História Welcome To The Family Baker - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Avenged Sevenfold
Personagens Arin Ilejay, Brooks Wackerman, Johnny Christ, M. Shadows, Synyster Gates, The Rev, Zacky Vengeance
Tags A7x, Avenged, Avenged Sevenfold, Zachary Baker, Zacky Vengeance
Visualizações 21
Palavras 710
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 8 - Confesso


Eu e Zacky passamos a semana toda conversando por mensagem, ele estava na chácara com a família dele, na verdade era mais um sítio, não sei exatamente. 

Eu voltei para o Brasil assim como o resto da banda, pelo menos os que estavam no ap, fomos passar um tempo com as nossas famílias e matar a saudade já que agora entrariamos em um treinamento para a turnê.

Voltamos para Huntington Beach no domingo já que segunda teríamos que ir para o estúdio denovo, Zacky só me mandou algumas mensagens nos últimos dias perguntando se eu iria na segunda para la. Também não estavamos tendo notícias de Rick, só Gus conversava com ele as vezes mas não era muito. Estava um clima muito estranho.

---


- Vocês terão um cronograma muito diferente agora. Nossa turnê será no dia 20 de outubro, então vocês terão mais ou menos uns 6 meses para treinar todas as músicas que passaremos para vocês, mesmo que não as toquem. Depois desses 6 meses, quando entrarmos em viagem vocês não treinarão mais, vocês só farão manutenções de sons e  algo assim, não terá tempo de treinar algo novo ou aprender, vocês terão que ir ja 100% - Matt começou a manhã nos explicando nosso novo desafio.

- Meu Deus - Maria disse animada sorrindo de orelha a orelha

- É um desafio grande, mas pelo que vi nesse show de vocês, vocês são muito mais do que capazes - Matt completou

Ele nos passou a lista de sons que teríamos que aprender, tinha uns que nem eu conhecia. 

Em seguida ele nos mostrou onde seria nossa turnê, estava principalmente a America e Europa, tinha outros mas eram cidades aleatórias, ao todo eram cerca de 60 shows (mais ou menos 1 por semana). Era maravilhoso e impressionante, passaríamos em vários países fazendo shows, eu nem sabia o tamanho da emoção que estávamos sentindo. 


Por fim ficamos mais conversando sobre como seria o cronograma e encerramos.

- Zacky, vamos tomar uma hoje? - escutei Syn e Matt convidando ele enquanto nós arrumavamos as coisas.

- Claro - ele respondeu


Zacky

Deixei Ana na casa dela e voltei me arrumar, eu iria sair com os caras hoje, tenho certeza que todo o assunto sobre Ana guardaram para hoje.

Estavamos tomando umas cervejas, Matt estava dizendo que a esposa dele já queria um filho. 

 - indico um cachorrinho, talvez melhore - Syn disse e começamos a gargalhar enquanto Matt só fazia cara de decepcionado

- Kimberly quer casar - Arin disse - Eu não sei o que faço para ela entender que Precisamos esperar mais.

Ficamos a noite toda rindo e zoando, ninguém havia lembrado de Ana, então eu só ria, até que Syn deu a entrada.

- É ninguém ta lembrando que nosso porpeta aqui ó - ele disse apontando o dedo para mim - Desencalhou 

E todos começaram a rir.- Éhhhh - ficavam falando em conjunto

- Eu achei que você era mais bobinho - Jhonny disse rindo

-  Eu prefiro esperar a hora certa, é diferente. E eu e Ana ainda não somos nada, tecnicamente eu ainda to encalhado - eu tentei desfarçar

- Qual é porpeta! - Matt exclamou

- Nós te conhecemos - Syn disse - Vai diz pra gente, brasileira é tudo isso que falam - e todos se curvaram a mesa para ouvir

Eu respirei fundo por uns segundos, e tentei negar, mas não podia mentir, Ana é demais.

- É.. - eu disse rapidamente e cai na risada com eles de vergonha - Corpo maravilhoso

- Hmmmmm

- Vocês podem pegar qualquer modelo aqui. Nenhuma tem coxas, seios e bumbuns como ela - acho que eu tava ficando meio bêbado 

- Nunca reparei - Arin disse colocando a mão no queixo e eu fingi e ia bater nele brincando

- Vamos analisar - Syn brincou e todos concordaram e eu só dei risada

- Mas eae Zacky, nos conte. Você ta só curtindo ou..? 

- Você sabe como me apego fácil - eu disse - detesto só curtir

- Hmmm futura sra Baker? - Matt perguntou.

- Quem sabe... - eu respondi pensando

- Que bonitinho - Syn disse - Sinto que ela vai ser diferente para você cara - e colocou a mão nos meus ombros

- Eu também - eu respondi

- Você ta gostando mesmo dela - Arin concluiu e eu assenti

Eu tava mesmo me apaixonando por aquela mulher.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...