História Warriors of the night - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Colegial, J-hope, Jim, Jimin, Jungkook, Luta, Mistério, Rap Monster, Romance, Sobrenatural, Suga, Violencia
Visualizações 34
Palavras 1.279
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Ecchi, Festa, Ficção, Luta, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá galerinha!
Trouxe mais um capítulo legal.
Avisando que vai ter uma briguinha de meninas, e o motivo da briga tem uma boca linda, carnuda e super deliciosa.
Espero que gostem.
Boa leitura!
Beijinhos ♥

Capítulo 13 - Briga na escola!


Fanfic / Fanfiction Warriors of the night - Capítulo 13 - Briga na escola!

As semanas se passaram lentas e dolorosas. Pela manhã Nyssa tinha escola, pela tarde, estudava os livros sobre seres sobrenaturais e as vezes saia com Jimin, e a noite ela voltava para base e treinava com Suga e Jim, e assistia aulas com o Rap Monster. Ela pensou que seria fácil, mas se enganou, vivia exausta e irritada, mas sempre que pensava em desistir pensava em seus amigos, sua familia e principalmente em seu irmão. 

- Bom dia amiga linda! - Gael falou colocando a cabeça pela janela do carro de Nyssa.

- Bom dia Gael! - Ela o cumprimento bocejando. 

Ela sai do carro, Jimin chega em sua moto e vem na direção deles. Nyssa se segura para não beijá - lo, mesmo que eles estejam saindo, ele ainda não a pediu em namoro e na escola eles são discretos.

- Bom dia gente! - Ele falou. 

- Bom dia! - Nyssa e Gael falaram juntos.

- Então princesa? Pronta pra aula? - Jimin perguntou. 

- Não, não estou com vontade de debater nada. E nem de ver a cara da antipática da Carolayne. - Disse Nyssa. 

- Não se preocupe minha princesa, eu vou estar com você! - Jimin falou pegando a mão dela. O horário bate, eles se despedem de Gael e caminham para sala.

- Oi meu Jiminho! - Carolayne empurra Nyssa e abraça Jimin.

- Calma Carolayne! - Jimin disse afastando ela.

- Desculpa amor! - Carolayne falou fazendo beicinho.

Nyssa respira fundo e revira os olhos, em sinal de irritação.  

- Haa Nyssa querida, não reparei em você aí, mas deve ser por que você não me interessa. - Carolayne falou com desdém. 

- Uma pessoa fútil como você também não me interessa. - Nyssa disse sorrindo. 

- Eu? Fútil? Olha quem fala, aquela que vem pra escola com uma Lamborghini. -Carolayne falou maliciosa.

- Inveja querida? - Nyssa perguntou imitando a voz chata de Carolayne. 

- Imagina! Eu praticamente mando nesta escola. -Carolayne falou. 

- Claro! Se ser filha da bibliotecária, que é peguete do diretor te dá esse poder, imagina que poder eu tenho sendo filha do principal sócio né? - Nyssa a desafiou. 

- Sua vaca! - Carolayne avança nela, mas Jimin a segura.

- Chega Carolayne, deixa a Nyssa em paz! - Ele falou sério. Carolayne se solta dele e sai batendo o pé em direção à sala de aula.

A aula foi uma droga, Carolayne a provocou a aula toda e mandou bilhetinhos de amor para o Jimin, Nyssa precisou se segurar para não fazer ela engolir esses bilhetes mal escritos.

Na hora do almoço, ela encontrou Trys e elas foram juntas no banheiro.

- Amiga, o que tá rolando entre você e o Jimin? - Trys perguntou. 

- Nada amiga, nós somos apenas amigos! - Nyssa mentiu. 

A porta de um dos sanitário se abre e Carolayne sai sorrindo. 

- Claro que ele é só seu amigo, o que ele ia querer com uma garota estranha como você? - Ela provocou.

- Haa sai daqui Carolayne, você é chata! - Trys disse irritada.

- Deixa Trys, vamos! - Nyssa disse saindo, mas Carolayne agarrou se braço. 

- Você acha que vai ter o Jimin para você? Ele prefere garotas como eu, que são perfeitas e não garotas estranhas. - Carolayne falou a encarando.

- Verdade, todo garoto quer uma garota como você, fútil, fácil e burra, e quando eles conseguem o que você dá pra todo mundo eles te deixam. - Nyssa disse olhando nos olhos dela.

