História Where Do Broken Hearts Go - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Personagens Originais
Visualizações 8
Palavras 293
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - Boyfriend.


Eu fiquei paralisada a onde eu estava.

-Olá meu amor.-Ele fala chegando perto de mim ameaçando me dar um beijo.

-Saia de perto de MIM.-Ele dá o seu típico sorrisinho cínico, admito que mesmo o odiando ele continua bonito-Mãe, o que ele está fazendo aqui? Por que o deixou entrar nessa casa? 

Tudo bem que ela não tinha culpa, mas naquele momento eu só o queria o mais longe possível de mim.

-Achei que ele fosse seu namorado-Ela fala confusa.

-NÃO.... Apenas mande ele embora tudo bem?.-Minha mãe assente com a cabeça.

-Fiquei feliz em te rever Sweetheart-Ele me dá um beijo no canto da boc

a, que logo trato de limpar.

Minha mãe o leva até a porta se despedindo dele. Subo correndo para o meu quarto. 

Entro no banheiro me dispo.

(...) 

Já faz mais ou menos 30 minutos que eu estou aqui nesse parque tentando me acalmar mas parece que foi só eu vir aqui que piorou tudo. Estou no parque em que conheci meu melhor amigo, lembro do meu primeiro namoradinho, Matt foi o primeiro a saber, aquele dia eu estava tão feliz, nós estávamos pulando em meu quarto.

Só percebo que eu estava chorando quando sinto a presença de alguém ao meu lado. Se você pensou naquele idiota da comida, acertou. Trato de enxugar as lágrimas.

-O que você quer aqui?- Fico feliz comigo mesma por não chorar de novo. Levanto minha cabeça para encara-lo e vejo que ele estava pior do que eu. Ele estava com os olhos vermelhos, o rosto inchado, o cabelo loiro bagunçado.-V-você está bem?- Pergunto e o mesmo começa chorar.

-E-eu.. E-ela-Ele soluça não conseguindo falar, tudo o que ele fez foi me abraçar, ele já estava soluçando enquanto eu por incrível que pareça havia retribuído o abraço.

Apartir daí as coisas vão mudar :3





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...