História Você foi moleque...! 2° temporada - Capítulo 112


Escrita por: ~

Postado
Categorias Carrossel
Personagens Adriano Ramos, Alícia Gusman, Bibi Smith, Carmen Carrilho, Cirilo Rivera, Daniel Zapata, Davi Rabinovich, Jaime Palillo, Jonas Pallilo, Jorge Cavalieri, Kokimoto Mishima, Laura Gianolli, Marcelina Guerra, Margarida Garcia, Maria Joaquina Medsen, Mário Ayala, Paulo Guerra, Valéria Ferreira
Tags Carmiel, Ciriquina, Jorgerida, Kobi, Lauriano, Marilina, Paulicia
Visualizações 123
Palavras 916
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Escolar, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi galerinha, tudo bom? Boa leitura!

Capítulo 112 - Jantar!


Marga povs on

Eu fui tentar convencer o meu pai.

Marga:pai,eu quero conversar com o senhor.

Manoel:não posso,tenho um jantar importante.

Marga:pra variar!

Manoel:acho bom você ir se arrumar,porque é aqui. E é daqui a pouco.

Marga:sério?

Manoel:sim! Vai logo!

Marga:okay! - Fui pro meu quarto.

Ele podia ter me avisado antes...

Quebra de tempo...

1 hora depois...

Agora eu estou pronta. Mas não vou descer agora.

Luiza: Margarida, filha! - Me chamou.

Marga:oi,mãe!

Luiza: já chegaram, pode descer!

Marga:ok! Deixa só eu retocar o meu bantom.

Luiza: te espero lá em baixo! - Saiu.

Droga, não gostei desse sapato vou trocar.

Eu me abaixei pra trocar de sapato, até sentir mãos na minha cintura.

Xxx:que visão, assim você mata o pai aqui! - Eu apenas me virei,e bati nele.

Marga:me solta! Quem deixou você entrar? - Perguntei com raiva,até perceber que era o Jorge.

Jorge: não precisa me bater! Eu já vi muito mais do que a calcinha!

Marga:o que você tá fazendo aqui?

Jorge:meu pai veio pra um jantar de negócios junto com o seu. Então,eu tive que vir. - Explicou. - E você por que está tão gostosa?

Marga:jantar também! - Sorri.

Jorge:chega fiquei excitado!

Marga:deixa de fogo!

Jorge:parei! Vamos descer?

Marga:vamos! - Descemos juntos.

Jorge:eu já conversei com o meu pai.

Marga:e ai?

Jorge:ele disse que se o tio João, e o tio Manoel aceitarem, ele aceita também.

Marga:ótimo!

Manoel: já estava na hora!

Jorge/Marga:boa noite!

Manoel: além da gente,também vão jantar o meu outro sócio. Ele se chama Anderson,e o filho dele,Justin.

Jorge:prazer! - Apertou a mão deles.

Marga:prazer! - O Anderson apertou minha mão, e o Justin beijo ela.

Justin:o prazer é todo meu! - Sorriu pra mim.

Manoel:podem sentar! - Sentamos todos a mesa. - Vamos comer,depois conversamos! - Então, tofos jantamos.

Anderson: sua filha é muito educada!

Marga:obrigada! - Sorri.

Justin:e muito linda também! - Sorriu e piscou pra mim.

Alberto: todos temos que concordar com isso. - Sorriu também.

Anderson: Jorge,você pensa em seguir os passos do pai?

Jorge: ainda não tenho muita noção disso.

Manoel:e você Justin,pretende?

Justin:pretendo sim!

Manoel:nós vamos pro escritório, podem conversar! - Foram pro escritório, e as nossa mães foram pra cozinha.

Justin: então, Margarida - Sentou ao meu lado. - Você estuda em que escola?

Marga:mundial,e você?

Justin: na xxxxxxxxx!

Marga:já ouvi falar,deve ser bem legal.

Justin:e é mesmo. - O Jorge só observava com a cara fechada. - Você é tão linda! - Foi chegando mais perto. - Eu e você daria super certo! - Eu me afastei dele.

