História Watch Your Dreams - Capítulo 37


Escrita por: ~

Postado
Categorias Jeff The Killer, Lendas Urbanas, Slender
Personagens Personagens Originais
Tags Anjos, Demonios, Hoodie, Jeff The Killer, Masky, Slender, Toby
Exibições 130
Palavras 1.258
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oe povo! Tudo bom?
Queria agradecer, quase 150 favoritos ♡
E na imagem é o grupinho dos demo <3

Capítulo 37 - Welcome to hell


Fanfic / Fanfiction Watch Your Dreams - Capítulo 37 - Welcome to hell

 

Ajeitei a jaqueta jeans e me olhei no espelho, estou estranhamente mais pálida, e bizarra... Sai do banheiro dando de cara com a Ana, ou melhor, SweetNeko... Ela me olhou de cima a baixo e franziu o cenho

- Onde vai?... - Disse me encarando

- Num lugar aí... - Passei reto, tentando mudar de assunto

- Que lugar e com quem? - Tocou meu ombro

- É uma longa história, olha só... Tô atrasada! - Fui saindo bruscamente

Ouviu resmungos e sai do quarto dos Proxys, e dei de cara com Jeff, que ia me acompanhar até a saída da mansão, ele me olhou e abriu mais o sorriso

- Está linda... - Falou

- Obrigada, Jeff - Falei num tom desanimado

- Você não quer ir, não é? - Riu e começamos a andar

- Não, mas, vou ter a chance de tentar, talvez saber o que o diabo está tramando - Suspirei

- Te desejo sorte - Enfiou a mão nos bolsos do moletom

Seguimos pelo corredor conversando sobre inúmeras coisas, e inclusive muita merda. Ele ficou brincando que Adrien queria é me levar pra um motel e tals... Pensando bem, pode-ser isso, mas, se for o caso eu sumo e volto correndo

E finalmente, chegamos na sala... Logo avistei Adrien que abriu um enorme sorriso ao me ver, Jeff soltou um murmúrio que não consegui identificar e me acompanhou até lá em baixo, a troca de olhares de ambos foi visível

- Estás muito bela, my Lady... - Estendeu a mão - Podemos ir? –

- Jeff, se te perguntarem algo, fale que não sabe de nada - Sussurrei a Jeff, ignorando a mão de Adrien

- Vamos... - Sai da mansão, deixando Adrien no completo vácuo ali

Descendo as escadas, vi um carro luxuoso parado ao pé da escadaria, Adrien chegou do meu lado e fomos até o carro.... Ele abriu a porta para mim e eu entrei, então a porta foi fechada, ele deu a volta e entrou no motorista

- Vamos para Stull, para pegar o grupo... - Ligou o carro

- Stull?... - Coloquei o cinto

- Sim, em Kansas... - Começou a andar com o carro

- KANSAS? PRA QUE? - Me desesperei

- Calma, lobinha... O cemitério de Stull é uma das entradas pro inferno, por isso vamos pra lá... Depois voltaremos - Riu

- Vamos entrar no... Inferno...? - Engoli seco apreensiva

- Você nunca entrou lá, não é? - Saímos da floresta

- Não... Nunca... - Olhei para o vidro

- Somente relaxa... - Ele sorriu malicioso

Ele seguiu pela avenida que estava totalmente vazia, eis que, ele pisa no acelerador e o carro começa a ficar cada vez mais rápido, olho Adrien que estava dirigindo tranquilamente, como se não fosse nada, ele abriu um sorriso e fez uma curva, o carro estava muito rápido, mas, a curva foi como se o carro estivesse na velocidade comum

Engoli seco, tô seriamente começando a me arrepender, avistei o túnel que tem por perto, e ele não tirava o pé do acelerador, fechei os olhos e senti o ar pesar muito e um frio bater do nada... Abri os olhos e o carro estava andando numa velocidade normal

- Foi tão horrível assim? - Adrien riu

- O que...? - Olhei em volta, um lugar com poucas casas e aparentemente tranquilo

- Teleporte... É um poder de todos os demônios... - Ele virou numa pequena estradinha, aparentemente um cemitério, o lugar, obviamente cheio de lápides

