História Você mudou minha vida - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bleach
Personagens Ichigo Kurosaki, Karin Kurosaki, Masaki Kurosaki, Orihime Inoue, Personagens Originais, Renji Abarai, Rukia Kuchiki, Urahara Kisuke
Tags Bleach, Drama, Ichiruki, Revelaçoes, Romance
Exibições 87
Palavras 1.042
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi e oi pessoas mais um capítulo.
Boa leitura!

Capítulo 6 - Similar


Fanfic / Fanfiction Você mudou minha vida - Capítulo 6 - Similar

-Vamos ver !- corro até ele que abrir um pequeno sorriso nos lábios.

-Desse jeito você vai perde muito rápido – disse ele que passar ao meu lado rapidamente.

Logo sinto uma enorme dor na barriga que coloco a mão. Sinto o sangue escorrer. Não acredito que fui cortado.

-Você está bem ichigo?- pergunta Renji de costas pra me. 

Eu percebe irônica em sua voz maldita.

- seu...- Me vira olhando sério pra ele.

-Não consegue perceber? Neste momento eu sou mais forte que você é não tem como você me vencer – Renji novamente direciona sua espada na minha direção – Agora... você vai desistir?

Seguro a espada com as duas mãos e abro sorriso que intriga ele.

-E claro que não desistir por causa de uma ferida dessas- falo sério vendo ele ficar um pouco surpreso – A luta de verdade começa agora.

-Maldito – Renji cerra os dentes de raiva – eu vou te corta até você não consegue andar.

-vamos ver – falo já vendo ele ir na minha direção correndo.

Eu apenas fecho os olhos. Ouço a voz de desespero de Rukia chamando pelo meu nome. Não sei porque essa idiota está desse jeito. Eu não vou perde, porque eu não.

Abro meus olhos e eu apenas desvio do golpe de Renji e rapidamente com uma velocidade incrível acerto golpe misericordioso no seu braço que sai sangue com o corte. Rapidamente ele se afasta de me.

-Não acredito – Renji coloca a mão sobre o braço que sair grande quantidade de sangue.

- Eu não quero – digo sentindo algo fora do comum dentro de me – eu não quero, eu não quero, eu não quero perde.

-Ichigo!- Rukia chama por que já olho pra ela.

Rukia arregalar os olhos e coloca a mão sobre a boca. Pelo sinal ela está surpresa com alguma coisa.

-Renji, desista de lutar – Rukia olhar sério pra ele – Se você continuar a lutar, você será morto.

-eu não me importo!- Renji se alevanta novamente em minha direção.

Rukia aproxima de me e segura minha mão. Ela olha em meus olhos  e implora pra eu desistir de lutar.

-Rukia...- falo algo diferente dentro de me desaparece.

-Vamos voltar pra casa?- pergunta Rukia olhando diretamente em meus olhos.

-Mas ele...- olho pro Renji que ainda direciona a espada na minha direção – ele vai querer de novo querer tira você de me.

-Ele não vai – disse Rukia me  surpreendendo – ele está com medo, não consegue perceber? 

Novamente olho pro Renji e logo percebe que ele está tremendo de medo. Mas porque ter medo logo de me? Eu apenas cortei seu braço. Não é nada demais. 

-Ichigo...- Rukia coloca a mão sobre meu rosto – vamos voltar?

Não tenho outra escolha.

-Sim...- Abro um sorriso.

Nos dois fumos embora de mãos dadas, Renji não nos impediu. Parece que ele finalmente percebeu sua derrota.

      __________________________________

Quando vence a batalha contra Renji. Algo me incomodou. Foi a expressão de Rukia quando olhou pro meu rosto. 

-Rukia, porque você ficou tão surpresa quando olhou pro meu rosto?- pergunto deitado ao lado dela.

-Você estáva sendo diferente, a sua aura mudou. Eu e Renji percebemos que se você continuar a lutar, ichigo não seria ichigo – responde ela ficando por cima de me – ah, certas coisas que você precisa controla.

-Controla o quê?- pergunto olhando diretamente em seus olhos.

-Existe algo dentro que você que não do bem. A sua existência e uma ameaça pra nós Shinigami – responde ela que coloca a mão sobre meu rosto – mas pra me você não é uma ameaça.

-O que tem dentro de me pode proteger minha família?- pergunto vendo ela abrir um pequeno sorriso. 

-Se você conseguir controla – responde ela.

-Você me ajuda a controla?- pergunta ichigo.

-Difícil...mas eu conheço alguém que poderá ajuda-lo. Amanhã vamos até ele – responde ela.

-Ok...-Abro um sorriso.

-O que acha de fazer coisas divertidas agora?- pergunta ela fazendo eu cora.

-Lá vem você com esse olhar – falo já nervoso.

-Não gosta?- pergunta Rukia meio surpresa.

 -Não é isso – responde virando a cara.

-Então o quê? – pergunta ela.

-Não é nada. Vamos dormir – falo vendo ela fazer uma cara de desapontamento.

-Ichigo...-Rukia me chama e eu apenas fecho os olhos – Você está sendo muito malvado comigo.

Eu nada respondo e ela encosta sua testa contra a minha. Abro meus olhos e vejo ela coloca suas mãos contra meu rosto.

-eu fiquei com medo de lhe perder – fala ela me surpreendendo – por isso eu resolve que vou aproveitar o tempo que passarei sozinha com você. Por favor, não seja malvado comigo.

-eu não estou sendo malvado – falo vendo ela olha surpreso pra me – eu apenas estou com vergonha...não estou acostumado com esse tipo de coisa. Você tem sempre um jeito de constranger...

-Você não gosta?- pergunta ela.

-Não...isso me deixa feliz – responde sentindo meu rosto esquenta – De qualquer maneira, nesses dias que estou passando com você, nada se compara com a minha vida antiga de antes. Pensando melhor, você mudou minha vida.

-Ichigo...-Rukia retira sua testa sobre a minha e depois começa me olha nos olhos-  obrigado por me deixa ao seu lado.

-Não...- Coloco minha mão sobre seu rosto – sou eu que agradeço por você aparece na minha vida. Obrigado por vir até no passado pra me salva. Obrigado por isso Rukia.

-Ichigo...- disse ela corada.

Com a mão faço ela se abaixar. O seu corpo fica contra o meu e o rosto dela vai diretamente na minha direção. Os lábios dela tocar contra o meu. Eu a beijei até falta ar no meus pulmões.

-Rukia...- falo que depois abraço ela – Não saia do meu lado, por favor. 

-eu não sairei, mesmo que você perdir--se – fala Rukia fazendo eu abrir um sorriso.

-baka...- falo ouvindo ela dar uma pequena risada.

No outro dia, acordei sendo acordado pelo meu pai estúpido que me derruba da cama. 

-Pai estúpido!- grito já com raiva.

-Já está na hora de acorda – disse ele sério.

Odeio quando ele faz isso comigo. Me alevanto do chão e mando ele sair do meu quarto.

-Ei, quem era aquela garota ontem ao seu lado?- pergunta ele me surpreendendo – eu vir ela saindo hoje de manhã com um expressão de preocupada. Em alguns ternos, ela se parece um pouco com sua mãe. Não acha?

-Pai....- sussurrei surpreso.

 

Continua...


Notas Finais


Se quiserés favorita e comenta pra dar aquela ajudinha na história, eu agradeceria muito. Qualquer erro gomem, até o próximo capítulo.
Kissus da Suki.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...