História Você me apareceu - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Monsta X
Personagens Hyung Won, I'M, Joo Heon, Ki Hyun, Min Hyuk, Show Nu, Won Ho
Tags Jooheon, Monsta X
Visualizações 20
Palavras 1.530
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Me perdoem a demora.
Perdi meu Vô recentemente:(
Por isso n postei nem escrevi nada.
Mas ta ai espero que gostem.

Capítulo 6 - Se acostume!


Fanfic / Fanfiction Você me apareceu - Capítulo 6 - Se acostume!


Pv S/N

Ja se passaram algums meses, Jooheon e eu nos aproximamos muito. 

Ele ja disse que queria namorar comigo, mas que por enquanto seria escondido, pois ainda nao foram liberados para namorar.


Com esse tempo minhas aulas começaram, mas eu sempre tenho tempo as noites e os finais de semana.


Jooheon vem aqui em casa todo sabado quando possível.


Se nós ja transamos? Não(triste kkkk). Isso quase aconteceu ontem. Mas na hora eu fiqui muito nervosa. Boba mesmo.


Ele apenas riu e me abraçou.


Ele disse que ira no meu tempo,que nao e pra ter presa em nada. Com isso eu vi que estou apaixonada por ele.

Hoje e sábado, ele vira aqui as 9h. Meio tarde ne? Rsrs, mas e a hora que ele pode vir. Eu deixei a chave reserva com ele, ja que nos estamos juntos.


Vou ate a cozinha e começo a fazer o jantar. Meu telefone toca e eu atendo ser ver quem e.


Ligação on

-Alo?-eu falo mechendo nas panelas.

-Oi meu bem-era Jooheon, dei um leve sorriso-Ja estou chegando.

-Esta bem-digo sorrindo, apesar dele nao poder ver-estou fazendo um lamen para a janta. Quando chegar ja pode entrar, estou na cozinha.

-Esta bem, estou quase ai-ele disse e desligo.

Ligação off


Coloquei o celular em cima do balcão e voltei a mecher com as panelas. Uns minutos depois escuto o barulho da porta, deve ser Jooheon.


Continuei onde estava, destampei a panela e mechi o lamen. Sinto braços envolvendo minha cintura e depositando um beijo em meu pescoço, me arrepiei toda.

-Você sempre faz isso-digo rindo.

-Eu gosto de fazer isso-disse Jooheon rindo-você se arrepia muito facil-ele diz e da outro beijo, me arrepiando novamente.

-Não e facil-digo rindo-e que beijo no pescoço e meio-mechi as mãos-sei la-digo e dou de ombros.

-E meio excitante-ele diz proximo ao meu ouvido e me arrepio novamente ele ri.

-Jooheon-digo dando um tapa em seu braço e abaixando a cabeça com vergonha- Você esta muito assanhado ultimamente-digo rindo.

-Descupa-ele diz rindo e me vira de frente pra ele- Vo faze isso mais não-ele diz e me da um beijo na testa e logo depois um selinho. Fiquei surpesa, tampei meu rosto rapido- Você e muito boba.

-Não sou boba- digo olhando em seus olhos e ele sorri-voce me pegou de surpresa.

-Nhaa-ele ri- Você devia acostumar, ate porque ja tem um mês que faço isso-nos rimos- E nos quase fizemos aquilo ontem-ele diz sorrindo malicioso, corei na hora e tampei meu rosto-Essa sua inocência me comove-ele diz rindo e tira minhas mãos do meu rosto-Boba-ele me da um selinho.

-Bobo-digo o abraçando e ele me da um beijo na testa-Vamos comer?-digo e ele acenti, lhe dou um selinho rapido e pego os pratos. Coloco para nos comemos e logo terminamos.

-Nossa-ele disse quando término de comer-Estava muito bom amor-ele disse e sorri.

-Você esta sempre me chamando assim-digo rindo-e obrigada.

-Eu chamo porque e meu amor-ele sorri levanta e me da um beijo na testa- Termino de comer?-ele pergunta e acenti-vou lavar isso-ele pega os pratos.

-Obrigada amor-digo e ele sorri, suas covinhas aparecem- e muito fofo mesmo em-digo apertando as bochechas dele.

-Você nao pode falar nada-ele diz rindo e apontando pra minha covinha-Vou arrumar isso logo.

Ele lavou os pratos, a panela, os talheres e os copos.


Ficamos deitados vendo filme, ele pega o celular e ve que ja são quase 10horas.


Ele joga o celular pro lado e me deita no sofa, ficando por cima de mim e entre minhas pernas. Ele vem me dando beijos no pescoço, acabo me arrepiando.

-Jooheon-minha voz saiu pessada-o que esta fazendo?-ele não diz nada, apenas sobe os beijos ate minha boca. Não vou negar estava adorando aquilo. Ele pede passagem com a língua e eu permito.


Nossas linguas dançavam suavimente. Sinto meu corpo arrepiar quando a mao de Jooheon vai ate minha bunda e a aperta. Solto um suspiro.


Estava louca pra fazer aquilo, mas ainda estava com medo de tudo.

-Jooheon-suspirei e ele me olhou-Por favor, seja carinhoso-ele me olhou e sorriu.

-Sempre-ele disse e voltou a me beijar.

Sinto minha blusa ser retirada,meu coração acelero, ele percebeu isso e me deu alguns beijos no pescoço, ele logo tira sua blusa também, e meu Deus, que corpo lindo, por mais que ele nao tenho aquela barriga definida, ele e lindo. Dei um sorriso com a visão e ele sorri de volta. Ele volta a me beijar e suas mãos vai parar em meus seios ainda cobertos pelo sutiã. Ele dava leves apertoes que me exitavam muito.


