História Wanda's Saga - Capítulo 2


Postado
Categorias Mitologia Celta, Mitologia Egípcia, Mitologia Grega, Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Adultério, Magia, Misticismo, Mitologia, Rituais, Sexo, Sobrenatural, Violencia
Exibições 14
Palavras 799
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Fantasia, Hentai, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas do Autor


Só para esclarecer uma coisinhaaa, "Folles" era a moeda do Império Bizantino na época em que se passa a fanfic.

Capítulo 2 - Uma Noite Nas Ruas De Tessalônica


Fanfic / Fanfiction Wanda's Saga - Capítulo 2 - Uma Noite Nas Ruas De Tessalônica

Já me cansei dessa vida maldita que venho levado nessa cidade. Vi minha mãe morta nas águas imundas do cais de Tessalônica e vi meu pai morrer diante de uma invasão bárbara causada pela péssima administração bizantina nessa cidade. Tudo o que me sobrou foi um pequena herança, deixada por ele antes de morrer, mas aquilo não deu nem por um ano, tive que começar a trabalhar para pagar o aluguel da casa, mas como a maioria dos trabalhos nessa cidade não me interessavam, ou não davam o retorno que eu esperava,  me tornei prostituta, já que é altamente rentável para quem sabe fazê-lo bem.

Estou saindo de casa as nove e meia da noite, e vou para a praça central da cidade, para arrumar algum cliente, mas o difícil é ter de passar por uma região muito perigosa onde sempre ocorrem assaltos e mortes, mas como sempre ouço falarem, "quem não arrisca, não petisca!", então tenho de enfrentar essa região desgraçada! Andando pela rua vi que o luar está maravilhoso, e as pedras de arenito que compõem a calçada, fazem um contraste perfeito com a luz dos postes á vela da cidade, afinal Tessalônica tem seus lados bons. Passei perto de uma viela e vi um homem, pegando um anúncio do poste, amassando-o e o jogando no chão enquanto diz que aquilo é do Demônio, fiquei muito curiosa, e esperei o homem sair, ele tinha uns sessenta anos e usava umas roupas de padre, então logo deduzi que fosse cristão. Entrei na viela, peguei o anúncio, desamassei-o e o li:

VLADIMIR BRISCK, O MAIOR FEITICEIRO DA EUROPA!

VENHA A AVENIDA DAS TRÊS LUAS, Nº666, ZADAR, REINO DA CROÁCIA.

LHES ENSINAREI MUITO SOBRE RELIGIÃO E MAGIA DE TODOS OS TIPOS!

Uau! É disso que eu preciso, um instrutor que poderia me ensinar sobre o assunto que mais gosto! Mas preciso de dinheiro para chegar em Zadar e dar o fora dessa cidade incapaz.  Vou fazer programas especiais essa noite! E claro, vou cobrar caro, bem mais caro. Voltei em direção ao caminho da praça e guardei o anúncio na minha bolsa, e na entrada da praça vi dois homens, cheguei bem perto deles e disse com olhar sedutor:

-Boa noite rapazes! Não querem uma diversão?

-Boa noite vadia, quanto você cobra?- Disse um dos rapazes.

-Cobro 90 Folles por cada pessoa, e ai meu amorzinho? Faço de tudo hein!

-Pode ser gostosa- Disseram os dois rapazes ao mesmo tempo.

-Vamos lá então meu amores!

Estou levando-os para um dos bordéis que ficam próximo a praça, lá eles terão uma ótima noite! Na entrada do bordel, disse:

-A magia começa aqui rapazes!

-Hahahahaha, é assim que se fala biscate!- Disse um dos rapazes.

Entramos em um quarto reservado, os coloquei sobre a cama e comecei a fazer uma dança sensual e envolvente, com movimentos lentos e sensuais, até que comecei a esfregar minha bunda e meus seios em suas genitálias, eles começaram a gemer. Lentamente fui abaixando as calças de um dos rapazes, foi quando eu disse:

-Qual é seu nome meu amorzinho?

-Icaro- Ele deu um gemido muito alto.

As calças dele já estavam no chão, foi quanto agarrei o pau dele e comecei a chupá-lo fortemente, e ele gemia muito! Chamei sensualmente o outro rapaz para perto e desci as calças dele, só que dessa vez, rapidamente. Comecei a masturba-lo enquanto chupava o pau de Icaro ferozmente, até que ele me agarrou, me virou, deitou no chão, introduziu o pau dele no meu cu e fez movimentos intensos, o outro rapaz agarrou meus seios e começou a me penetrar fortemente pela minha vagina, nós todos começamos a gemer muito alto. Os movimentos iam ficando cada vez mais forte e os gemidos também, naquele momento, o rapaz que eu não sabia o nome começou a chupar meus seios e eu tive um orgasmo, um dos melhores que já tive na minha vida. Toda aquela movimentação rápida e excitante me deixou louca! Na mesma hora os dois gozaram ao mesmo tempo dentro de mim, eu só disse:

-Continuem por favor!

Eles disseram:

-Uau! é uma pena delicinha, mas temos alguns compromissos, precisamos ir embora, não é Pedro?

-Err... Sim Icaro.

Eles retiraram os seus paus de dentro de mim e Icaro me deu o dinheiro lentamente enquanto o beijava com muito gosto! Eles sairam e decidi ir embora para casa, afinal 180 Folles é bastante grana!

Chegando em casa fui tomar um banho com a água que estava em uma bacia debaixo da minha cama, peguei a e comecei a passar a água gelada suavemente sobre meu corpo, sempre com movimentos delicados. Vesti uma roupa bem leve e fui dormir. O outro dia será um dia com muitos assuntos para resolver, e talvez o dia em que partirei de Tessalônica.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...