História Web Destiny ( Camren) - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ariana Grande, Demi Lovato, Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Ariana Grande, Camila Cabello, Demi Lovato, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Camila Cabello, Camren, Demi Lovato, Fifth Harmony, Lauren Jauregui, Lesbicas, Romance
Visualizações 284
Palavras 2.264
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi gente!! Estou postando hoje pois não vou ter tempo amanhã!! Aproveitem esse capítulo.. não é um dos melhores! Vamos dizer que ele é mais para complementar o que está por vir!

Boa leitura! ( Os erros eu corrijo quando eu achar!).

Capítulo 25 - Lado Latino!


**POV Lauren**

Depois de um fim de semana maravilhoso chegou a o dia de levar Camila ao médico para ver como anda o ombro, já passou uma semana desde o acidente e ela precisa fazer exames para verificar como anda a pequena fratura. Já estava na sala esperando por ela que terminava de se arrumar, depois de alguns minutos ela apareceu, estava linda com um vestido azul bebê tomara que caia, os cabelos soltos e sem maquiagem, ela não precisa dessas coisas.

- Vamos minha linda? - perguntei enquanto me levantava do sofá.

- Vamos sim Amor, desculpa pela demora me vestir com um braço só é difícil. - falou sorrindo tímida.

- Podia ter me chamado eu ajudaria você! - falei e ela cerrou os olhos.

- Eu sei bem a ajuda que você queria me dar! - falou e eu sorri me lembrando da noite passada em que ela me chamou para ajudá-la a se vestir e acabou comigo fazendo ela gemer a noite quase toda.

- Nossa que horror amor!! Eu aqui toda bem intencionada e você me julgando. - disse levando a mão aberta para o meu peito fingindo estar ofendida.

- Menos Lauren...nem adianta fazer essa cara porque eu te conheço e sei exatamente o que você estava pensando! Agora vamos, não quero me atrasar. - falou vindo até mim e me beijando, e indo para porta.

- Chata!! Vamos né!! - falei e a segui para fora do apartamento.

Assim que chegamos vimos o Dr. Brian na recepção, nos aproximamos e ele sorriu ao nos ver.

- Camila que bom vê-la, vejo que está bem melhor. - ele falou e sorriu para ela que retribuiu.

- Estou sim Dr, mas confesso que não vejo a hora de poder movimentar meu braço novamente.- falou e revirou os olhos.

Brian me estendeu a mão para cumprimenta- ló.

- E você como vai Lauren? - disse e eu sorri.

- Estou bem, é o senhor? - falei cordial.

- Muito bem obrigada! Agora vamos pro raio-x, ver como anda esse ombro! - falou e eu e Camila o acompanhamos pelos corredores brancos do hospital indo para sala de raio-x, eu fiquei sentada do lado de fora enquanto os dois entraram. Não estava nervosa e nem preocupada, mas sim ansiosa, quero ver minha garota bem logo, alguns poucos minutos depois os dois saíram e juntos fomos até o consultório do Dr Brian, entramos e ele indicou as cadeiras para sentarmos enquanto o exame chegava. Ele fez algumas perguntas para Camila sobre como foram os dias anteriores e ela explicou que quase não sentiu dor e que no fim de semana até conseguiu mexer o braço bem devagar, ele sorriu e parecia gostar dos relatos. Após um tempo de conversa ouvimos baterem na porta e logo em seguida um enfermeiro entrou com um envelope na mão , é o entregou para Brian. Ele abriu e foi em direção a um daqueles aparelhos usados para ver aquele tipo de exame, um luz branca forte se acendeu e ele colocou a folha com o raio-x de Camila e começou a analisar pacientemente.

- Camila venha até aqui por favor. - ele chamou e Camila se levantou, eu apesar de não ter sido chamada me levantei junto e peguei a mão esquerda de Camila entrelaçando nossos dedos. Ela suspirou ao olhar nossas mãos.

- Vocês conseguem ver esse pequeno quadradinho em cima dessa marquinha pequena aqui? - ela falou indicando o lugar que parecia ser o ligamento entre o braço e o ombro de Camila. - Nós fizemos um som nasal concordando.

- Então isso é a placa de metal que colocamos para unir novamente onde o osso trincou, nos poderíamos ter só engessado o seu ombro, mas a recuperação seria mais lenta, optamos por esse procedimento para diminuir seu sofrimento. - falou e eu e Camila quase pulamos no pescoço daquele anjo! Não suportaria ver Camila sofrendo por mais que semanas.

- E... então? - Eu perguntei completamente ansiosa. - Como ela está? - terminei a pergunta e pude ver ele sorrindo.

- Bom...de certa forma ela está bem, Camila tem um metabolismo muito bom o que acelerou bastante a cicatrização...- ele pausou a fala e eu já estava quase tirando as palavras da garganta dele.

- Pelo amor de Deus fala logo Brian.- Rosnei e Camila arregalou os olhos.

