História Walk on memories - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, D.O
Tags 2sad4you, Anorexia, Baekhyun, Baeksoo, Exo, Fluffy, Kyungsoo
Visualizações 57
Palavras 609
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fluffy, Romance e Novela, Slash, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Penúltimo capítulo galera
Um pouquinho maior q os outros eee

Capítulo 7 - Bolo de aniversário


Dia 6. Bolo: o aniversário

– Parabéns! – Kyung falou, guardando o livro que lia quando viu Baekhyun adentrar o quarto, com um bonito sorriso enfeitando a face.

– Como você sabe que é hoje? – perguntou curioso, o sorriso indo de orelha a orelha – Você nunca olha o calendário.

– E qual seria o outro motivo de você estar segurando um bolo? – perguntou de volta, apontando para o doce que o mais velho trazia em mãos.

– É… você me pegou – Baekhyun se sentou, colocando o pedaço de bolo em cima da mesinha e observando o namorado com atenção.

– O que você tá olhando? – Kyungsoo perguntou, desviando o rosto do olhar penetrante do outro sobre si.

Baekhyun se aproximou repentinamente do mais novo, fazendo Kyungsoo arfar surpreso ao sentir a respiração morna do Byun tão perto. O mais velho riu soprado e guiou a mão alheia até seu peito, fazendo Kyungsoo o olhar confuso. Mesmo assim fez o que o outro queria, pousando a mão ali, sentindo o peito quente do outro coberto pela camisa fina subir e descer, o coração batendo rápido assim como o seu próprio.

– Você sente? – Baekhyun perguntou.

– Sinto – respondeu sussurrando, com o olhar baixo.

— Ninguém nunca fez meu coração bater como você faz, Kyung.

– Por que isso agora? – perguntou rindo soprado, dessa vez encarando os olhos penetrantes.

– Só queria que soubesse — Baekhyun se afastou um pouco, ainda mantendo o rosto próximo – Eu amo você, Kyung.

Kyungsoo se aproximou mais, puxando o outro delicadamente pelo pescoço e unindo os lábios aos semelhantes em um beijo lento e apaixonado que foi prontamente correspondido.

Baekhyun se inclinou sobre o namorado, uma mão firme em sua cintura e a outra apoiada em sua coxa enquanto seguia os movimentos fervorosos com a boca, sentindo Kyungsoo acariciar seu couro cabeludo, arranhando levemente com as unhas curtas.

O beijo se tornou necessitado, ambos sentiam falta do corpo um do outro, afinal a algum tempo não tinham aquele tipo de contato, fazendo com que se esquecessem do exterior momentaneamente, apenas aproveitando aquele momento a dois que dispunham.

Kyungsoo puxou o corpo do outro para ainda mais perto do seu, fazendo com que os quadris se encontrassem e acabassem por estimular o que não deviam em meio ao ósculo caloroso.

Baekhyun ouviu Kyungsoo soltar um grunhido prazeroso em meio ao beijo e em um último resquício de sanidade, se afastou, ainda perto do outro que respirava com dificuldade assim como a si mesmo.

– Acho melhor pararmos por aqui – falou arfante, se afastando.

Kyungsoo deixou um último selar nos lábios alheios antes de puxar Baekhyun em sua direção sem muita força.

— Deita comigo – pediu.

– Pensei que você não gostasse quando eu sou meloso – o mais velho falou sorrindo, se ajeitando ao lado do namorado e o abraçando, deixando alguns beijinhos em seu rosto.

– Eu amo – falou baixinho, quase inaudível.

O Byun sorriu grandiosamente e apertou mais os braços ao seu redor.

– Vamos comer o bolo – falou, pegando o potinho que havia trazido e entregando ao outro.

– Eu não tô com fome Baek…

– Só um pedacinho… por mim, por favor? É meu aniversário.

Kyungsoo rolou os olhos, suspirando profundamente.

– Só porque é seu aniversário – cedeu, se deliciando ao receber aquele pequeno pedaço de bolo que logo preencheu seu paladar.

Mastigou, aproveitando a textura e salivando ao sentir o gosto doce na boca desacostumada. Engoliu receoso, já sentindo que deveria cuspir de volta.

– É bom, não é? – Baekhyun questionou, também comendo um generoso pedaço.

Kyungsoo concordou com a cabeça e riu ao ver que o lábio inferior do outro estava sujo pela cobertura rosa do doce.

Se aproximou divertindo-se e lambeu com a ponta da língua, deixando um selinho que fez o Byun sorrir antes de se afastar.

– Feliz aniversário, Baek.


Notas Finais


Eles são fofos gnt aqui n tem putaria n
Vou deixar link de algumas outras fics minhas, todas de nct pra quem gosta

Markhyuck: https://spiritfanfics.com/historia/mark-9634271

Johnten: https://spiritfanfics.com/historia/irresistivel-9661055

Johnten: https://spiritfanfics.com/historia/devaneios-de-cigarro-9099804

N sei q shipp é isso:
https://spiritfanfics.com/historia/whiplash-9623766


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...