História Você veio, Baekhyun - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, D.O
Tags Baeksoo, Fantasia, Soobaek
Visualizações 105
Palavras 400
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drabble, Shonen-Ai

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


perceberam como eu amo baeksoo? Pois é, acabei de achar mais uma baeksoo aqui no computer e estou aaaaa triste demais kkk :(

baeksoo tão lindinhos aaa

Capítulo 1 - Baekhyun quer bolo


Era o aniversário de Kyungsoo. Ele estava empolgado, afinal, 6 aninhos significaria uma nova fase para sua vida. Preparou os convites junto com a sua mamãe e deixou no correio, preparou os chapeuzinhos de festa, os confetes, preparou a sua fantasia de cowboy e esperou que os convidados viessem.

18 horas, ninguém havia aparecido. Tudo bem, ninguém chega nos lugares com tanta pontualidade.

18 horas e 26 minutos, nada ainda. A mãe de Kyungsoo já estava ficando um pouco preocupada, ninguém havia chegado ainda, Kyungsoo já estava com a expressão tristonha. Onde estava Chanyeol? Jongin? Minseok?

19 horas. Ninguém, absolutamente ninguém apareceu. Kyungsoo ficou magoado, ele certamente nunca perderia a festa de aniversário dos seus amiguinhos, nunca mesmo!

Saiu correndo da sala de estar, querendo estourar todos aqueles balões de festa. Entrou na despensa, se encolhendo bem no cantinho e começando a chorar, puxa, foi abandonado pelos seus melhores amigos no dia do seu aniversário. Seu coraçãozinho estava magoado, nunca tinha se sentindo tão magoado, então começou a chorar baixinho, querendo que seus amiguinhos estivessem ali.

No entanto, a luz vindo de fora e um garotinho entrando devagarzinho na despensa e uma mão acariciando sua cabeça o fez olhar para cima e sorrir.

— Baekhyun! — disse animado. — você veio!

— Por que você está chorando, Soo? — perguntou com um bico, também querendo chorar.

— Eles não vieram... — murmurou choroso, voltando a ficar desanimado.

— Eles quem?

— Os meus amigos...

Baekhyun franziu as sobrancelhas, parecendo não entender.

— Eles não são seus amigos, Soo. Eu sou, eles não...

— Ninguém veio... — deixou mais uma lágrima escapar.

— Mas... Soo, eu estou aqui, não estou? — limpou as lágrimas alheias e sorriu, mostrando que seu dente da frente fora recém arrancado. — Você disse que teria bolo, Soo. Eu quero bolo.

Kyungsoo se levantou, segurando a mão do menor e o levando para fora da despensa escura.

— Mamãe, mamãe! — Kyungsoo dizia, o sorriso largo enquanto puxava Baekhyun em direção à sua mãe. — Ele veio, ele veio! E ele quer bolo!

— Ele quem, meu amor?

Kyungsoo apertou a mão de Baekhyun e sorriu.

— O Baekhyun, não está vendo?

A mãe de Kyungsoo olhou para Baekhyun e sorriu de volta.

— Bem-vindo, Baekhyun.

E Kyungsoo nunca mais ficou sozinho. Nem na escola, nem nos seus outros aniversários, nem quando estava se sentindo sozinho. Mesmo que Baekhyun não existisse e as outras pessoas não conseguissem o ver, ele estava lá. Tão real quanto qualquer outra coisa.


Notas Finais


Puxa vida eu sou um monstro


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...