- Lauren!! - me repreendeu, e o médico sorriu.

- Ela já pode ficar sem a imobilização, mas terá que fazer uma semana ou duas de fisioterapia até que tudo esteja ok, aliás sem esforço por enquanto, nada de pegar peso ou de movimentos bruscos ou repetitivos tudo bem? - falou e Camila me beijou eufórica.

- Então eu já posso tirar essa coisa chata de mim? - Camila disse alegre e o homem assentiu sorrindo.

Camila estava pura felicidade e eu também, Brian retirou a imobilização me indicou uma fisioterapeuta para levar Camila e também me ensinou alguns exercícios para fazer nela quando estivessemos em casa, eu estava atenta e concentrada em toda a explicação, após me ensinar tudo e indicar alguns remédios para Camila tomar, saímos do consultório médico. Passei pela recepção para pagar a consulta e Camila fez bico de criança dizendo que não queria ficar me dando despesas, eu apenas sorri e ignorei, sabia que logo a birra dela passaria. Voltei ao encontro dela e segurei sua mão direita olhando para o anel de noivado e sorrindo.

- Esse anel fica tão lindo na sua mão, parece até que foi feito pra você. - falei e ela me olhou com aquele brilho maravilhoso nos olhos castanhos.

- Quem sabe ele não era pra ser meu mesmo?! - falou convencida, e eu a abracei sentindo o aroma delicioso que vem dela.

- Você é muito convencida sabia?? Mas acho que você tem razão, esse anel só podia ser seu mesmo, não só ele, meu coração também! - falei e selei nossos lábios em um beijo apaixonado.

- Você me deixa morrendo de vergonha quando fala assim Lolo!- Falou vermelha enquanto íamos em direção ao carro, eu sorri aberto e a beijei rapidamente.

- Eu amo te deixar assim...quer ir comer alguma coisa? - falei e ela sorriu assentindo.

- Tô morrendo de fome!! - falou com um beicinho lindo que eu não aguentei e mordi.

- Você sempre está com fome né amor! - falei e ela me mostrou a língua.

Eu abri a porta do carro e Camila e entrou, sentei no lado do motorista e dei partida, Camila escolheu comer pizza, e eu sinceramente não sei como pode gostar tanto de comer e continuar com o mesmo corpo! Algo me diz que tudo o que ela come fica parado na bunda dela!

xx

O dia foi tão perfeito, Camila estava visivelmente feliz por estar com o braço finalmente livre, eu fiz um pouco de exercício com ela que na primeira fez uma careta mas logo estava se movimentando sozinha sob meu olhar atento. Depois do jantar eu e Camila resolvemos assistir algum filme, foi aí que eu descobri que estou quase casada com uma criança birrenta de 5 anos de idade.

- Eu já falei que não quero assistir essa droga de filme de terror Lauren!! - falou bufando enquanto eu colocava o dvd de um filme de terror que eu gostava.

- Amor...para com isso é só um filme bobo...e eu vou estar aqui princesa!! - falei e ela revirou os olhos.

- Dane-se eu não quero assistir...se quiser assista sozinha! - disse indo para o quarto com o maior bico do mundo.

- Camz! Volta aqui Amor!! - eu gritei e ela não me respondeu, sabia que estava fazendo birra. - Camila vem ficar comigo!! Amor por favor não me deixa sozinha! - disse com a voz manhosa e alta.

Quando me virei em direção ao quarto para chamá-la novamente, ela estava parada perto do sofá com os braços cruzados em baixo dos seios e a cara emburrada.

- Deixo claro que nem vou olhar para tv, só vim porque não quero ficar sozinha no quarto e muito menos te deixar sozinha aqui! - falou e eu corri a abraçando pela cintura e lhe dando um selinho.

- Eu te amo sabia pequena? - falei dengosa e ela se mantia seria.

- Coloca logo essa merda antes que eu mude de idéia e volte pro quarto. - falou se soltando do meu abraço e sentando no sofá com a cara ainda fechada, eu me sentei ao lado dela e passando o braço por trás e a puxando para que a cabeça dela ficasse no meu peito, dei play no filme e começamos a assistir. Camila estava com as duas mãos sobre o rosto tapando os olhos enquanto as partes de susto passavam, percebi que ela estava tremendo é a apertei contra mim.

- Amor...você tá bem? - falei e ela ainda com as mãos nos olhos. - Camz...fala comigo por favor! Você tá bem? - disse e ela fez um não com a cabeça.

- Desliga isso Lolo...tô com medo!- a voz saiu abafada e baixa. Eu peguei o controle e desliguei o filme.

- Pronto! Já desliguei pequena! - falei e ela descobriu os olhos e sorriu fraco.

- Obrigada Amor!! Eu não gosto desse tipo de filme, me faz voltar a ser criança! - falou e eu sorri passando o polegar calmamente sob a pela macia do rosto assustado dela.