- Esse é o cemitério de Stull?... Um dos portais?... - Disse sem nenhum animo

- Sim... - Ele parou o carro

Ele desceu, e eu desci em seguida, o sol estava belo e meu cabelo voava, respirei fundo e fechei a porta... Ele me chamou com a mão, para segui-lo e eu o fiz, fomos até uma igrejinha de pedra, quase em ruínas, completamente abandonada, e entramos, havia um tapete vermelho e símbolos nas paredes, no final do tapete, um pentagrama invertido, desenhado com sangue

Ele começou a dizer palavras em latim, eu só sabia que era latim por que eu lia sobre demônios na infância... E obviamente eu não entendi nada, começou um pequeno tremor e o pentagrama escureceu, Adrien pegou na minha mão e me puxou pra dentro do símbolo

Não deu tempo de eu piscar e estávamos num lugar estranho, soltei minha mão e analisei o lugar, o céu era completamente negro, com alguns pontos luminosos, com rochas vermelhas e um ar sombrio, havia algumas fontes de água e traços de lava, então começamos a andar

Havia alguns sofás pretos espalhados, com vários tipos de demônios, alguns vestidos, alguns quase nús, se pegando ou tentando matar uns aos outros, aproximamos de uns sofás em formato de "C" com uma mesa de centro feita de vidro, sentados nele, estavam 4 homens e uma 1 mulher, que estava com um copo na mão com um líquido vermelho e um cheiro de sangue no local

- Eu estava ficando purificada de tanto esperar - A mulher disse em deboche, largando o copo em cima da mesa

- Suzanne... Ah, não vou falar nada... - Revirou os olhos

- Essa é a garota?... - Disse o homem de cabelo branco

- Valeu a espera... - Falou outro, com um casaco com a parte do pescoço de pelos

- Tem quantos anos, fofinha? - A mulher, ou... Suzanne, se levantou e veio até mim

- 18... - Respondi desconfiada

- MEU LÚCIFER! Ela é um bebê!! - Ela me abraçou

- Eu não sou um bebê... - Murmurei tentando escapar dos braços dessa louca, que tava esfregando os peitos na minha cara

- Sim, você é.... Perto de demônios com mais de 5 mil e lá vai cacetada... - Um deles, que girava uma corrente com pingente de bala se manifestou

- Realmente, Akarin - O último, com o casaco aberto riu ironicamente

- Vamos, logo... - Adrien disse sem mais delongas, e saiu me puxando

Os outros, com roupas comuns, seguiram-nos, e saímos do lugar por um portal, havia uma moto perto do carro, e sem tempo de eu perguntar, Adrien me enfiou dentro da porra de banco e xingou os outros, entrando logo em seguida no motorista...

- Vá pra puta que te pariu, Adrien - Suzanne entrou no banco de trás

- Se fode... - Murmurou

- Nem nos apresentamos, sou Tarian - Disse o homem de blusa aberta

- E eu a Suzanne - Disse a mulher - O de cabelo branco é o Oluze e o outro, Luke... São os que estão lá fora –

- Cadê o Akarin? - Tarian olhou pros lados

- Aqui?... - Ele surgiu, no meio de Tarian e Suzanne

- Eu sou a ... Wolf... - Sorri timidamente

Suzanne sorriu, e começou a falar sobre coisas aleatórias, enquanto Adrien murmurava palavrões e xingamentos sobre Oluze e Luke que ficavam zoando com a moto, e impedindo Adrien de acelerar pro teleporte, eles riam e faziam gestos para o Alligan, encostei a cabeça no vidro do carro e olhei a paisagem

O carro começou a tomar velocidade, e eu fechei meus olhos, o ar pesou e eu relaxei, voltei a abrir meus olhos, estávamos num lugar que eu não conhecia, e Suzanne ria, Akarin mandava a mulher se calar

- Vamos te levar num lugar que vai amar!! – Suzanne meteu a cabeça entre os bancos e me encarou

- Eu tenho medo disto... – Balancei a cabeça negativamente, imaginando os possíveis locais

 


Notas Finais


Eeee!
Beijos de queijo!! <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...