História Você será Minha - Jimin&Jin - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Lisa, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Hentai, Hoseok, Jimin, Jin, Jungkook, K-pop, Lisa, Nanjoon, Tae
Visualizações 281
Palavras 1.097
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hoje eu estava inspirada então trouxe um capítulo extra para vocês meus amores.

Espero que gostem e não se esqueça de comentar que trago o próximo capítulo mais rápido possível ❤️💖😍

Capítulo 9 - Estacionamento part. 2


Fanfic / Fanfiction Você será Minha - Jimin&Jin - Capítulo 9 - Estacionamento part. 2

 Eu estava sentada no colo de Jin no intervalo,  estávamos conversando sobre o trabalho que ele teria que fazer para seu professor, Jin estava cursando direito, ele queria assumir o escritório de advocacia de seu pai futuramente. Derepente eu ouso meu celular apitar, e levanto do colo de Jin rapidamente quando vejo que a mensagem era de Jimin.

Jimin: Estou no estacionamento, venha até aqui preciso te ver.

__ Quem é bebe? __ Disse Jin olhando me com uma cara disconfiada 

__  É-éeh da escola de Tae. __ eu disse a primeira mentira que  veio na minha  cabeça. 

Eu: Não quero Jimin, e pare de me encher o meu saco.

Jimin: É sério Alisson eu preciso te ver, se você não sair e vim aqui agora eu serei obrigado a contar para Jin sobre nossa noite

Eu sabia que Jimin algum momento iria me chantagiar e parece que esse dia e hoje. 

__ Jin eu preciso sair e fazer uma ligação para meu pai. __

__ Aconteceu alguma coisa com seu irmão  ? __ Meu anjinho disse com uma afeição preocupada 

__ Esta tudo bem, não se preocupe  meu amor, nos vemos depois okey? __ eu disse dando um selinho em seus sábios e me afastando. 

__ Okey, pequena, não se esqueça que vamos sair hoje a noite. __ ele disse enquanto eu já me afastava. 

[...]

Fui até o estacionamento, Jimin estava dentro daquele carro que ele usava no dia que nos conhecemos. Ele estava sentado com a cabeça encostada no volante, cheguei e bati no vidro do carro.

Ele abaixou o vidro e seus olhos estavam vermelhos, será que Park Jimin estava chorando? 

__ Achei que esse carro não era seu. __ eu disse cruzando os braços 

__ E não é, ele e do meu padastro, entre aqui. 

Eu fui em direção a outra porta do carro e entrei. 

__  Então aquela casa... __  Fui interompida. 

__ Tbm é do meu padastro. __ Ele disse sério 

__ Hum, provavelmente o que é dele também é  seu... Sobre o que você quer conversar __ eu disse indiferente.

__ Alisson meu padastro acabou de chegar de viagem e tive uma discussão com ele. Eu não sabia com quem conversar, você é a única pessoa nessa cidade que confio. __ Ele disse abaixando sua cabeça e eu pude ver seus olhos encher de lágrimas 

__ Jimin... Você não devia brigar com seu padastro. __ Eu disse sendo madura com a situação. 

__  Não! você também não pode ficar contra mim! __  Jimin me encarou com suas lágrimas escorrendo. 

__ Esta tudo bem Jimin, eu estou aqui do seu lado. __ eu fiquei com dó de Jimin, levantei minhas mãos e sequei suas lágrimas. 

__ Alisson... __ Jimin colocou suas mãos sobre as minhas que ainda estavam em seu rosto. 

Eu tentei retirar minhas mãos do rosto dele mais foi inútil, e ele as segurou e me puxou para mais perto, colocou minha franja para trás da orelha e passou as suas pequenas e quentes mãos pele meu rosto.

Eu queria resistir a ele, mais ele estava tão magoado e triste, eu queria consola-lo, não queria ver ele chorando.

__ Jimin, pare você sabe que eu voltei com Jin não devemos. __ eu disse com a voz manhosa e fechando os olhos. 

__ Por favor Alisson eu preciso de você, preciso de você nesse momento. __ Ele disse colando levemente seus lábios aos meus.

Jimin pediu passagem com sua língua e eu cedi, eu não queria, mais ele estava tão frágil que eu não suportei. O nosso beijo tinha um gosto salgado por causa das lágrimas de Jimin, eu coloquei meus braços envolta do pescoço dele e ele me puxou pela cintura, me colocando em seu colo de frente para ele, por pouco eu não bato minha  cabeça no teto do carro. O que era  um beijo suave  se transformou em um beijo intenso em poucos segundos. Jimin segurou firme em meus cabelos puxando os para trás e desceu seu beijo para meu pescoço e logo em seguida em meus seios por cima da minha regata branca. Não resisti e soltei um leve gemido

__ Aaah, Jimin...

Jimin parou de me beijar e encarou meu rosto, eu senti meu rosto queimar de vergonha.

__ Você não sabe como e excitante ouvir você gemer meu nome. __ Disse com seu sorriso atrevido. 

__ Cala a boca e me beija __ eu o agarrei de volta, eu já podia sentir sua ereção através de sua calça preta apertada.

Jimin colocou suas mãos por baixo da minha regata e acariciou meus seios, intuitivamente eu apertei seus ombros com força e ele arfou durante o beijo.  

Eu sabia que não devia estar fazendo aquilo,  mais Jimin era totalmente viciante, o calor nos envolvia e nos deixava ofegantes naquele carro abafado. Sem perceber eu estava me esfregando sobre seu membro totalmente duro enquanto ele apertava  minha coxa  perto de mais  da verinha,  e com a outra mão segurava em minha cintura. Na quele momento eu era uma mulher maleável, ele poderia me moldar do jeito que quisesse. 

Tudo que eu queria naquele momento era tê-lo mais e mais perto, o tesão dominava meu corpo, parecia que seria impossível apagar aquele fogo, eu estava faminta por ele.

 Eu passei minhas mãos por debaixo da camisa preta que ele estava vestindo e senti seu abdômen totalmente definido, mais eu não estava satisfeita apenas com aquilo, então tirei sua camisa, e percorri com meus olhos a aquela maravilha a minha frente eu tinha esquecido como o corpo de Jimin era sexy e quente.

 Ele levantou um pouco meus braços até onde dava, pois o teto do carro nos impedia um  pouco,  tirou minhas blusa suavemente passando de propósito os dedos pelas minhas costelas fazendo eu ficar arrepiada enquanto ele a tirava. 

 Minha langeri preta estava a mostra, ele observou meu seios cobertos por alguns segundos com uma cara de safado, assim que saiu de seu transe me abraçou, fazendo eu roçar meus seios nele, ele percorre suas mãos até o fecho do sutiã, eu arranhei suas  costas  quando sintindo o prazer do toque dele em minhas costas, ele se separou de mim, observou meus seios e os acariciou. Em fração de segundos Jimin abocanhou​ um de meus seios e o outro ele apertava suavemente,com suas macias mãos. Ele passava a língua em meus bicos enrijecidos me fazendo morder meus lábios para não soltar um gemido de prazer. Ele estava sendo tão sensível não tinha pressa em me tocar, ele estava parecendo... parecendo Jin na cama...

__ Pare! Pare Jimin!.


Notas Finais


Uau, a Alisson não consegue resistir aos toques de Jimin as vezes...

Espero que tenham gostado, não se esqueça de comentar, pois é importante para mim e me ajuda a ficar animada para escreve o próximo capítulo! 💋💋💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...