História When we were 18 - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Exibições 17
Palavras 1.097
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 14 - It's you


Fanfic / Fanfiction When we were 18 - Capítulo 14 - It's you

Estar de volta era bom. Uma loucura também, shows quase todos os dias, festas quase todas as noites, mas tinha a parte boa.

Havia voltado a ter com os garotos a mesma coisa que tive a 4 anos atrás. Parecia que o mundo havia congelado e que tudo estava do mesmo jeito, exceto com Harry, é claro. Mas mesmo assim minha relação com ele não estava tão ruim assim, um pouco desconfortável, mas ruim? Longe disso.

-Nosso segundo Halloween juntos, isso não é incrível! - falou Niall cantarolando no meu quarto. -Já tem sua fantasia?

-Ainda não, trouxe tudo dentro dessas malas, mas nada de fantasia- Disse deitada olhando o pequeno irlandês saltitante. -Vou comprar hoje.

-Gostaria de ir com você, mas tenho um compromisso. -Disse ele com cara de safado. 

-Aí meu Deus Niall, você vai ter um encontro! -Disse pulando na direção dele. 

-Não que eu esteja muito animado, mas você sabe. -Ele parecia desconfortável com a situação. -Apenas me prometa que você irá me contar todos os sujos detalhes. -Falei rindo. 

Niall riu também, saímos do quarto e fomos descendo as escadas para a sala principal. Eleanor, Louis e Harry estavam na sala.

 -Alguém está livre hoje para comprar uma fantasia de Halloween comigo? -falei me jogando no sofá. Louis e Eleanor negaram, mas Harry sorriu.

 -Acho que temos um vencedor. -Falou Niall olhando o sorriso do amigo.

 -Eu estou 200% livre hoje Hanna. -Falou aquela voz rouca que ainda tinha o poder de me fazer arrepiar.

-Ótimo- disse me levantando- vou trocar de roupa. Já desço.

 Mas Harry também se levantou e subiu as escadas comigo. Olhei para ele desconfiada, mas logo ele se defendeu.

-Calma, só vou trocar de roupa também, não com você, mas não que eu não quisesse- ele parecia nervoso- acho que você entendeu.

-Relaxa- disse rindo- eu não disse nada.

Ele foi em direção a seu quarto e eu fui em direção ao meu, eles não eram longe um do outro.

 Entrando no closet me encontrei desesperada, não sabia o que usar. Era uma das poucas vezes em que depois de tudo o que aconteceu, ficaria totalmente sozinha com Harry, só eu e ele no carro, só eu e ele.

Não me importava com o que Harry pensaria, apenas coloquei o maior decote que consegui encontrar. Coloquei a calça que deixava a minha bunda mais bonita. Um salto que com certeza me deixaria mais perto de sua boca. Fiz uma maquiagem básica, apenas passei um rímel para realçar meu olho. Sai do quarto e Harry me esperava ali fora.

 -Puta merda- disse ele levanto às mãos até a cabeça.

 -O que foi? -Falei olhando para minha roupa. -Tô feia?

 -Longe disso. -disse Harry sorrindo. -Você está incrível

. -Obrigada Styles. Você também não está nada mal, quem é sua estilista.

 Ele riu. Fui andando na frente para que a calça fizesse o efeito que eu desejava. Nos despedimos do pessoal e entramos no carro de Harry.

 No começo estava me sentindo um tanto quanto desconfortável.

 -O Tyler te procurou? -disse Harry quebrando o silêncio.

 -Ele foi algumas vezes lá em casa para tentar pedir desculpas. Eles estão namorando agora. -disse me referindo a Tyler e Jessica.

-Acho que ele foi o cara mais estupido do mundo.

 -Desculpa falar Harry, mas você não fez muito diferente. Harry abriu a boca para tentar se defender, mas logo eu o interrompi.

-Tá tudo bem, sério. -disse fingindo não estar magoada. -já se passaram muitos anos, eu já superei.

 Eu estava gritando por dentro que ainda o amava, que ainda sentia sua falta. Que não havia esquecido do beijo dele, muito menos daquela noite o quarto do hotel. Queria dizer que queria que outras noites daquela acontecessem. Queria que ele beijasse todo o meu corpo, que tocasse em todos os lugares que ele quisesse. Mas eu só disse.

 -Posso ligar o rádio?

                                                                                   ...

 Paramos na primeira loja de fantasias que encontramos, descemos do carro e entramos. A loja estava mais gelada do que no lado de fora, isso fez com que meu corpo se arrepiasse inteiro. Harry notou.

 -Tome meu casaco- disse ele tirando. -está muito frio aqui.

 -Não precisa Harry. -mas ele já estava o colocando em meu corpo. Havia me esquecido sobre sua teimosia.

 Logo que o casaco foi posto sobre mim pude sentir o mesmo cheiro de Harry, aquilo me trouxe uma sensação absurdamente boa. Fechei meu olhos e aproveitei o momento.

-Eu sei -disse Harry. -ainda tenho um moletom com o seu cheiro.

Só então percebi que estava daquele jeito na frente dele, isso fez com que meu rosto ficasse vermelho

. Tentei desviar o foco e fui ver as fantasias. Harry começou a fazer o mesmo. Para minha surpresa as coisas começaram a ficar bastante normais entre nós. Eu o mostrava alguma fantasia e ele dizia se aprovava ou não. Ele fazia o mesmo comigo e até eu conseguir escolher alguma, meus olhos já estavam cheios de lágrimas de tanto que eu estava rindo.

Por fim escolhi uma fantasia de Mulher Maravilha, e tenho que admitir, fiquei um arraso. Sai do provador para mostrar ela a Harry, já que o mesmo havia sentado na poltrona e disse que não sairia dali até mostrar a fantasia para ele.

 -Como eu conseguiria te esquecer? -falou Harry olhando para mim naquela fantasia.

 -É essa. -disse para a atendente. Aparentemente ela havia causado o efeito desejado.

                                                                        HARRY P.O.V

Eu não estava entendendo muito bem o que Hanna estava tentando fazer comigo, mas ao mesmo tempo sabia que ela estava conseguindo. Ela estava cada dia mais gostosa, mais linda, mais inteligente e determinada, e isso conseguia me deixar louco. Eu tinha que me controlar tanto para não ficar excitado na frente dela, mas toda vez que ela aparecia a única vontade que eu tinha era de agarrar ela e levá-la para minha cama. Eu queria beijar aquele boca, queria passar a mão pelos seus cabelos, queria fazer tudo de mais sujo que eu era capaz de imaginar. Eu tenho que admitir que quando ela saiu daquele provador na loja, eu só conseguia pensar no quanto eu queria aquela garota de volta. E do quanto eu ainda era dela.

 -Como eu conseguiria te esquecer?- minha boca falou mais rápido do que meu cérebro poderia pensar.

Mas nada importava naquele momento. Ela estava ali, usando uma fantasia onde deixava toda sua perna nua. Onde seus ombros ficavam nus e onde seu peito ficava implorando para eu os beijar.

Fechei a cara ao me lembrar de que não seria o único a vê-la naquela fantasia.


Notas Finais


Demorou mas chegouuuuuu. HaHa está oficialmente de volta


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...