: vou dizer aqui os temas. - Começou a falar.

Off

Tiago povs on

Tiago:as mesmas duplas,significa... Eu e você, princesa!

Mari:verdade. - Sorriu.

Tiago: na minha casa,ou na sua?

Mari:pode ser na sua? Porque o meu irmão vai fazer com a Ray,lá em casa.

Tiago:pode sim. - Sorri. - Depois a gente pode até namorar um pouquinho. - Abracei ela de lado.

Mari:depois do trabalho,sim.

Tiago:você é muito sem graça, princesa! - Beijei ela.

Mari:sou não.

Tiago: só um pouquinho. - Começou a sorrir.

Mari:tem razão.

Tiago:seu sorriso é lindo! - Acariciei seu rosto.

Mari: eu sei,eu sei...

Tiago: nem é convencida,né? - Sorri.

Mari:como eu disse,só um pouquinho.

Tiago:bom,pode ir,eu vou tá te esperando.

Mari:beleza... - Ia saindo.

Tiago:meu beijo,cadê?

Mari: hmmm. - Me deu um selinho.

Tiago: tchau!

Mari:tchau! - Ela saiu. E fui embora.

Off

Quebra de tempo...

Ray povs on

Eu fui fazer o trabalho na casa do Pedro.

Pedro:até que enfim. - Falou impaciente.

Ray:eu demorei tanto assim? - Sentei nl sofá.

Pedro:nem senta,porque vamos fazer lá no meu quarto. - Eu levantei. - E sim,demorou muito.

Ray:vamos começar?

Pedro:vamos.

Ray:já tem uma noção do que é pra fazer?

Pedro:sim...

Ray:então, pode começar.

Pedro: pensei que era você...

Ray:Pedro,ou a gente faz uma pesquisa teórica,ou a gente canta. A escolha é nossa.

Pedro:você prefere?

Ray:pra mim não faz diferença.

Pedro:então, pode cantar?

Ray:pode... Mas vamos entrar em um consenso sobre a música.

Pedro: podíamos cantar um rock.

Ray:não. Não gosto muito.

Pedro:alguma sugestão?

Ray:sertanejo? Pop?

Pedro:pode ser,é só escolher a música.

Ray:vamos pesquisar aqui no google. - Comecei a pesquisar.

Pedro:o que você acha do namoro da minha irmã, e do moleque lá?

Ray:do Tiago?

Pedro:sim.

Ray:acho bom. Eles sempre se gostaram.

Pedro:mas,cê sabe que vai ficar de lado, né?

Ray:um pouco.

Pedro:então,você podia me ajudar.

Ray:ajudar? Ajudar com o quê?

Pedro:a separar eles dois.

Ray:você pirou,né? - Levantei com raiva. - Lógico que não, seu burro.

Pedro:então, prefere ficar de escanteio?

Ray:escuta bem,prefiro sim,ficar de escanteio. Não vou deixar você acabar o namoro deles. E nem me procura mais. Nada de encontros com você. Só me procure se for sobre o trabalho. - Sai da casa dele.

Esse garoto é doente!

Off


Notas Finais


Até...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...