História When the moon cry - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amizade, Drama, Mistério, Terror
Visualizações 2
Palavras 258
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Saga, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Obrigadoooo gente, vocês são muito legais gente, obrigado por lerem essa história, é muito bom e emocionante quando as pessoas lêem o que você escreve, e se preocupam com os seus personagens assim como você😉😅😆😉😆😃😋😁😆😄😚😚😄😋😚😚😄😄😅😭😃😎😁😉😃😭😎😄kkkkkkk chega de emocionanismo ( essa palavra não existekkkkkkk) vamos para o prróximo capítulo dessa história sobre... opa^^kkkkkkk

Capítulo 6 - Ikkai-Arco 5


Três semanas antes do parque de diversões Moon cry ser aberto

Depois da aula, não queria comer naquela hora, só depois quando eu chegassem em casa. Acho que era algo infantil, ou não, acho que não. Fui direto ao campus, não tinha ninguém, o silêncio e a brisa do vento envolvia o meu corpo e me fazia suspirar cada vez mais. 

— É, não tem ninguém aqui, que tranquilidade. — comento para mim mesmo. 

Dou alguns passos no campo verde e passo direto até uma árvore bonita e cheia de folhas. Eu coloco o meu caderno no chão e sento na grama. Coloco os meus fones de ouvido e coloco para tocar no meu iphone: Cool for the summer, bem alto e fecho os meus olhos. 

Ouvindo as letras da música, repetindo as letras com os meus lábios entreabertos e delirando com os olhos fechados. o vento e a brisa no meu rosto e a grama roçando em minha mão e passando entre os meus dedos bem de leve. De longe, dois olhos cor de mel claros me olham seriamente. Então minha mente se enche de imagens, um lugar cheio de luzes, vozes de gritos, homens se branco puxando uma mulher com as mesmas marcas alaranjadas nos olhos, um garoto pequeno, segurando um pingente com um cristal azul no pescoço e brilhante, outro garoto quebrando janelas e roubando coisas, logo desperto daquele transe terrível soando e Bram me olha de olhos desconfiados e sérios. 

— Está tudo bem com você? — pergunta ele. 

— E-e-eu estou...bem... o-oque aconeteceu!!!!!!!! 


Notas Finais


Eae? gostaram? comentem se quiseram me dar algum conselho ou falar teorias, tá???????? ^^😏😄😚😋😎😭😉😃😁😅😆😂😊😭😭>﹏<


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...