Marga:eu... - Os nossos pais voltaram.

Manoel:voltamos! Então,tudo bem?

Justin: tudo bem! Eu tava aqui conversando com a Margarida.

Alberto: e você, Jorge?

Jorge:eu tô ótimo! - Falou com a cara fechada, ainda.

Justin:eu estava dizendo a ela que nós dois formamos um belo casal.

Jorge:pena que ela tem namorado! - Sentou ao meu lado.

Justin:jura? Nem tô vendo ele aqui! - Provocou.

O Jorge virou pra mim,colocou a mão na minha cintura, deu um puxão no meu cabelo, e me beijou. E que beijo! Eu pensei que ele ia arrancar a minha língua, era maravilhoso.

Jorge:viu o namorado dela aqui?

Justin: você é o namorado dela?

Jorge:não, sou o pediatra! Lógico que sou o namorado dela!

Justin: desculpa!

Jorge: desculpado!

Manoel:já fechamos tudo,então tenham uma boa noite! - Eles saíram.

Alberto: que cena foi aquela,Jorge? - Perguntou sério.

Jorge:foi só um beijo!

Alberto: precisava daquilo tudo?

Jorge:ele estava cantando a minha namorada a muito tempo. Eu já estava com muita raiva.

Marga:estava tão vermelho,parecia que ia explodir!

Manoel:por um lado ele te razão. Ver a namorada ser cantada,é muito ruim.

Jorge:eu não aguentei.

Marga:mudando de assunto... Pai, podemos conversar agora?

Manoel:sobre?

Marga:o senhor sabe que... - Expliquei toda a situação pra ele. - Então, o senhor concorda que ele fique?

Manoel:por mim tudo bem! É só com o João agora!

Jorge: é só a o Dan falar com o pai dele.

Alberto: espero que dê certo.

Jorge:eu também!

Marga:pai,o Jorge pode dormir aqui?

Manoel:pra que?

Marga:oush... Pra ficar comigo!

Manoel:sei...

Marga:o senhor já deve imaginar que eu e o Jorge já fizemos amor,né?

Manoel:COMO É?!? - Pulou do sofá.

Marga:que eu e o Jorge fizemos...

Manoel:eu já entendi! - Me interrompeu. - Vocês são muito jovens.

Alberto: vocês se preveniram,né?

Jorge:sim! Sempre usamos camisinha.

Manoel:menos mal! - Suspirou. - E você, Luiza, sabia disso?

Luiza:não, ela não me falou nada.

Marga:eu só contei pras minhas amigas!

Manoel:espero que vocês dois sempre se cuidem!

Jorge:e vamos sempre ter cuidado!

Marga:ele pode dormir, ou não?

Manoel:pode!

Marga:então, vamos Jorge!

Jorge: tchau,boa noite!

Marga:tchau,boa noite! - Subimos.

Off

Quebra de tempo...

Escola mundial...

Giih povs on

A cada dia estamos mais próximos do final do ano. E isso me assusta! E muito!

Jai:amor,tá tão calada! Pensando em que?

Giih:em nada!

Jai:fala logo!

Giih:estamos chegando mais perto do fim de ano.

Jai:verdade! Isso me deixa muito triste.

Giih:eu também tô super triste. Mas eu não posso fazer nada.

Jai:nem eu! - Derrubou uma lágrima. - Eu queria passar o resto da minha vida junto com você, mas tá difícil!

Giih:muito difícil! Não sei porquê isso tinha que acontecer!

Jai:nem eu. Tem coisas que não sabemos o porque,ou a resposta.

Giih:talvez seja melhor aproveitar,por enquanto...

Jai:deve ser...

Giih:é... - Eu olhei pra ele,e ele me olhou.

Jai:eu te amo! - Acariciou o meu rosto.

Giih: eu também te amo! - Beijei ele.

Eu não queria que as coisas acabassem assim... Mas fazer o que, né?

Off




Notas Finais


Até...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...