Ele desce os beijos ate proximo ao meus seios. Leva uma das mãos ate a parte de tras do sutia e o desbotoa. Retiro meu sutiã e ele sorri, e eu? Virei um pimentão.

-Você e linda amor! Nao fique com vergonha-Ele disse e logo começou a beijar o bico do meu seio. Puta que pariu, eu quase morri. Meu corpo todo se arrepiou com o contato de sua lingua em meu seio e seus chupoes.


Uma de suas mãos desceram até a parte de cima da minha calça de pijama, logo entrando e massagendo meu clitóris por cima da calcinha.


Solto alguns gemidos baixos e aperto seu braço.


Ele para de seus chupoes em meu seio e percebi que sua respiração estava acelerada.


Ele logo retira minha calça junto a calcinha e o que me fez ficar um pouco nervosa. Ele tirou sua calça ficando so de cueca. Nos estamos na sala. Por mais que eu queira isso. Nao quero fazer isso aqui.

-Jooheon, vamos pro quarto-digo manhosa ele logo me pega no colo e vai caminhando ate o quarto me dando beijos no pescoço.

Logo ele chega no mesmo e entra, me coloca na cama e começa um beijo lento, mas cheio de prazer.


Sinto seu membro passar em minha intimidade, o que me fez soltar um gemido, que foi abafado por seus beijos.


Ele logo desce seus beijos, chegando proximo a minha virilha, ele abre minhas pernas bem devagar e começa a dar leves beijos em meu clitóris, me fazendo arquear as costas e soltar alguns gemidos.


Ele logo da leves chupoes e mordidas nessa parte e sinto seus dedos passearem sobre minha entrada.


Soltei um leve grito misturado com um gemido, pois senti seus dedos me penetrando devagar e logo outro.


Jooheon começa a movimentar seus dedos, o que doeu um pouco. Mas logo e suportável.


Enquando mechia os dedos ele chupava meu clitóris. O que me causou uma sensação gostosa. Acabei gozando em seus dedos.


Ele levanta chupando os dedos e logo começa ame beijar novamente.


Ele retira sua cueca, fiz o máximo de esforço para não olhar para seu membro, no qual falhei.


Quando olhei senti minha intimidade pulsar.


Jooheon começou a fazer movimentos de vai-e-vem com as maos em seu menbro, e logo volta a me estimular.


Sinto um liquido em minha intimidade.

-Ja esta molhadinha baby-Jooheon disse com a voz rouca em meu ouvido,me causando um arrepio. Ele colocou a camisinha e pegou minhas mãos e levou ate suas costas- Se doer, porque doi um pouco, vc desconta em mim, esta bem?-ele olhou no fundo dos meus olhos, eu acenti com a cabeça-fica tranquila, como voce sempre fala,"minha mae diz que e so ir com carinho" ele riu e eu também, fiquei um pouco tranquila-Pronta?-ele disse posicionando seu membro na minha entrada, eu apenas acenti e fechei os olhos.

Ele começou a me penetrar bem devagar, puta merda, como essa poha doi, eu pensei, fiz um careta linda e abri a boca. Arranhando de leve suas costas. Lagrimas corriam em meu rosto.


Jooheon levo uma das mãos até meu rosto e secou minhas lagrimas.

-Calma, ja ta acabando-ele disse pessado, achei que essa merda ja tinha entrado tudo kkkkk- Você e muito apertada-ele logou penetrou tudo, eu tava quase morrendo, sontei um gemido, de dor misturado com prazer.


Logo que ja tinha acostumado com aquilo, dei sinal. Ele começou a se mecher bem devagar, doeu um pouco, mas logo foi mudando para prazer.


Jooheon se movimentava devagar mas indo fundo, senti uma sensação estranha no meu útero.


Logo ele vai acelerando os movimentos. Aperto meus olhos e abro minha boca em um formato de "o" gemendo um pouco alto.


Nossas intimidades se chocavam fazendo um barulho que me deixava mais excitada.

-Aah-soltei um suspiro-Jooheon-gemi seu nome.


-Diga-ele respondeu ainda se movimentando.

-Esta doendo-eu disse e ele foi desacelerando.

-Vou devagar-ele começou a dar estocadas fundas, mas devagar. Sinto meu interior se contrai e meu corpo todo se arrepiar-Você esta quase-ele disse e começou a ir um pouco mais rápido.

Seus movimentos eram fundos e rapidos. Senti meu corpo se estemeçer. Acabei gozando.


Jooheon ainda não havia chegado, ele se mecheu mais rápido e com algumas estocadas ele chegou ao seu limite.


Ele se retirou de dentro me mim, meu corpo se arrepiou na hora. Ele tirou a camisinha a amarrou e a jogou na lixeira do quarto.


Se deitou ofegante ao meu lado, me olhou sorrindo.

-Eu te amo-eu o olhei seria mas acabei sorrindo.

-Eu também te amo-ele deu um sorriso tão lindo.

Ele me puxou pra mais perto e me abraçou. Ele ne pegou no colo e nos tomamos banho.


Ja era quase meia noite.


Ele me deu um beijo, bem calmo e foi embora. Pois haviam ligado pra ele.


Me deitei na cama e acabei dormindo pensando nessa noite.


Notas Finais


Espero que tenham gostado😏❤
Beijo na bunda

Fuui


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...