História Welcome to hell - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 54
Palavras 645
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Magia, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Esse "episódio" vai ser dividido em 2 capítulos, só pra saber mesmo, o dia do Sock d o dia do Jonathan, esse primeiro vai ser o do Sock, obg por ler

Capítulo 5 - Especial- dia de nossa senhora aparecida


Fanfic / Fanfiction Welcome to hell - Capítulo 5 - Especial- dia de nossa senhora aparecida

     Mephistopheles havia me pedido para ir até seu escritório, estava com medo, pensei que fosse algo que eu tinha feito, me sento nervoso na mesma cadeira de quando avia chegado la pela primeira vez:

     -Então Sock você deve saber que dia é hoje não é?

      -Na verdade não...

      -Doze de outubro, deve saber de quem é essa data certo?

     -Das crianças!?

     -Hé... Também, a questão é, ela nem devia vir aqui mad pode ir onde quiser, e ela pediu para falar diretamente com você.

     -Ela quem?- ele riu meio sem jeito, andou até a porta e a abril.

     -Maria, pode entrar ele está lhe esperando- ai meu Deus, será que é ela mesma? De repente entra a mulher mais linda que ja vi em toda minha vida, ela era negra e usava um grande manto azul e um vel branco, era ela mesma.

     -Napoleon  Maxuel Sowachouski, fico muito feliz de você ter vindo falar comigo- ja vi que por aqui todo mundo tem mania de chamar pelo sobrenome.

     -Sim mas por favor senhora me chama de Sock- falei meio envergonhado.

     -Por favor meu rapaz me chame de Mãe se for de seu agrado- ela disse se abaixando para ficar da minha altura é olhando em meus olhos com amor- Sock, venho falar com você pois... Maphis- ela mandou um olhar e ele saiu na mesma hora- Você não quer de fato "cumprir seu trabalho" com o Joni não é?

     -Nao, eu quero mas ele sempre me ignora...- antes que eu terminasse ela virou meu rosto para olhar para ela com todo o amor do mundo, ninguém nunca tinha me tratado assim.

     -Não é por isso que você se preocupa dele te ignorar, Sock, você não precisa fazer isso, Deus ama a todos, inclusive você, ele ainda pode te perdoar, faça oque é certo- essas palavras tocaram no fundo da minha alma, sua voz era a mais linda que ja tinha ouvido.

     -Esta bem, mas é Mephistopheles?

     -Não se preocupe com ele, ele não é nada perto do poder de Deus, veja esse filme quando tiver tempo- ela me deu um DVD, na capa estava escrito "o alto da compadecida", não sabia do que se tratava mas afirmei com a cabeça que sim.

     -No céu tem lugar pra mim?

     -Tem até pão, kkk- não entendi oque ela quis dizer mas tudo bem, só de vir dela ja ta ótimo- Sock, não se preocupe, nunca é tarde, e quanto a Joni, acho que não é só em parar de tentar fazer ele se matar que voce tem que pensar- ela olhou meio torto, entendi oque ela quiz dizer dessa vez.

     -Obrigado mãe- eu caí nos braços dela, ela sorriu, e logo foi embora, mas deixou uma espécie de bótom com um bilhete "só se pode usar uma vez, use só na hora certa", nao entendi nem oque ele fazia nem que hora seria essa, olhei do outro lado dele é vi "você vai saber quando chegar a hora"

     Mas pera, homosexuaalidade não é pecado, pecado é não amar, Mephistopheles entrou na sala de novo, eu escondi o bótom em meu bolso antes que ele visse:

     -Olha eu não sei oque ela disse, mas a questão é, hoje você não trabalha, está livre, vá fazer oque quiser- já sabia oque, corri para aminha casa para assistir o DVD.

     "Sobre oque será que é" o filme foi muito engraçado, contava a história de dois amigos João Grilo e Chicó, achei que era só uma comédia normal, até que cheguei no final, então entendi oque ela quis me dizer, os céus me aguardam, eu vou conquistar meu lugar lá(N/A recomendo ver o filme para entender).

     Olhei para sima deitado em minha cama e jurei "Mãezinha eu to chegando"


Notas Finais


Claro que essa singela homenagem não chega nem aos pés da nossa senhora de verdade mas vale a representação, desculpe aos evangélicos se eu os ofendi, esse foi o especias do dia de nossa senhora de aparecida, o do dia das crianças será com o Joni, mas pode ser que só saia daqui a alguns dias por problemas pessoais, vlw por ler bjs Mari


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...