- Desculpa...prometo que não coloco mais! Você quer assistir outra coisa? Ou quer dormir? - falei e ela fez uma cara pensativa, e pelo sorriso sacana que ela deu em seguida sabia bem o que ela queria.

- Quero te beijar!! - falou e eu sorri aproximando minha boca e sentindo o hálito fresco da boca dela.

Camila sorriu e eu logo comecei a roçar nossos lábios e com toda calma iniciei um beijo quente e devagar, nossas línguas se tocando e entrando em perfeita sintonia, como era possível sentir tantas coisa apenas em um beijo? Sentir amor, carinho , paixão, desejo...tudo em apenas um toque, nossas respirações falhando, minha mão firme em meio aos cabelos macios, as mãos dela apertando com delicadeza minha nuca, enquanto meu corpo esquentava cada vez mais.

- Faz amor comigo? - ela disse enquanto afastava nossos lábios para tomar fôlego. - mas eu quero aqui, no nosso sofá! - falou e eu dei um selinho rápido.

Peguei a barra da minha camisa folgada que usava para dormir e a passei pela cabeça a jogando longe, meus seios nus por não estar de sutiã, um sorriso malicioso nasceu nos lábios da minha latina , os olhos castanhos incendiados pelo desejo, segurei a barra da blusinha do baby Doll que Camila usava retirando devagar deixando seus seios expostos, parei a visão sobre eles e ela logo alcançou meu short para retirá-lo, eu me levantei um pouco para facilitar a ação dela ficando completamente nua, logo fiz o mesmo com Camila e a puxei para cima do meu colo.

**POV Camila**

Eu estava sentada no colo de Lauren a beijando enquanto nossos sexos se tocavam em movimentos calmos e gostosos, a cada contato nossos gemidos saíam livres ecoando pelo apartamento, minhas mãos segurando o encosto do sofá procurando apoio para a movimentação que fazia, sentia meu sexo completamente encharcado e o de Lauren não ficava atrás, nossos corpos suavam as mãos de Lauren em minhas cintura a forçando para baixo com mais força, me deixando cada vez mole.

-Mueve más fuerte mi amor - Ela gemeu em espanhol me levando a loucura... aquela voz rouca misturada ao espanhol tiraram o resto de sanidade que me restava. Você tem noção do quanto é exitante ter uma mulher como Lauren gemendo daquele jeito? Imagine o inferno!! Aquilo era fodidamente mais quente.

Eu obedeci prontamente e intensifiquei os movimentos deixando mais forte e mais rápido, os gemidos roucos agora eram altos e fortes, e eu estava a beira de cair, Lauren cravou as unhas em minhas costas descendo devagar rasgando minha pele, eu gritei não de dor mais sim de prazer.

-Sí amor... Goce conmigo ahora!! - Gemi também em espanhol sentindo Lauren se contrair e jogar a cabeça pra trás.

- Porra Camila!! Vou gozar!! - gemeu alto e logo o corpo suado convulsionava descontrolado a baixo de mim, meu corpo se jogou em um orgasmo tão intenso que senti meu gozo jorrar entre as pernas de Lauren molhando o sofá. Após vários minutos de pequenos tremores e arrepios meu corpo caiu mole sobre o dela.

- Caralho Camila você ainda me mata com esse seu lado Latino!! Meu Deus! Estou exausta. - falou respirando com dificuldade.

- Posso dizer o mesmo sobre você amor!! Por favor não pare de gemer em espanhol nunca! - falei e ela sorriu.

- Farei sempre que eu conseguir...com tanto que você faça o mesmo! - ela falou beijando meu pescoço.

- Então o acordo está selado! Agora vamos tomar um banho e ir pra cama! - falei e ela levantou comigo montada em seu colo, minhas pernas passadas pela cintura dela, e assim me levou até o banheiro para um banho delicioso. Eu e Lauren tínhamos uma relação tão completa que não era preciso uma maratona de sexo intenso para que nós ficassemos satisfeitas e completas, aquela noite nos dormimos de conchinha, tão coladas que pareciamos uma só! O amor que existia entre nós era nossa base e nosso ponto de paz! Estar com ela, e saber que não importa o que aconteça ela estará lá, nossas mãos juntas e cabeça erguida para superar qualquer barreira. E agora que eu estava recuperada podia finalmente começar a pensar no meu casamento e realizar o meu maior sonho que é formar uma bela família ao lado daquela mulher tão maravilhosa que me faz tão feliz! 


Notas Finais


É isso...no próximo capítulo já vão começar os preparativos para o casamento camren!! Eu também vou colocar datas pra vocês entenderem melhor, mas sem o ano porque aqui elas já são mais velhas que na vida real! E ao contrário do que vocês estão pensando a história não vai acabar no casamento viu!! Vai ter bebê camren com certeza!

Por enquanto é isso! Volto assim que puder!

Bjusss da tia Lyncy!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...