História While I Was Telling You - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7
Personagens Jinyoung, Personagens Originais
Tags Fanfic, Got7, Park Jinyoung, Pesadelo, Romance, Suspense
Visualizações 6
Palavras 231
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Bishoujo, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Self Inserction, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


'Às vezes nós estamos de pé pelas coisas que nós nunca compreendemos'
- Round and Round, Heize feat. Han Soo Ji

Capítulo 1 - 01. Prólogo - Round and Round


Como todas as noites, uma premonição invadia minha mente. Meu psicológico agonizava a cada crime terrível.

Desta vez, estava em um beco escuro. Duas mulheres estão lutando.

Me entregue! - uma delas gritava.

Eu queria correr, mas minhas pernas estavam basicamente, congeladas. Não conseguia me mover.

Raiane!!!! - a que perdia gritava por mim. Eu nunca conseguiria alcançá-la.

De repente, as moças olharam para mim e descobri suas identidades.

Jang Mi Young ou Therese em francês. Rica. Porém naquele momento passava por dificuldades. Possuía uma joia valiosíssima, Os cristais da lua cheia. Um colar lindo, de valor inestimável.

Hong Jin Ah estava prestes a tomar a joia e matá-la. Vivia de modo confortável mas altamente ambiciosa. Sua ambição a mataria um dia.

Jin Ah ergueu uma baioneta que tinha consigo. NÃO!, eu gritei. Mas eu sabia, era inútil. Ela feriu Mi Young no peito, na barriga e fatalmente no ombro. NÃO! NÃO!

O corpo de Mi Young caiu. Ela morreu? eu me perguntava Sim, ela morreu.

Jinah puxou violentamente o colar do pescoço da falecida e, não satisfeita, começou a mutilar a mão da morta. Quanta crueldade.

Quando enfim conseguiu arrancar a mão de Miyoung, sorriu para mim de maneira irônica. 

Você nunca poderá alterar o passado.

Suas palavras me fizeram despertar rapidamente.

Coitada de Therese, que morte cruel que o destino lhe reservou.

Coitada de mim, por prever sua morte


Notas Finais


Oi gente!
Depois de passar um bom tempo afastada das fanfics estou de volta! Estou arriscando um novo gênero e um novo grupo, então espero que gostem da minha tentativa :).
Beijos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...