Carolayne fica vermelha de raiva e lhe dá um tapa. Ela se vira para ir embora mas Nyssa a puxa pelo cabelo longo e preto, Carolayne grita, ela vira o rosto e então Nyssa estapeia sua cara. Carolayne consegue se soltar, ela encara Nyssa com seus olhos verdes e avança nela. Nyssa se esquiva e da um soco a fazendo cair, ela levanta, seu rosto está vermelho e seu olho está ficando com um tom roxo. Ela avança em Nyssa novamente e elas começam a se estapear. Trys tenta apartar mas não consegue, de repente Jimin e Taehyung entram no banheiro e separam as duas.

- Sua vagabunda você vai ver! - Carolayne disse furiosa e saiu correndo do banheiro.

- Maryssa, tá maluca? - Taehyung perguntou. 

- Não foi culpa dela, aquela garota maldita que avançou nela primeiro. - Trys defendeu a amiga. 

- Tá tudo bem? - Jimin perguntou preocupado. 

- Até agora sim! - Nyssa respondeu cansada. 

Eles ficam um pouco no banheiro até ela se acalmar. 

- É melhor vocês irem! - Trys falou. - Aqui é o banheiro feminino. 

Os rapazes saem e elas ficam sozinhas, alguns minutos depois a mãe de Carolayne entra. 

- Maryssa Moore! O diretor Edward quer vê-la. - Ela anunciou com um sorriso maligno.

- Sente-se Maryssa. - O diretor falou assim que ela entrou na sala.

- Prefiro ficar de pé! - Ela falou.

- Tá vendo como essa menina é Edward? - Lanny, a mãe da Carolayne falou.

- Me desculpe, mas isso é uma reunião de pais? Pois se for eu vou chamar os meus! - Nyssa disse encarando Lanny.

- Nyssa! Não fale assim com a Lanny, à chamei aqui por causa do seu ato violento com a Carolayne. - O diretor Edward falou.

- Chega diretor, ela também errou, e se a mãe dela está aqui a defendendo, vou chamar o meu pai para me defender! - Ela falou zangada.

- Não tem necessidade de incomodar seu pai! - Edward falou.

Nyssa pega o telefone e liga para seu pai.


《...》

Ryan: Filha? Aconteceu alguma coisa? 

Nyssa: Sim pai, eu briguei na escola e estou na diretoria! 

Ryan: Por que você brigou?

Nyssa: Por que a garota me bateu e eu revidei!

Ryan: O que o Edward está falando? 

Nyssa: Que a culpa é minha, pois a garota que eu bati é filha bibliotecária, a amante dele!

Ryan: O quê? 

Nyssa: E ela está aqui me intimidando. 

Ryan: Chego aí em 3 Minutos! 

《...》


- Bom dia Ryan! - Edward falou assim que o pai de Nyssa entrou na sala.

- Péssimo dia! Eu tive que sair do meu trabalho para vim aqui, por que minha filha está levando a culpa sozinha por um problema que ela não começou. - Ryan disse zangado. 

- Minha filha não começou nada, sua filha é que é mal educada! - Lanny disse.

- É melhor você medir suas palavras para falar de minha Nyssa, essa escola não tolera profissionais que intimidam os alunos! - Ryan falou sério. 

- Não se preocupe Ryan. Nyssa nunca arranjou problema na escola, e pelo que eu ouvi nos corredores, ela estava sofrendo Bullying de Carolayne há muito tempo. - O diretor falou.

- E o que você vai fazer? - Lanny perguntou. 

- Hoje vou apenas dar uma advertência para as meninas. Lanny, você pode levar Carolayne pra casa pois ela está de olho roxo! - Ele falou.

- Também vou levar a Nyssa, não quero que ela fique aqui depois do que houve! - Ryan falou.

Depois que resolveram a situação, Nyssa se dirige até o estacionamento com seu pai. Ele veio de uber então voltou dirigindo a Lamborghini da filha.

- Maryssa, qual o motivo da briga? - Ele perguntou enquanto estava no sinal fechado.

- Ela não gostou de me ouvir falar sobre o garoto que ela gosta. - Nyssa respondeu. 

- Que seria? - Ele continuou. 

- O Jimin! - Ela falou de cabeça baixa.

- Não se preocupe filha, não foi sua culpa. - Ryan acalmou a filha.

Assim que chega em casa, ela vai direto para o quarto, está chateada, cansada, irritada e com sono. Pra melhorar começou a chover e ela aproveitou para tirar um cochilo. Nyssa acorda com seu celular tocando, já está escuro. Ela olha o visor e congela quando vê piscando Número desconhecido.


Notas Finais


Então? Gostaram?
Me digam por favor!
Galera muito obrigada por lerem minha fic e por favoritar. Gaby minha linda, obrigada novamente por indicar minha fic pros seus amigos. E outra coisa... Visitem minha fic do Príncepe do gelo, tá super legal.
Obrigada.
Beijos!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...